Quantcast
PplWare Mobile

Atenção: Proibido circular entre concelhos a partir da meia-noite de hoje

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Euéquesei says:

    Mas se for político já pode, não é?

  2. Joao says:

    Portugueses! Turistas já podem!

  3. MF says:

    Cumprindo bastante à risca as regras, é certo que já não percebo nada. Viu-se nas notícias ultimamente figuras públicas a fazerem férias na Madeira, férias no Dubai, férias nas Maldivas….fiquei na dúvida…mas pode-se fazer férias? E ter saído do país não para trabalhar mas sim para férias?

    • scp says:

      Continuem a ir ao Instagram e seguir as figuras públicas, a dar-lhes palco, a ver os seus programas fúteis na televisão. São vocês que estão a financiar a vida dessas pessoas e logo a permitir que façam o que querem.

      Apesar disso foi levantada a proibição de viajar para o estrangeiro a 15 de Março. Se viajasse antes estaria em incumprimento. Apenas com Espanha se mantém a proibição via terrestre até 6 de Abril.

    • José Fonseca Amadeu says:

      Biagens para fora de Portugal continental estão previstas nas excepções.
      Parto Sábado para os Açores onde vou ficar 2 semanas e vou ter de atravessar concelhos.

  4. TugAzeiteiro says:

    Não podemos circular entre concelhos, mas podemos todos ir para os jardins sem distanciamento e sem mascara, como no último fim de semana….. #maio

    • BardoadasnoLompo EraPouco says:

      Existe sempre uma interpretação à tuga azeiteiro. Essa é daquelas… Sim, é isso. Tens razão podemos ir para o jardim sem máscara e sem distanciamento. Está escrito no teu decreto secreto.

    • Há Cada Gajo says:

      Estás a ver a coisa ao contrário: continua é a haver gente para as quais as regras só se aplicam aos outros.

    • PTO says:

      ERRADO!

      Também não podemos ir para os jardins sem distanciamento e sem máscaras.

      Mas infelizmente existem sempre as habituais pessoas só com um neurónio (os chamados imbecis) que fazem isso.

  5. Responda quem sabe says:

    Quer dizer, os turistas, muitos deles vindos de países com maiores problemas que nós em termos de Covid podem andar por onde quiserem. Nós, é que não?

  6. miguel says:

    Basta ter pasta no bolso e podem ir para a Madeira ou Açores, quem não tem dinheiro está duplamente confinado!

    Turista pode andar por ai cheio de variantes novas, o tuga sem cheta fica em casa!

  7. Pedro Fernandes says:

    Estão a fazer o que deviam ter feito no Natal, o que poderia ter evitado esta Palhaçada toda com Empresas falidas, fechadas e outras poderão já nem abrir, tudo porque não tem recursos de fiscalização suficientes, preferem deixar os Militares nas Bases em vez de estarem ajudar no controle do dia a dia.
    Como já foi dito uns podem outros não……

    • Sujeito says:

      Isso é uma falácia das grandes. Se tivessem feito no natal, se tivessem feito nas férias, se tivessem fechado mais cedo , se tivessem isto , se tivessem aquilo. Esses “se” são todos suposições e como vais ver, nada vai mudar significativamente após esta restrição.

      Além disso, estás a depositar confiança nas mãos daqueles que tu próprio estás a declarar que são incompetentes, logo inadequados para resolver o que quer que seja.

    • Peace says:

      O problema são as pessoas, não são os decretos do governo. Nota-se pela manifestação do ultimo fim de semana, são contra tudo e contra todos, por isso juntaram-se todos num amontoado de gente para meteram a malta em casa mais umas semanas. Sim porque aquele ajuntamento vai ajudar a subir os casos, logo mais negócios vão fechar. Mas a inteligência desta gente não dá para mais.

  8. B@rão Vermelho says:

    Infelizmente tem de ser assim, eu até acredito que as pessoas estão fartas de estar em casa, mas quando podem sair não respeitam nada nem ninguém, parece que estamos a lidar com crianças.
    Até dou de barato que há pessoas que ñ querem acreditar que a covid é grave, mas pelo sim pelo ñ, ñ será melhor precaver?

    • Sujeito says:

      Quem se quer precaver pode ficar em casa o tempo que quiser. Sempre assim foi.

      • Peace says:

        Então não podes sair à rua e precaveres-te ao mesmo tempo? Santa ignorância.

      • SSD says:

        Já nem vou comentar a visão cavernesca que essa afirmação do “quem quiser que se proteja”, vindo de pessoas que já deviam perceber como é que se convive em sociedade e o que é isso implica é, mas deixo a pergunta, quantas mais tentativas falhadas de deixar o povo escolher “a melhor opção” ou esperar que eles tenham noção dos riscos vão ser precisas até esse argumento deixar de ser válido??

  9. Miguel says:

    “O texto parece ser meio contraditório e redundante”. Parece??? O texto é redundante e é vergonhoso que assim seja pois quando se trata de leis deve-se ser o mais objectivo possível para não haver duplas interpretações! Mas depois basta recordar que as leis portuguesas seguem esta formula para que uns quantos malabaristas lhes possam dar a volta.
    Se era para ser a partir da meia noite seria assim tão difícil escrever?

  10. Tiago Pereira says:

    Pela estupidez de muitos ignorarem agora pagamos todos. enfim, a culpa e da população e agora só teve o que merece

    • Diogo says:

      Nós somos é uns mansos, isso sim.

      • SSD says:

        Se tivessem sido mansos no Natal já se tinha outra liberdade, agora dá-se a mão e querem o braço todo, agora não se podem queixar de não terem nem um dedo.
        Critico muita decisão do governo e a de dar libre arbítrio aos turistas quando os nacionais estão confinados é de bradar aos céus e é óbvio que vão abusar disso, neste caso em específico a população teve ocasião para mostrar que se sabia comportar e mostrou exatamente o contrário, só se pode queixar dela própria.

      • Peace says:

        Claro, vamos lá semear a destruição que isso é que é de homem e resolve o problema.

      • PTO says:

        Por acaso tens pinta de ser, sim senhor.

    • Euéquesei says:

      Então mas a culpa não é do Trump e do Bolsonaro?
      Assim já não percebo nada.
      Primeiro os culpados são eles, agora a culpa é do povo. Pá, decidam-se…

      • SSD says:

        Precisas que te ensine a tabuada do 1 também??
        Quando as coisas chegam a este ponto vai sempre haver culpa dos 2 lados, so que enquanto por cá se faz tudo por tudo para se fugir às medidas, lá tens pessoal a implorar que o Bolsonaro faça realmente alguma coisa para travar o problema. Lá tens um presidente a tentar passar por cima dos estados e a obrigar que estes desconfinem porque ele continua a não ver grande problema, mesmo tendo já 300mil mortos no país, é um bocadinho diferente. Mesmo o próprio Trump era um bocado trôpego a falar mas nunca se opôs às medidas recomendadas (quer dizer a máscara era opcional mas de resto tentou ajudar e não desajudar)

  11. Luis Henrique Silva says:

    Isto é meio confuso, uns dizem que é desta sexta-feira até segunda dia 5 Abril, outros, que é só nos fins de semana, e durante a semana só da 00h às 05 da matina……
    já nem sei em que acreditar…..

  12. Sardinha Enlatada says:

    Carrega costa, estas no bom caminho. Os adeptos do benfica apoiam 😀

  13. faliz pascoa says:

    meus amigos vamos comentar a situação não prevariquem uns aos outros e feio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.