Quantcast
PplWare Mobile

GIMP: O “Photoshop do povo’ completa 25 anos de existência

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Felipe Cardoso says:

    Uso demais!

  2. Samuel MG says:

    Uso de vez enquanto!! Super fácil de usar!!

    • O bastardo says:

      Não acho nada fácil de usar, aliás, opções gratuitas estilo Photoshop / Paint Shop Pro são poucas e geralmente com muitos entraves.

      • carlitos says:

        O GIMP tem uma curva de aprendizagem (longa) igual á do PHOTOSHOP, que faz sentido gastar tempo e esforço, para quem faz trabalhos complexos de edição de imagem. Para coisas simples, de uma pessoa comum, existem outras soluções, como o PAINT,…

  3. AC says:

    Há uma personalização do GIMP para quem está habituado ao Photoshop (PhotoGIMP). A instalação via snap utiliza a v2.10 do GIMP.

    https://snapcraft.io/photogimp

  4. joão says:

    Krita é também bastante bom, muito mais activo e mais leve! 🙂

  5. Fernando Gomes says:

    Sim uso o GIMP desde sempre, e para o que faço não preciso de outro

  6. kodiakshadows says:

    Usei durante muitos anos e os daSerif pago que servia para o que eu queria. Depois de sair os Affinity que bate o PS pelo preço e não só, nunca mais usei o GIMP, que me deu muitas horas de diversão. Recomendo para quem não quer gastar dinheiro e não exige muito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.