Quantcast
PplWare Mobile

Campanha presidencial de Donald Trump quer banir o TikTok

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Zé Pivias says:

    Não me faça isso Trump! Eu quero continuar a ver pitas mamalhudas abanar a bunda ( ͡° ͜ʖ ͡°)

  2. Chaguera says:

    Em Portugal?

  3. moonnn says:

    facebook watsup google appel microsoft ………….

    esses nao espiam ????

    tudo que passa pela internet tem um proposito

  4. Fernando Araújo says:

    E era bem banido

  5. Carlos Fernandes says:

    se o Trump não pode ganhar dinheiro , as empresas têm de ser banidas.

  6. jorgeg says:

    O Grande TRUMP é o único que sabe como é realmente o regime comunista chinês, uma ameaça a paz mundial. O resto do lideres “libtards” do mundo ocidental sao uns tristes meninos vendidos, #VERGONHOSO.

    China lovers, se a China é assim tão maravilhosa, fly China e fiquem lá!

    #TRUMP

    • Nuno V says:

      Ora diz-me lá, em quantas guerras andou a china nos tempos mais recentes? Quantos países reduziu a China a escombros? Agora compara com os do EUA? Depois disso vem dizer quem realmente é uma ameaça à paz mundial.

      • Daniel Carriço says:

        E diz-me lá … como é que a China trata os habitantes de Hong Kong? E quantas redes sociais, apps e tv shows foram BANIDOS da China?

        • jorgeg says:

          People’s Republic of China
          Body Count: 73,237,000

          1949-Present (57+ years and counting)R.J. Rummel originally estimated China’s body count between between the years of 1949-1987 to be 35,236,000 (Rummel 1994). This excluded 38,000,000 million that died of famine during the Great Leap Forward. After the release of Mao: The Unknown Story, Rummel became convinced that the Chinese government was directly responsible for the famine, thus increasing his original estimate by 38,000,000 (Rummel 2005). 1,000 was added for Tienanmen Square in 1989 (Courtois 1999).

        • jorgeg says:

          desculpa esta resposta e para o comunista acima.

      • Bruno says:

        Continua a ser a China. Vários vírus saíram de lá. Este novo não é o primeiro. Além disso, a China está atualmente a fazer o que a Alemanhã fazia antes da 2a Guerra Mundial. Estão a atacar países nas fronteiras deles, “recuperando” território que eles dizem ser deles por direito. Estão praticamente em guerra com a India ( https://www.thesun.co.uk/news/11890491/china-india-nuclear-powers-himalayas-war-tensions/ ). Têm mais de um milhão de muçulmanos Uygur em campos de concentração ( https://web.archive.org/web/20200719102815/https://www.theguardian.com/world/2020/jul/19/chinas-uk-ambassador-denies-abuse-of-uighurs-despite-fresh-drone-footage ). Além disto, têm as suas mãos em todo lado e em todas as indústrias, em África, na média europeia e principalmente dos EUA. Contratam professores das universidades dos EUA para ensinarem propaganda aos miúdos que por lá passam (cultivando o movimento marxista), além de roubarem informação e conteúdo de estudos científicos ( https://edition.cnn.com/2020/01/28/politics/harvard-professor-chinese-nationals-arrest-espionage/index.html ). Controlam (diretamente ou indiretamente) os média, desportos, Hollywood, etc. por causa do seu grande mercado. Há anos que lançam ciberataques a infraestruturas do oeste para roubar dados e propriedade intelectual.
        A China tem as mãos em tudo, e estão a tentar destabilizar e enfraquecer todas as nações do mundo. É o maior inimigo da humanidade de momento.

        • manuel jose says:

          E pensar tu o meu esperto o que pensas que os americanos fizeram após a 2 guerra Mundial com tantos especialistas alemães

          • gr33nbits says:

            +1

          • Bruno says:

            Contratar especialistas para trabalhar em programas novos e tecnologias novas é muito diferente de literalmente roubar produtos, patentes, e dados de investigação.
            Gostas do que a China faz, é? Uma coisa é certa, ou adoras tanto a China para os defender, ou tens um grande ódio pelo Trump que te faz cego para as coisas que os comunistas fazem. Além disso, o que importa o que os americanos fizeram há mais de 70 anos? O que a China está a fazer é agr no presente. Há décadas que a China é uma ditadura autêntica. Se calhar tmb n sabes o que aconteceu em 1989. Nada de certeza…

          • eu2 says:

            Fogo, tantos cães, só vêm preto e branco!

          • jorgeg says:

            Para os comunas que vivem no mundo ocidental agradeçam ao EUA a liberdade que usufruem hoje em dia.

            #FlyChina and stay there!

        • Nuno V says:

          Ou seja, queres comparar batalhas de controlo por fronteiras, com invasões de países, reduzindo este a nada mais, nada menos, uma coleção de entulho.

          OS EUA também não possuem qualquer tipos de prisões de pessoas que vão lá parar sem qualquer tipo julgamento, prisões como a prisão de Guantánamo. Os EUA também não apoiam em absolutamente nada o extermínio dos palestinianos por parte de Israel. Entre outros.

          Os EUA também nunca influenciaram 3ºs com a sua propaganda, ou roubaram informações de 3ºs. Também estás a mentir que o professor foi pago para cultivar o movimento socialista da china que é maoísta, uma variante do marxismo. Lê a notícia que colocaste. Mas os EUA também nunca fizeram o mesmo.

          “Controlam (diretamente ou indiretamente) os média, desportos, Hollywood, etc.”

          Esta foi a morte do teu argumento. Ora os filmes e os média tentam a todo o esforço demonizar a China, mas… são controlados por estes. Mas que tiro no pé.

          A China é neste momento o país do mundo que mais investe na educação e no conhecimento cientifico, de tal forma que o investimento militar deste país representa aproximadamente metade deste valor. Nos EUA o investimento militar é 50% superior ao cientifico e os EUA gasta três vezes mais no seu exército que a China, representando quase 40% dos gastos totais dos 15 países que mais inventem na industria militar. Mas a China é que é a ameaça à paz mundial e ao ser humano.

          Novamente eu pergunto, aponta-me o dedo para os países invadidos pela china e depois eu indico-te o dos EUA para fazer uma comparação.

      • kocjan says:

        Nuno V: A China ainda HÁ POUCOS DIAS andou em geurra contra a Índia. Mas levou na pá!

        Se procurares no Youtube por “South China Sea” percebes o que a China tem andado por lá a fazer aos países vizinhos. Desde afundar bercos de pesca do Vietname e da Indonésia, construir ilhas militares em recifes de coral que pertencem às Filipinas, etc. Na minhaopinião o Xi Jinping é MUITO PIOR que o Hitler.

      • jorgeg says:

        People’s Republic of China
        Body Count: 73,237,000

        por engano, respondi ao Sr. Daniel, mas se estiver interessado no resto da conversa, 1 mensagens abaixo!

    • manuel jose says:

      E se gostas tanto do trompas vai lá para América e ajuda lá a fazer o muro para proteger contra os mexicanos

      • Fiu says:

        Se gostas tanto do governo chino então vai para lá. Mas não vais porque sabes que aquele regime não passa de um bando de criminosos. Mas é melhor defender criminosos para ser anti-trumpas porque sim, porque a sociedade te manda ser. Gajos sem cérebro e desonestos…

    • Samuel MG says:

      O Trump não passa de cachopo de 10 anos que pensa que é o maior e cria guerras económicas com aqueles que lhe fazem frente UE e a China. A china ainda não se passou mas quando se passar os EUA vão abrir falência. Quanto a UE que não têm meias medidas responde aos EUA com as mesmas taxas alfandegarias e com multas às grandes empresas americanas que não respeitam as regras.

  7. Tiago E. says:

    Finalmente uma boa ideia vinda do gajo!

  8. xnelox says:

    A inclui ao tiktok devia também banir o Facebook. Quando eu for presidente de Portugal, só vou permitir o ICQ

  9. Zé Duarte says:

    A Google/YouTube não estavam a fazer um clone do TikTok? É só pensar um bocado e ver os interesses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.