Quantcast
PplWare Mobile

Facebook irá remover informações falsas sobre as vacinas COVID-19

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Spoky says:

    Falso com o quê? Uma teoria nunca pode ser falsa, sem existirem provas. E muitas das quais nem existe contra nem a favor, vão censurar o quê?

    Uma breve leitura e sabemos com quem estamos a lidar
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Adam_Weishaupt
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Illuminati

    E por ai fora… Não me refiro só a eles, há muito mas muito mais por detrás destas censuras. Se fosse algo banal, nem se davam ao trabalho de censurar, censuram porque sabem que a verdade cria estragos.

    Caso contrário ignoravam e assobiavam para o lado, o que não acontece > o que faz acreditar que certas teorias estão certas 😉

    • Pedro says:

      That escalated quickly Spoky.
      Podiam só marcar como contendo conteudo não factual em vez de eliminar.

    • GroundZero says:

      e pq não se pode referir no FACESHIT o famoso vídeo “11b 45 1t8”?

    • eu2 says:

      Não esquecer que a mentira também causa estragos.
      Falso, de acordo com a ciência. Se o consenso do conjunto das pessoas que estudam determinado assunto é que algo é assim, e nesse algo estão envolvidos custos demasiado altos (ao nível de vidas, no caso das vacinas) faz sentido removê-la do público. Não é a teoria/opinião do Zé Fulano da Quinta das Couves Sabe-se-lá-de-onde, que um dia estava deprimido com a vida porque tudo lhe corria mal e decidiu ir ao facebook postar umas vaporadas que chegaram a milhares ou milhões de pessoas pela internet fora, que vai valer algum benefício para a sociedade. Ele que estude e se junte a eles na discussão, não é no facebook que vai lançar novas teorias que refutam tudo e todos.

      • Spoky says:

        Quantes mentiras que causam estragos e estão diariamente no Facebook e NÃO são apagados nem eliminados? Quantos e quantos?

        Já vi até pessoas a serem decapitadas, e a única coisa que esta la é “este conteudo contem imagens ou videos chocantes” aparece uma mensagem semelhante a essas em alguns vídeos no Facebook

        E sim tem milhares de visualizações, não acredito que nenhuma alma gemea não se tenham dado ao trabalho de reportar.

        E ai tens a tua resposta, queres outra? CMTV é um jornal que utiliza títulos escandalosos que as vezes não tem nada haver com a noticia, são censurados? Não.

        Foram filtrados como “Fake News” quase nunca ou raramente!
        Isto só para concluir, o Facebook não toma ações contra o que não interessa. Mesmo que seja violencia, bullying etc.

        Eles na maioria dos casos ignoram tanto a Nudez! Mas teorias são logo removidas.

        O Interesse é óbvio, as Vacinas dão dinheiro. E ninguem quer perder nada! Dai ser censurado.

        Se tu sabes que é apenas uma opinião, certamente ignoravas e não censuravas.
        Não é o caso, eles censuram mesmo porque há algo que não querem que as pessoas saibam.

        Caso contrário ignorariam, e assobiavam para o lado (tal como disse anteriormente).

        O que não fazem.

        • AD9 says:

          Dai a minha opinião que esta MODERAÇÃO mais forte se quiserem já vem tarde.
          Já há tanta treta aí a correr que se for preciso uma epidemia para de facto as redes sociais (ou quem as gere neste caso) abrir a pestana para a quantidade de porcaria que por lá anda, se calhar foi a única coisa positiva no meio disto

        • eu2 says:

          Haver mentiras à solta no facebook a causarem estragos bá muito tempo não razão para não se começar por algum lado.

          Estás a dizer que estão a remover posts sobre as vacinas porque elas dão dinheiro. Mas dão dinheiro às farmacêuticas ou às redes sociais?
          Eles não removem porque há “verdades” ocultas. Essas “teorias” andam por todo o lado à solta, e como temos visto só tem causado desastres. Porque elas chegam pela internet a pessoas que pouco ou nada sabem do assunto e não sabem interpretar corretamente as informações e começam a agir de forma perigosa (por ex. não apanham a vacina) e depois isso trás consequências a nível da saúde pública e da economia porque a pandemia se mantém por mais tempo.

          CMTV: também conheço o conceito de clickbait e concordo que deviam ser melhor estudadas formas de combater isso.

      • Miguel says:

        Quando se refere a especialistas, está falando de quem? Do especialista Bill Gates? Esse tem a porta aberta em todo tipo de media para dizer o que quiser logo como verdade, no entanto ele tem menos credencial no ramo da biologia e medicina do que eu. Curioso, afinal é uma questão de poder económico. Podem sempre alegar que ele transmite a posição de muitos especialistas, o quais são escolhidos e pagos por ele. Muito credível isso.

  2. Urtencio says:

    Na minha modesta opinião este tipo de “censura” devia ser proibida! Hoje é o covid amanha estão a controlar o que tu podes ou não ver tipo ditadura na Coreia do Norte!

    Desde sempre as noticias falsas existiram, o que hoje chamamos de fake news eram boatos até a bem pouco tempo.

    Eu se for ao café e estiver um artista a pregar qualquer coisa que seja, tenho de ter a destreza e um bocadinho de raciocínio critico e ver este gajo é um autentico anedotas!! O que infelizmente as pessoas hoje em dia não têm e papam tudo o que lhes dizem tipo rebuçados.

    Agora empresas tipo Twiter o Facebook, youtube a fazerem a triagem do que as pessoas podem escrever/dizer consoante os ideais das mesmas sejam elas partidárias religiosas ou qualquer que seja????

    • AD9 says:

      Mas o seu comentário só da força a este tipo de moderação, sim pq CENSURA e MODERAÇÃO são coisas diferentes e sinceramente para mim esta medida só peca por tardia.
      Já há tanta desinformação por ai e correr e é um pouco como você diz o povo não sabe pensar por si e papa tudo. Ainda há pouco havia um post que dizia que supostamente abanar as garrafas de gás podia fazer com que explodisse, e eu só consegui pensar que aqueles que as andavam a entregar a dezena em carrinhas de caixa aberta então deviam ter um seguro de vida do caraças mas para milhares de pessoas fazia todo o sentido e era uma publicação bastante viral.
      Na minha opinião não pode ser o 8 ou o 80, não haver censura não quer se pode deixar tornar viral toda e qq porcaria/teoria que o pessoal se lembre de debitar e um pouco de moderação já vem tarde.

  3. Jose Alves says:

    Esta noticia prova que o Facebook e “DONO DA VERDADE”

  4. Jacinto says:

    Mas que ira o que. Já está a fazer isso desde o principio da pandemia.

  5. Jlucas says:

    Utilizadores vão remover facebook por não ser compatível com liberdade de informação e fazer publicidade a laboratórios e vacinas.

  6. eu2 says:

    “a vacina ser a única forma de a travar [a pandemia]”

    De certeza que é a única forma? Já exploraram esta? https://time.com/5912705/covid-19-stop-spread-christmas/

    • Vítor M. says:

      Segundo os peritos, que todos os dias falam em vários canais, para já, a única forma de se conseguir parar a pandemia é a vacinação. Pelo menos é esse o caminho, com muitas vacinas já a ficar prontas para se iniciar os planos de vacinação por esse mundo fora.

      Haverá outra forma? Provavelmente haverá, mas ninguém está a garantir que a testagem seja tão eficaz ao ponto de parar a pandemia, mesmo havendo testes de fácil acesso a todos, até os que se podem fazer em casa.

      Os testes podem ser uma excelente ajuda sim, mas será que as pessoas, voluntariamente, faziam os testes e mostravam os resultados? Há muitas dúvidas sobre tudo, mas parece que as vacinas são as que têm menos nuvens dessas dúvidas. Esperemos que sejam eficazes e em breve isto esteja resolvido.

      • AD9 says:

        Infelizmente esse é o ponto fulcral, o mesmo Zé Povinho (falando globalmente) que virou tudo do avesso por ter de usar máscara, ia se testar semanalmente (pelo menos) e voluntariamente?

        • eu2 says:

          O que o michael mina, epidemiologista que escreveu esse artigo, tem argumentado é que as pessoas (mais direcionado aos EUA, mas pode-se aplicar em certo ponto a outros países) estão cansadas de estratégias top-down, que os governos lhes digam o que fazer, e se puderem ser elas próprias a testarem-se e agirem de acordo será muito mais fácil. Quem é que ao testar positivo em casa, na sua privacidade, vai decidir ir a uma festa de natal com familiares que possam sofrer com isso?
          Quem não quer ser testado, se for fácil, barato, e com privacidade? Que motivo haverá?

          • AD9 says:

            Rapaz acredita que sou o primeiro a achar que é uma boa ideia mas a menos que obrigasses as pessoas a publicar o resultado vejo muita gente a acusar positivo e a “cagar na cena” pq se sente bem, percebes

          • eu2 says:

            “So even the most hardened, non-mask-wearing guy, a guy in Wisconsin or Montana who, you know, doesn’t want his buddies to know that he is interested in this virus at all — he still doesn’t want to kill his mom. And he knows that he goes to work every day, and there’s a lot of COVID, and his mom’s 85 years old. Even somebody like that who might not be willing to wear a mask would be willing, I believe, to use the test in the privacy of their own home. It takes 30 seconds to do and five, ten minutes later, they see a line or they don’t. And they see the line and take a confirmatory test. Then maybe they just call their mom and say, “Hey, mom, I’m not going to make it tonight.” ”

            “But I’m convinced that most people in the country don’t want to get their friends or loved ones sick. This is an approach where people, I think, can be empowered to know their status, and maybe they still go to work, but maybe they don’t visit their mom. And maybe while they’re at work they keep their distance from their friends, don’t have lunch at the same table with them.”

            Se vai “cagar na cena” pq se sente bem, nem vale a pena estar a testar-se.
            Claro que isto não é 100% eficaz, nem todos os que testassem positivo se iriam isolar completamente. As vacinas também não são 100% eficazes.

          • AD9 says:

            Pois mas ou é só papel ou muita gente aqui no mesmo no site (agora imagina no global) que não levam esta pandemia a sério. Tens um papagaio que tudo o que comenta é o número de mortos e a desvalorizar a situação.
            Pah em teoria é um bom plano na prática, acho que já vimos que não podemos confiar na população nem para se proteger a si mesma.

      • GroundZero says:

        existe uma “cura antiga” … um medicamento ANTIPARASITÁRIO chamado > IVERMECTIN < … que cura/mata 100% da versão anterior "trojan horse"(pq não afectava os seres humanos) e que se chamava SARS-COV1…e que misteriosamente desapareceu quando apareceu o SARS-COV2(que é destruído em 80% pelo IVERMECTIN…)???
        Ademais com essa luta por % eu prefiro uma cura que nem que tivesse 1% de cura mas que esse 1% fosse evitar que o PARASITA que ligasse com sucesso ao ser humano(numa específica proteína)…como acontecia com o SARS-COV1 que não infectava seres humanos pq não se conseguia ligar …mas depois vieram os chineses e deram-lhe essa habilidade!e ninguém acha esquesito que um virus (SARS-COV2)que já cá anda à pelo menos 5 anos ainda não tenha tido qq mutação?

      • eu2 says:

        Talvez devessem dizer que é a única forma comprovada.

        • Vítor M. says:

          Mas não é, atenção que os testes em laboratório não são o mesmo que fazer os testes na população. Vejam oq eu diz a FDA.

          • eu2 says:

            Estava a dizer que talvez devessem dizer que *as vacinas* são a única forma comprovada; concordei com o que disseste.

            Quanto à FDA, na entrevista que acabei de colocar ali em cima, o Mina refere a forma errada como os testes têm sido vistos, de terem que ser perfeitos na precisão quanto aos falsos positivos e falsos negativos. Mas isso é útil apenas para um diagnóstico de um paciente e não para este que não é um problema médico mas de saúde pública.
            És capaz de achar interessante ler aquela entrevista.

  7. sujeito says:

    Já vai demasiado tarde…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.