Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Registo de sintomas e validação das SMS recebidas

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Carlos Santos says:

    Alguém sabe explicar o seguinte:
    1.º – Se o infetado não registar o Código na aplicação para que é que ela serve?
    2.º – Se o infetado tem de estar obrigatóriamente confinado ao seu alojamento senão vai preso, como é que ele pode estar e menos de 2 metros de outros que não sejam a sua família ou os vizinhos do outro lado da parede?

    • Ricardo Almeida says:

      A maioria das pessoas ainda não percebeu como a app funciona e qual é o propósito dela, apesar da quantidade de informação que existe.

      A app funciona da seguinte forma:
      A pessoa A, que tem a app activa no telemóvel, passa num certo dia a menos de 2 metros (ou num raio de 20 metros) por uma pessoa B que também tem a app activa.
      A pessoa B num certo dia começa a ter sintomas e é diagnosticada com Covid-19 e é-lhe atribuído um código no qual introduz na app.
      Ao fazer isso, todos os equipamentos que estiveram a ou a menos de 2 metros ou num raio de 20 metros do telemóvel da pessoa B, irão receber um alerta de que estiveram, nos últimos 14 dias (acho eu que é este o intervalo de actualização da base de dados), a menos de 2 metros ou estiveram num raio de 20 metros de uma pessoa que lhe foi diagnosticada Covid-19.

      O objectivo da app não é indicar que estamos perto de uma pessoa infectada, porque para isso acontecer a pessoa infectada teria de estar a violar a lei de isolamento, mas sim que num intervalo de tempo podemos ter estado perto de uma pessoa ao qual, nesse período de tempo, foi-lhe diagnosticada Covid-19.

      O objectivo da app é ajudar a identificar cadeias de contágio.

    • eu2 says:

      1. Se o infetado não colocar o código na app ela ainda serve para o notificar se esteve em contacto com alguém que colocou o código. E não vale a pena dizer que ninguém vai colocar o código, isso não é verdade. Também não é verdade que todos vão colocar o código. Mas quantas mais pessoas o fizerem mais rápido acabamos com isto.

      2. A app só notifica quem esteve em contacto com o infetado nos 14 dias antes de colocar o código na app, e não notifica quem estiver em contacto com o mesmo nos dias seguintes. (O código só é válido até um dia depois de fazer o teste) Ou seja, se o infetado acabou de fazer um teste e descobrir que está infetado, já poderá ter estado ao pé de muita gente a transmitir-lhes o vírus sem saber.

      • Sujeito says:

        A lógica de que uma app destas “vai acabar com isto” é uma falácia lógica.

        Primeiro era ficar fechado em casa, depois era ficar fechado fechado mais tempo ainda, depois era distanciamento, depois era mascaras, agora é a App. Chama-se goalposting, técnica bastante conhecida e facilmente reconhecida nesta atualidade.

        Essa App, quanto muito, é um auxílio, um que ainda está por provar qualquer tipo de eficácia e que na sua premissa de funcionamento já viola as próprias guias de privacidade a que se propõe cumprir.

        Concordo quando dizes que nem todos vão colocar o código, e que muitos o irão fazer. Outros tantos nem saberão operar com a app (pista: os velhotes que são o ponto fulcral de tudo isto). E muitos não vão querer instalar sequer, pelos mais diversos motivos.

  2. Theboice says:

    Por essas e por mais algumas não instalarei tal app… cuidem-se…

  3. Jorge Carvalho says:

    Quais fins politicos ?

    Abc

  4. Carlos Santos says:

    #Desmascarar

    Dia 20 vai haver uma manifestação em Lisboa, Porto e Coimbra contra esta insanidade e as medidas que estão a levar a nossa sociedade à bancarrota financeira e psicológica.

  5. ToFerreira says:

    Fins políticos? Lol! Nem 8 nem 80…

  6. Samuel MG says:

    Vocês no pplware já não estão cansados de bater na tecla da app?

  7. Miguel says:

    Serei o único que não consegue apanhar covid-19? Não está fácil, mesmo estando constantemente em multidões e jantaradas. Também não conheço ninguém que tivesse, o que não ajuda.
    Estou para ver se a pandemia acaba e não gozo dos 14 dias (ou mais) em casa que tanto jeito me fazem 🙁

  8. Samuel MG says:

    Preparem-se o governo está a discutir tornar a mascara obrigatória na rua.

  9. C.S. says:

    Eu concordo com todas as medidas, confinamentos, máscaras, desinfecções, multas, tudo o que vier à cabeça dos malucos que estão a gerir esta parvoíce, desde que todos sem excepção estejam como eu, com menos um terço do ordenado desde Março.

  10. recondicionado says:

    Aldrabice Covidária, sempre ao ataque.
    Os cidadãos continuam a ser manipulados
    pelos Regimes, e as restrições aumentam:
    As populações são aprisionadas nas suas
    própias casas, ameaçados por multas pesadas
    ou acagaçadas por um perigo de morte totalmente
    irreal.
    Verdadeira experiencia de manipulaçao psicologica
    á escala planetária

  11. recondicionado says:

    Pois, se calhar já apanhas-te e nao sabes … e ja agora quantas vezes : já apanhas-te e nao sabes.
    O/A Covid nº 19, deve ser a única doença que se apanha , e nao causa efeitos.
    É mais ou menos como inspirar uma lufada de ar, ou beber um copo de água.
    A doença por definição é um estado anormal do organismo que o impede de funcionar com normalidade.
    Se a covid é inconsequente como é que pode ser uma doença ?
    É que nem sequer se vê alguém a espirrar …

  12. recondicionado says:

    Pois, se calhar já apanhas-te e nao sabes … e ja agora quantas vezes .
    Ou seja apanha-se a covid , nao se sabe – ao fim de 14 dias de incubaçao ,
    é impossivel nao se saber – deixa-se de ter covid.
    No mês seguinte o processo repete-se: apanhar, nao saber, largar.
    O/A Covid nº 19, deve ser a única doença que se apanha , e nao causa efeitos.
    É mais ou menos como inspirar uma lufada de ar, ou beber um copo de água.
    A doença por definição é um estado anormal do organismo que o impede de funcionar com normalidade.
    Se a covid é inconsequente como é que pode ser uma doença ?
    É que nem sequer se vê alguém a espirrar …
    Cadê as gripes e constipações, alérgias, … etc.

  13. Sardinha Enlatada says:

    Covid um conjunto de mentiras enfiado goela abaixo (so fico perplexo porque pessoas inteligentes tambem acreditam nisso). 1º mentira assintomaticos que contagiam. Oiii ? 2ª mentira garrafinha de gel para matar o virus. Oiii ? 3º mentira virus que se replica nas superficies. Oiii ? 4º mentira este virus veio quebrar tudo o que se sabe sobre virus. Este e um super-virus, resiste a furacoes, tufoes, ondas de calor, chuva granizo etcc. E eu pergunto mas o virus consegue sobreviver fora de uma celula hospedeira ? Oiii. Um conjunto de mentiras que muitos guardam no bolso religiosamente.

    • Hugo says:

      Depois de tanto disparate vais reforçar as tuas afirmações com argumentos válidos?
      Há uns meses ainda pensava que Portugal escaparia a esta onda de BURRICE generalizada e baseada em fake news de facebook, mas é real. Os ignorantes andam aí e vieram para ficar.

  14. Sardinha Enlatada says:

    Pois esqueci de referir que este e um virus bebe, demora cerca de 14 dias a nascer e a mostrar as suas garras. Haja paciencia para tanto disparate junto. Os virologos que leem estas coisas devem fartar-se de rir com o virus que o homem inventou. A maior invencao do sec. depois do descobrimento da roda.

  15. C.S. says:

    O princípio da vacina, não é injectar uma pequena porção do vírus para o sistema imunitário ganhar resistência?
    Ao respirar não podemos inalar o vírus?
    Será que os “infectados” estarão mesmo infectados?
    Ou será que aqueles que estão a ser testados já têm anti corpos para resistir ao vírus?

  16. recondicionado says:

    Verdadeiramente o que me deixa apreensivo , nao é de certeza o covid , mas
    as medidas de emprisionamento das populações e a destruição demagógica das liberdades mais essencias e simples : deslocação, contestar a existencia da doença, ou contestar as medidas da alegada contençao da doença.
    Nota: sem mascara nao se pode comprar nada. Até para comprar por correio
    temos de usar mascara, no ato de receber pessoalmente a encomenda.
    O que mais virá por aí , patrocinado pelos regimes que nos desgovernam.

  17. recondicionado says:

    Nas vacinas nao se injeta o virus ativo.
    o Virus tem de ser desativado, morto , destruido.
    O que vai na vacina é o cadáver do virus.
    Mas confirmem:
    https://en.wikipedia.org/wiki/Vaccine

  18. recondicionado says:

    Vacinas feitas com virus Atenuados!

    https://en.wikipedia.org/wiki/Vaccine
    “Some vaccines contain live, attenuated microorganisms. Many of these are active viruses that have been cultivated under conditions that disable their virulent properties, or that use closely related but less dangerous organisms to produce a broad immune response. Although most attenuated vaccines are viral, some are bacterial in nature.”

    • C.S. says:

      Então e se não tomares a vacina e apanhares o vírus?
      O teu corpo não ganha defesas?
      Como é que pensas que o teu corpo reage às centenas de vírus que circulam livremente na natureza?

    • C.S. says:

      Como vês a tal subida de casos provavelmente já é a resposta natural à exposição do vírus.
      Existe subida de infectados, mas os internamentos estão a descer, e nos cuidados intensivos também.

  19. C.S. says:

    Imagina os responsáveis admitirem o embuste. Já pensaste nas consequências?
    Imagina que as pessoas chegam à conclusão que não precisam da vacina para nada. O que é que eles iam fazer aos milhões de vacinas que já estão encomendadas? Para não falar dos milhões de seringas, milhões de agulhas, milhões de frascos, e outros milhões que agora não me lembro.

  20. recondicionado says:

    https://fr.wikipedia.org/wiki/Système_immunitaire
    OK!
    Mas olha, que os virus serao mais na ordem dos milhoes de especies e terao de ocupar um hospedeiro – airborne e em superficies exteriores só algumas especies e talvez apenas por horas .
    As bacterias sao mais resistentes. mais todo-o-terreno. mais SUV.

  21. C.S. says:

    Mas já reparaste que as bactérias que estão a aparecer agora é derivado ao excesso de produtos de limpeza. As chamadas super bactérias.

  22. recondicionado says:

    o excipiente das vacinas até parece um filme de terror:

    “Excipients

    Beside the active vaccine itself, the following excipients and residual manufacturing compounds are present or may be present in vaccine preparations:[65]

    Aluminum salts or gels are added as adjuvants. Adjuvants are added to promote an earlier, more potent response, and more persistent immune response to the vaccine; they allow for a lower vaccine dosage.
    Antibiotics are added to some vaccines to prevent the growth of bacteria during production and storage of the vaccine.
    Egg protein is present in influenza and yellow fever vaccines as they are prepared using chicken eggs. Other proteins may be present.
    Formaldehyde is used to inactivate bacterial products for toxoid vaccines. Formaldehyde is also used to inactivate unwanted viruses and kill bacteria that might contaminate the vaccine during production.
    Monosodium glutamate (MSG) and 2-phenoxyethanol are used as stabilizers in a few vaccines to help the vaccine remain unchanged when the vaccine is exposed to heat, light, acidity, or humidity.
    Thiomersal is a mercury-containing antimicrobial that is added to vials of vaccine that contain more than one dose to prevent contamination and growth of potentially harmful bacteria. Due to the controversy surrounding thiomersal it has been removed from most vaccines except multi-use influenza, where it was reduced to levels so that a single dose contained less than 1 micro-gram of mercury, a level similar to eating 10 g of canned tuna.[66]”

    Até mercúrio levam!
    Daí o movimento anti-vacinas , e a suspeita de eventualmente estarem
    na origem do autismo.

  23. recondicionado says:

    Sim, os antibioticos , até sao receitados pelos medicos para combater a gripe. E sao injetados nos produtos alimentares para resistirem mais tempo sem entrarem em decomposição bacteriana. As bacterias adaptam-se.

  24. C.S. says:

    As bactérias adaptam-se e os vírus também. Vamos ver os resultados da estupidez das máscaras daqui a uns tempos.

    • Hugo says:

      Criticas muito. “vamos ver”…. Depois dos resultados é fácil criticar.
      Ainda estamos à espera que digas algo de novo e bem fundamentado.
      As máscaras já eram utilizadas antes do covid em muitas situações, era sensato apresentares os malefícios vs benefícios nesses casos.

  25. C.S. says:

    No “post” sobre as máscaras tens lá a explicação, e se andaste na escola, deves ter aprendido em biologia como é a propagação dos vírus.
    Neste momento não há desculpa para a falta de informação.
    E também não há razão para medos irracionais sobre previsão de tragédias.

  26. C.S. says:

    Ó Bugo ainda bem que o covid veio para dizimar os burros. Já viste a praga que ainda há para aí?
    Tu não, tu ficas porque és um gajo muito esperto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.