Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Portugal vai entrar em Estado de Emergência

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Ricardo Mendes says:

    Fiz um site simples a comparar a evolução dos casos confirmados de contágio entre alguns países a partir do momento q atingiram 100 ou mais casos: http://ricardomendes.synology.me/

  2. David Guerreiro says:

    Resta saber, o que será limitado e imposto…

  3. Ricardo says:

    “Marcelo Rebelo de Sousa, vai declarar ao país, pelas 20 horas”
    “O anúncio será feito pelo Primeiro-ministro, António Costa”

    Isto causa alguma confusão

  4. Leuname says:

    Digam isso a empresas como a SONAE, que pelos vistos é considerado um bem essencial. Onde para eles não interessa o bem estar e funcionamento dos seus trabalhadores. Mandam trabalhar mas estão em casa sentados à frente de um pc. Vergonha….

    • Jorge says:

      Quem trabalha na SONAE, trabalha lá voluntariamente. O problema das pessoas é que ficam sempre à espera que sejam os outros a resolver as coisas por elas. Eu também confrontei o meu patrão para suspender temporariamente as minhas atividades durante este período. Se ele não tivesse aceite, eu tinha tirado férias ou tinha entregue carta de demissão. A minha saúde e dos meus familiares é mais importante e não fico à espera que sejam os outros a proteger-me. Se as pessoas não viveram acima das suas possibilidades, na sua maioria conseguem poupar para ter dinheiro de reserva em alturas excecionais como esta.

      • Urtencio says:

        Cuidado! “Se as pessoas não viveram acima das suas possibilidades”…
        Já deste conta qual é o ordenado mínimo? e o preço a que estão as rendas da casa!?
        E se o casal tiver um filho com as normais despesas!? Já pensaste? se calhar não é assim tão fácil chegar ao pé do patrão e dizer que se vai para casa quando sabes que tens um filho para criar….

        • Jorge says:

          Claro que estou consciente, infelizmente. Daí ter referido “na sua maioria” e não “todas”. Mas a verdade é que também conheço muita gente com ordenado mínimo e telemóveis de 600€ … Tem que haver responsabilidade e planeamento financeiro, hoje em dia ninguém pode tomar o emprego como garantido, especialmente neste páis.

      • Bruce says:

        Amigo, quero partilhar consigo o mesmo sentimento.
        O tornadozinho depressa se torna num furação!

        “Se as pessoas não viveram acima das suas possibilidades, na sua maioria conseguem poupar para ter dinheiro de reserva em alturas excecionais como esta.”
        Aprendi esta lição quando começou a crise em 2009, a partir daí foi sempre meter de lado para eventuais crises.

        Depois do corona vem a crise e preparen-se pois vai ser pior que 2009!
        este ano vai ser muito mau para a economia e muitos ficam sem emprego principalmente na area do turismo.

      • Louro says:

        Se o comentário do Leuname já foi um pouco triste o teu Jorge foi ainda pior.

        Claro que as pessoas trabalham lá voluntariamente mas se estao presas a situacao de terem de ter um salário no final do mes para pagar contas as coisas deixam de funcionar assim e as pessoas indirectamente estao refens do seu proprio trabalho.

        Claro que ele pode pura e simplesmente meter férias, mas nao invalida que esteja refem do seu proprio trabalho.

        Quanto a parte triste do comentário dele é mesmo quando ele diz que “Mandam trabalhar mas estao em casa sentados a frente de um PC” como se ele é que trabalha-se enquanto os outros estavam a jogar solitário e a contar os trocos que recebem.

        • Jorge says:

          Louro, vou dar-lhe um exemplo… Eu e a minha mulher queriamos ter mais um filho, mas decidimos aguardar até termos mais conforto financeiro, porque não queremos trazer uma criança ao mundo sem ter condições de a sustentar de forma confortável. Houve muitas situações na minha vida de que abdiquei para alimentar as poupanças, de forma a que eu e a minha mulher não ficassemos “reféns do trabalho”. Em contrapartida, podiamos ter antes pegado no dinheiro e feito mais viagens ou filhos…
          Obviamente que muita gente não o pode fazer, principalmente se estiver em início de carreira. Mas com a volatilidade que é a situação de trabalho, principalmente em Portugal, uma pessoa não pode contar com o conforto de ter o trabalho que tem agora para a vida toda… Pode ser despedida, pode haver uma crise, ou pode haver uma epidemia como há agora. Parte da responsabilidade de cada um precaver-se nesse sentido (dentro das suas possibilidades, como é lógico).

          • Antonio says:

            Exatamente. Muita gente vive como se não houvesse amanhã. Depois vem uma fatalidade como esta e não tem uma reserva financeira de no mínimo 6 meses. Assim, as coisas ficam mesmo muito feias, quando se perde o emprego e não se consegue arranjar trabalho.

    • nocode says:

      Dependendo da empresa da sonae, a worten vai fechar e tao depressa nao abre. Já o continente…se fecham vais comer o que? todos tem que desempenhar o seu papel no ecosistema. Eu estou a trabalhar em teletrabalho (Consultor TI) e apesar de estar em casa, estou a trabalhar para que se mantenham os serviços que estão agora a sofrer uma pressão enorme por haver mais gente a depender deles. Trabalho mais horas agora que quando estava no escritório. Médicos estão a abdicar de folgas, forças de segurança trabalham mais que o que lhes era pedido.

      Eu entendo para quem tem que ir para estes locais de trabalho e estar exposto, pode ser injusto, mas faz parte da condição da profissão que tem…estão num setor vital para a sobrevivência da comunidade e conheço muitos que estão orgulhosos pelo facto de assim ser independentemente de trabalharem mais e correrem mais riscos.

      • JJHalcon says:

        woeten es un loja que no debe exponer a sus trabajadores… Continente por supuesto es un supermercado dificil que lo cierren, pero si reducir el horario.. Los centros comerciales mijo tampoco debe estar cerrado, restaurantes, hoteles, bares, cafes, instituros publicos.. horario que se puede estar en la rua…. xd… las fabricas depende de su actividad economica reducir personal por turnos un grupo una semana y otro el la siguiente semana… HOSPITALES mijo es un caos, no hay mascaras, no hay guantes, no hay un carajo osea no hay nada, los hospitales no estan en condiciones para una magnitud de enfermos con este virus, tu crees q el virus es una gripecita… el gobierno de portugal debe es pensar en futuro en construir buenos hospitales en cada ciudad importante con equipos optimos y dejar de ser tan miserables y corruptos que no son bien pagados los medicos… MIJO TU NO SABES LO Q ESTA PASANDO EN EL MUNDO.. la ECONOMIA se recupera tarda pero se recupera.. NO ES Q TODO DEBA CERRAR… es cuestion q todos deben es resguardarse en casa… al menos lo q se pueda.. asi no aumentar infectados del VIRUS… no seas ignorante… q si los empresarios y el gobierno se pueden ayudar entre si… mas tu no sabes como las mujeres de limpieza estan trabajando en diferentes lojas sin MASCARAS, sin GUANTES, sin PROTECCIONES, ni tienen desifectante.. imaginate la mayoria de ellas son gente mayor mas de 45 años para arriba osea de edad… la verdad no entiendo a la gente imbeciles que solo se preocupa por su dinero… entiendo pero es depende de la activada economica de cada loja, empresa, fabrica..

      • JJHalcon says:

        no debe estar abiertas las empresas, lojas fabricas q no perjudique la economia xd….. hay empresas e instituciones publicas q no deben estar abiertas…. ayudar es q todos estemos resguardado para q no aumente el virus.. CENTROS COMERCIALES, RESTAURANTES, HOTELES, CAFES, INSTITUTOS PUBLICOS deben estar FECHADOSSSSSSSSS

  5. Explica-me como se eu fosse muito burro! says:

    Amanhã pode-se sair de casa para ir trabalhar ou não?

  6. JJHalcon says:

    ESTADO DE EMERGENCIA en PORTUGAL, la verdad no se entiende q funcioanra lo q no funcionara, porque lo q entendi es q debe seguir todos a trabajar y q la economia no pare ok esa parte entiendo sii la economia pero hay lugares donde no debe ver abiertos.. solo aquellos deben ser muy necesarios… Portugal no esta preparado para recibir un virus de este indole, no hay hospitales en condiciones, no hay equipos ni siquiera suficientes tapa bocas o mascaras, ni guantes… el gobierno portugal debe es mandar construir nuevos hospitlaes q deje de estar robando e inyectando millones en bancos para seguir corrupcion.. aqui lo q se debe ver NO AUMENTAR los casos infectados.. todo saben q los gobiernos mas los socialistas engañan mienten las estadisticas mas sobre este caso del virus.. ya OVAR es una ciudad de 29 mil habitantes para bloquear q nadie entre ni salga no creo q solo hay 50, debe ver mas de 1000 infectados.. Portugal es un pais viejo pero jamas se han preocupado de la salud publica… debe cerrar las instituciones publicas, centro comerciales, restaurantes, cafes, panaderias.. las fabricas depende de su actividad, pudieran es reducir personal.. xddddddddddddddd

  7. Joseg says:

    Não seria interessante saber quais os infetados por cidade ?

  8. jaugusto says:

    Sim mas tirando portugal, Italia e espanha a maioria dos paises são europa rica norte/centro e a curva de portugal está a começar a ir lá para cima …

  9. Colaborador Worten says:

    Sou colaborador na Worten,e posso dizer que tão cedo a mesma não vai fechar.

    A informação dada pelos administradores é que nós somos uma empresa de bens essenciais, e como tal é de grande interesse público continuarmos abertos.
    A empresa acredita que reduzindo os horários de trabalho e controlando a entrada de pessoas iremos estar bem.
    Já os colaboradores estão contra estas medidas,(desde vendedores a chefias), defendem que o tipo de artigos que são considerados bens essenciais (frigoríficos,máquinas de lavar, arcas,etc), nem sequer se encontra disponível em loja, como tal, qualquer pessoa pode fazer a compra através do site Worten, não nos expondo assim à contaminação.

    Dito isto, e estando lá dentro, posso dizer que uma grande “fatia” das compras em loja(pertenço a uma loja grande), são bens não essenciais, a maior parte para lazer (dito pelos próprios compradores).
    Os colaboradores desta insignia permanecem calados por medo de sofrer represálias, ficar mal vistos perante a empresa, e a empresa tem estado a cumprir/exceder os objectivos diários devido ao pânico geral que está instaurado.

    Concluindo, enquanto está empresa continuar a ter números destes não acredito que feche. (Aplica-se a muitas outras).

    Deixo apenas o apelo, para nosso e vosso bem.
    Faça as compras a partir de casa.
    Se não sabe como fazer, peça ajuda a um familiar, amigo ou vizinho, nesta altura temos de nos ajudar uns aos outros.
    As entregas estão demoradas? Estão! Mas não é por ir a loja que ficam mais rápidas.

    Pensem duas vezes se precisam mesmo do ChromeCast para ver streaming dos concertos do Instagram na tv, do PC novo para jogar, PS4 ou de uns headphones, se o lazer prevalece sobre o risco de contaminar ou ser contaminado.

    Peço desculpa desde já pela extensão da mensagem, além de um pedido de ajuda, isto é um desabafo de uma pessoa que vai trabalhar todos os dias, com pessoas que não têm cuidado, tossem para cima de nós (não e controlável pelas medidas), não respeitam normas de segurança, pagam em dinheiro e ainda reclamam de tudo isto ser um exagero, pessoas que claramente não têm noção da gravidade da situação.
    E no fim do dia, temos de voltar com um sorriso para casa, para nos encontrarmos com as pessoas que têm estado a fazer trabalho remoto, e que ironicamente, acabaram de ser expostas aquilo a que estão tentar fugir.

    • SANDOKAN 1513 says:

      Concordo com tudo o que disse à excepção de pagar compras com dinheiro.Diga-me lá,quem não tem cartões de qualquer natureza,seja de débito ou crédito,como é que vai pagar as suas compras ?? Falo em tanta,mas tanta gente !! Aí estou em desacordo total consigo. 😐

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.