Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Recusar teletrabalho terá de ser feito por escrito

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Miguel C says:

    A empresa paga o consumo energético feito a mais por via do teletrabalho?
    Para manterem as casas quentes, as contas de eletricidade ou de gás vão subir e bem.

    • Jorge2 says:

      Se subir só se for de eletricidade e não é muito
      Basta me ter a torre no quarto que fica isto bem quentinho

    • Ricardo says:

      Só vês a parte negativas. Sempre podes dispensar a mulher a dias, enquanto fazes um conferência podes passar a ferro.

    • Xnelox says:

      Todos os que optarem em regime teletrabalho vão ter desconto nos ordenados porque o trabalhador não vai gastar dinheiro em transportes públicos ou combustível no seu veículo

    • Miguel says:

      O português vê sempre o copo meio cheio.
      Também não vais gastar em transportes. Poupas quilómetros ao teu carro, diminuis o risco de acidentes.
      Vistas as contas de muitos português, até pode ser mais vantajoso trabalhar em casa.

      • Miguel C says:

        Com consumos noturnos, habitualmente, quanto se gasta em eletricidade ou gás para aquecer a casa?
        Com consumos de 24h, praticamente, quanto acham que irá ser o consumo. Os passes não estão nas aml e amp a 40 eur por mês? O trabalhador vai ficar a perder.
        Na vertente financeira, porque quando se fizer contas à questão psicológica e comportamental, precisamos de olhar para a questão a duas gerações, pelo menos.

        • Técnico Meo says:

          Consumos de 24 horas…má gestão em casa, lamento.
          ” …Na vertente financeira, porque quando se fizer contas à questão psicológica e comportamental, precisamos de olhar para a questão a duas gerações, pelo menos. …” Disparate autentico. Verborreia de encher de sociologia não aplicável. Estou em teletrabalho faz 6 meses, todos os dias agradeço imenso. A minha família igual. Há pessoas que nunca estao bem, de forma alguma.

          • Miguel C says:

            Caro técnico meo, Portugal tem cerca de 10 milhões de habitantes. Sabe as condições da maioria das casas e os ordenados das pessoas que vivem nas piores condições?
            É assim tão complicado ver o retrato do país?
            Moro em Haia meu caro. Tenho a casa sempre a 22 graus por 100 eur por mês. É uma pechincha para o que trazemos para casa, numa casa com boas condições. Não me estou a queixar por mim, estou a falar do que passa a grande maioria dos cidadãos portugueses…

          • Miguel C says:

            As repercussões do teletrabalho, que veio para ficar mesmo pós pandemia, vão ser tremendas.
            Está a ver quando os miúdos são criticados por não saberem brincar na rua uns com os outros, como antigamente? O que se refere é a comunicação, a socialização. Tudo isso vai levar uma mudança brutal. Veremos como os nossos intelectos irão assimilar tamanha mudança social.

    • eu says:

      É verdade que o consumo de eletricidade aumenta consideravelmente (verifiquei isso mesmo) mas se vamos fazer comparações e contas, que a façamos como deve de ser, pois também poupei imenso em custos e tempo de deslocação.
      OK, acaba-se por fazer mais tempo de trabalho (e mais trabalho) mas ainda assim não se compara com o tempo basto em deslocação.

    • Miguel says:

      Não queres vai trabalhar para a empresa. Não compliques.
      Quanto a mim só o tempo que ganho e o dinheiro que pouco em transportes é razão mais que suficiente para preferir o teletrabalho.

    • Toni da Adega says:

      Sai mais barato ir para o trabalho todos os dias que ficar em casa? E ao ficar em casa não se poupa nada seja em tempo ou dinheiro?

      • Miguel C says:

        Depende dos casos.

      • José Fonseca Amadeu says:

        No meu caso com carro da empresa e cantina por 2€ poupo mais ir para a empresa.
        Embora possa estar em teletrabalho optei desde Março fazer 2 dias no local de trabalho e 3 em casa para não ficar maluco da cabeça, pedi à entidade patronal para passar declaração e bastou.

        • Miguel C says:

          Há outro comentador que está satisfeito e a família também. Lá está. Varia de pessoa para pessoa e das condições da casa.

          • José Fonseca Amadeu says:

            Tenho casa com jardim e piscina, boa exposição solar, etc. Para mim é imprescindivel a rotina de sair de casa e conviver com pessoas fora do meu circulo familiar.
            Se fosse ébola ainda ponderava sujeitar-me a ficar em casa.

  2. eu says:

    Agora não é como na primeira vaga.
    Se a empresa não quiser ter os funcionários em teletrabalho, faz um documento a dizer que o funcionário não pode estar em teletrabalho e pronto (mesmo que o mesmo esteja no escritório no seu cubículo a fazer o mesmo que em casa).
    Não há fiscalização e ninguém vai contrapor o patrão, portanto …

    • Ze Duarte says:

      Isso achas tu. Na minha empresa já vão aprensentar queixa não quer mandar ninguém para teletrabalho porque dá trabalho configurar tudo.
      Não se deixem levar pelas tretas dos vossos chefes que acham que são imunes ao covid.

      • Ricardo says:

        Direitos todos temos, bom ambiente no trabalho depois de se fazer certas merdas é que não. Funciona onde funciona.

      • trupe says:

        E depois as pessoas são despedidas, por uma razão qualquer e não se sabe porquê… no minimo fica um ambiente de trabalho mau…

      • eu says:

        Isso é tudo muito bonito na teoria mas vai pôr em prático. Segundo as recentes notícias, até à pessoas com Covid que sabem que o têm e vão para o posto de trabalho como medo de perder o emprego (isto passou na televisão). Pode ser verdade ou não mas acredito que possam existir casos desses.
        Se é verdade que há pessoas com vão trabalhar com Covid, quanto mais forçarem ao teletrabalho.

  3. Pedro says:

    Muitas empresa vão por os funcionários trabalhar nos escritórios, por causa de meia dúzia que em teletrabalho não fizeram nada o resto dos colegas vão pagar por isso.

  4. Miguel says:

    Com o teletrabalho, ficou ainda mais evidente que tenho colegas que nem de borla os queria a trabalhar para mim.
    Curiosamente, ou não, são todos grandes sindicalistas de boca, apoiantes do PCP e BE!

    • eu says:

      Ora nisso concordo.
      Acredito que há quem não queira o teletrabalho de forma legitima por em razõe emocionais mas também há muito boa gente que assim tem efetivamente de mostrar trabalho e não estão habituados. É uma chatisse. No escritório sempre dá para passar o tempo com graxa e fazer que trabalha, só conta o que se vê mas em teletrabalho, já conta é o que se faz.

    • Luis says:

      Não podia concordar mais, também tive colegas apoiantes desses partidos.. trabalhar? Era um tal arrastar os pés como se tivessem meios mortos para fazer alguma coisa e ainda reclamavam que o patrão era mau não pagava bem e essas tretas.. enfim é o que temos

    • Leandro says:

      Uiii e colegas do Chega, IL ou do CDS? São uns trabalhadores natos…

      É só artistas!

  5. Tiago says:

    Estou mesmo a ver a minha empresa, nem teletrabalho nem horários desfasados. Só impõe as regras que lhes convém. E sim, temos mais de uma dezena de pessoas que podem perfeitamente estar em teletrabalho.

  6. Luis Rosalino says:

    Boa tarde a todos, o que posso eu fazer mediante o facto da empresa não enviar ninguem para casa em teletrabalho?

    Eu explico: a empresa em todos os departamentos, menos no meu, esta com horarios desfasados, ora estao 30 pessoas uma semana ora estao outras 30 noutra na empresa sendo que as outras 30 estao em casa em TELETRABALHO.

    No meu departamento é diferente. trabalhamos num control center e em turnos.

    Na passada quinta feira 29 outubro uma colega nossa de um dos grupos de horarios desfasados deu positivo ao coronavirus e a empresa enviou todos os trabalhadores que estavam na empresa naquele momento para casa em TELETRABALHO para desinfeçao das instalações. posto isto das 66 pessoas da empresa, 66 ficaram em TELETRABALHO ou seja 100%, provando ser possivel o teletrabalho de TODA A EMPRESA. Hoje o grupo de horario desfasado respetivo e o meu departamento voltaram as instalações da empresa.

    Entao, o que devo eu fazer para denunciar esta situaçao???
    Se o TELETRABALHO é OBRIGATORIO, e a empresa em 4 dias viu provado ser possivel e eficaz para TODA A EMPRESA o TELETRABALHO, como devo denunciar isto??

    Obrigado, cumprimentos

  7. Leandro says:

    Mas que trabalhos é que podem ter teletrabalho?
    Tomaria eu…ter teletrabalho, poupava 200€ todos os meses.

    • Vilna says:

      É olhar para o que fazes e ver se consegues o mesmo (+/-) mas em casa.

      No meu caso, apenas preciso de PC com net e telefone. Portanto no meu caso dá em casa, café, praia ou num qualquer escritório é o mesmo.

  8. SANDOKAN 1513 says:

    Recusar o teletrabalho ?? Ah,ah,ah,deixem-me rir !! 😀 😀 😀 Então quem é que vai recusar o teletrabalho estando em casa na maior,na bem boa ?? Esta deve ser a piada do ano. 😀

    • José Fonseca Amadeu says:

      Eu recusei 2 dias por semana.
      Tipicamente estar em casa também acaba por implicar trabalhar mais horas, ter menos separaçao dos periodos de descanso dos periodos de trabalho.

  9. Sardinha Enlatada says:

    Que trabalhos e que funcionam em teletrabalho ? De certeza que nao sao muitos, talvez doutores , engenheiros, arquitectos, advogados, acessos remotos e por ai mas tambem ha outros que nao deve ser possivel digo eu, call centers por exemplo. A desvantagem disso e que se vai criar um clima social muito frio nas pessoas enviado-as em teletrabalho, mais que trabalho tambem precisamos descontrair um pouco e conversar 5 minutos com os colegas, rir, contar piadas, e voltar ao trabalho, acho isso saudavel.

  10. Pedro says:

    Realmente é uma pena a ACT não existir. Tenho conhecimento de casos de empresas que apesar dos trabalhadores poderem fazer as funções em teletrabalho, estão a infringir a lei dando uma declaração ao trabalhador para que este assine que não tem condições para fazer teletrabalho. Aqueles que têm um vínculo laboral precário não lhes resta outra alternativa a não ser assinar. Ou então já sabem… quando chegar o termo do contrato este não vai ser renovado.
    É óbvio que para os trabalhadores a vantagem do teletrabalho é enorme: poupança de tempo, de dinheiro e maior qualidade de vida. Mas determinados patrões não estão preocupados com o bem estar dos trabalhadores e consequentemente com a produtividade da empresa. Trabalhadores mais felizes produzem mais.

    • Viajante says:

      É isso exatamente, infelizmente patrões que desvalorizam a vida humana, dos outros claro porque eles não põem os pés nas empresas durante a pandemia e fazem teletrabalho, apenas valorizam o dinheiro tratando os empregados como carne para canhão, é o que portugal tem mais e como inspeções não há nem nunca houve continuam a fazer o que lhes apetece!
      Resumindo estas medidas de nada servem se o patrão continuar a poder justificar como bem lhe apetece dizendo as mentiras que quiser porque são sempre aceites pelas autoridades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.