Quantcast
PplWare Mobile

Apoio de 125 euros pago a partir de 20 de outubro! Atenção ao IBAN

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Ze Nandoooo says:

    Se calhar ainda é cedo, mas não vi uma definição de como será processado esse pagamento em caso de troca de IBNA face ao IRS. Mais numa situação de divórcio: o IBAN do IRS continua a existir, apenas já não é de um titular.
    Talvez escolham a “informação de IBAN mais recente”.

    • Pedro says:

      Simples, no portal das finanças tu tens um IBAN na tua conta, a tua ex-esposa tem outro. O mesmo acontece no site da segurança social. Qual a dúvida?

      • Ze Nandoooo says:

        A dúvida é que tem sido veiculado pela imprensa que será feita a TRF para o IBAN da última declaração de IRS. E podes ter (desde sempre até) dois IBANs diferentes: um colocado no respetivo portal e outro na declaração, ou, como a minha situação: um na declaração e nenhum no portal.
        Daí a pergunta: havendo 2 válidos e diferentes qual é escolhido?

        https ://www.publico.pt/2022/09/07/economia/noticia/fisco-paga-125-euros-iban-indicado-declaracao-irs-entregue-ano-2019681

        • Mr. Y says:

          Acho que estás a fazer uma complicação desnecessária.
          Vais ao site das Finanças e da Segurança Social e actualiza o IBAN.

        • Sergio says:

          estás a complicar as coisas, basta ires ao menu iban no teu portal das finanças e alterares para o numero que quiseres de iban.
          Pode ser que a tua mulher se esqueça de alterar dela e á parar a alguma conta tua de onde ela tenha saído lol.

          independentemente se o irs foi transferido mil vezes para o iban X no passado, tu podes a qualquer momento definir qual o novo iban para comunicar com as finanças

        • Kripper says:

          Efetivamente está correto o que consta no decreto de lei é mesmo isso:

          4 – O pagamento do apoio é efetuado preferencialmente por transferência bancária através do International Bank Account Number (IBAN) que conste na declaração de rendimentos a que se refere o n.º 1 do artigo 57.º do Código do IRS referente ao ano de 2021 ou nos sistemas de informação da AT ou do ISS, I. P.

          Fonte: https://dre.pt/dre/detalhe/decreto-lei/57-c-2022-200734337

  2. PAULO SILVA says:

    Tenho uma dúvida: eu pus o meu IBAN na AT para os meus filhos menores, mas eles não tem conta, logo pus o meu, e recebi um email a dizer que o titular da conta bancária e o contribuinte não eram o mesmo.
    E agora? vou ter que abrir uma conta bancária para cada filho por causa de um subsídio? ou deixo o meu? ou pior ainda, não recebo por não ter conta bancária no nome deles?

    • AJ says:

      Eu penso que o dinheiro é pago ao adulto responsável por o menor e não diretamente ao menor.

    • Rui says:

      Os sujeitos passivos são os pais, os filhos são dependentes, o NIB a colocar é o dos pais (sujeitos passivos que descontam IRS).

      • PAULO SILVA says:

        Então no meu caso que recebi o aviso da AT, mantenho o meu nib na conta do meu filho correto? e já agora Obrigado

        • José Alves says:

          Sugiro retirar o IBAN da conta dos filhos na AT para não haver confusões. Dessa foram todos os apoios são canalizados para o IBAN constante na declaração de IRS

      • Kripper says:

        Segundo o que consta no decreto de lei o pagamento é feito preferencialmente para o IBAN que foi inserido na declaração de IRS do ano de 2021.

        Efetivamente está correto o que consta no decreto de lei é mesmo isso:

        4 – O pagamento do apoio é efetuado preferencialmente por transferência bancária através do International Bank Account Number (IBAN) que conste na declaração de rendimentos a que se refere o n.º 1 do artigo 57.º do Código do IRS referente ao ano de 2021 ou nos sistemas de informação da AT ou do ISS, I. P.

        Fonte: https://dre.pt/dre/detalhe/decreto-lei/57-c-2022-200734337

  3. João Cartaxo says:

    E quem não tem iban?

  4. Rps says:

    Obrigado Costa!….. é uma pequena ajuda para comprar o iphone 14 pro…..mas ajuda!!

    • Ze Manel says:

      Se o costa desse 1000€ reclamavam, dá 125€ reclamam, não dava reclamavam na mesma…

      • Miguel says:

        Tem a ver com o valor fixo pago apenas 1 vez para resolver o problema da inflação…
        A Inflação é percentual e progressiva.

      • Jane Doe says:

        “O Costa dá”? Como assim? Esse dinheiro não é dos contribuintes? Querias dizer “devolve”?

      • J Martins says:

        Ze Manel, O Costa Dá?
        Também és do que pensa que em Maio “recebes” do IRS, como se de um bónus se tratasse?

        O Costa não dá nada a ninguém. O mais lindo disto tudo é que a malta diz que dá mas há quem pague quase 30% ou mais de IRS + SS ao estado pelo seu rendimento e o estado “na sua benevolência” dá-te 125€ como se de uma prenda se tratasse. Que tal o estado em vez de ser benevolente com o dinheiro dos outros não baixasse a carga fiscal? Há, pois, não pode… anda a gastar dinheiro em aumentos que não consegue pagar da FP e pensões e a contratar mais para a maquina do estado. Quantos mais na “mama” do pai estado mais fácil é ganhar eleições. Pode ser que pelo menos os pensionistas tenham acordado com esta “prenda” que o Costa também lhes deu-

      • Tonheco says:

        Rexebi agora 3 embalagens de panos. Queres uma?

      • Filipe says:

        Dá, dá! Estes 125, quase que aposto que irão ser descontados em quem recebe do IRS no próximo ano. Preparem-se só.
        Será outra jogada como fizeram com os pensionistas que só os irá prejudicar nos anos seguintes

  5. Rui says:

    Eu nem sei o que faça com tanto dinheiro. Se é desta que compro um carro eléctrico ou invista num imóvel!!!!!

    ironia off:
    Enquanto o aldrabão do Costa distribui menos de 2 mil milhões de euros, vai cortar mil milhões nas reformas e o Estado já arrecadou a mais em impostos, só este ano e até Agosto, cerca de 8 mil milhões de euros!!!!!!

    Temos um benemérito!!!!
    Temos um governo tão espetacular e honesto que eles próprios nem se falam e nem se podem ver à frente!!!! Nada mau para um desgoverno que teve maioria este ano!!!! Temos de gramar com estes mais 4 anos!!!!!

    • Miguel says:

      Acabar com duplas e triplas reformas ou por um tecto máximo (reforma max de 2000€) isso doí e não querem, o povo é que vai pagar isto…

    • Jane Doe says:

      Tudo a queixar-se,mas ele ganhou com maioria absoluta… Quem é que votou nele?

    • freakonaleash says:

      Shhhhh…a culpa é do PPC, não estragues a narrativa xuxa, nada de mal para ver aqui, siga em frente!

      • Vitolas says:

        Claro que ninguém estraga a narrativa, o costa anda a gastar o dinheiro que todos se queixaram que o PPC roubou ao povo, já viste o que seria todos que votaram no costa começarem a falar mal, era irónico.

    • J Martins says:

      A culpa é do GrAnDe CaPiTaL e do Passos Coelho e da Troika e da guerra e da pandemia e do bacalhau à Brás . O coitado do Costa está a fazer todos os possiveis para ir contra esta maré de azar!! temos de ter paciência!

    • Sergio says:

      Aqui o problema até é mais grave do que parece, assusta-me mais ser a União Europeia quase toda a optar por dar o dinheiro em mãos as pessoas, do que ser só o costa.
      Se a UE quer fazer algo contra a inflação não é espetar 60 mil milhoes de euros nas maos das pessoas como fez a alemanha.
      Em vez disso os estados deveriam de recorrer à diminuição fiscal e ter um controlo mais assertivo sobre estes apoios

  6. °0° says:

    Que palhaçada

  7. Samuel MGor says:

    Acho muito pouco tal como acho que o salário mínimo é muito baixo para este país!! Antes do covid ter 800 euros como salário mínimo é o ideal mínimo (tendo em contas os preços de um quarto e contas) mas agora nem como ideal chega. Os preços aumentam mas quem recebe menos de 1200 euros está tramado.

    • E---lectrão says:

      infelizmente, quem recebe mais de 1200 euros também está tramado 🙁
      em portugal, os (des)governantes acham que as pessoas são ricas quando têm um salário bruto mensal de 2700 euros, mas veja que no final do mês, isto se for funcionário do estado, apenas recebem 1600 euros, já com os subsídios 🙁

    • Pedro says:

      A inflação não se resolve a colocar mais dinheiro na mão das pessoas, faz-se precisamente ao contrário, daí que umas das soluções ser a do aumento das taxas de juro.
      O problema é quem recebe pouco, mas está apenas nas mãos dessas pessoas lutar para ter melhores salários.

      • Vitolas says:

        “O problema é quem recebe pouco, mas está apenas nas mãos dessas pessoas lutar para ter melhores salários.”
        Como se isso fosse assim tão linear..
        Só faltava dizeres a seguir que está nas mãos dos africanos erradicar com a fome em africa.

  8. Tiago Ferreira says:

    Eu como trabalhador independente que passo recibos verdes, não tenho direito aos 125€ o que é uma verdadeira palhaçada, pois eu faço os meus próprios descontos de segurança social.

  9. Rodrigues JC says:

    Estes valores são uma anedota e não resolvem/ajudam em nada 🙁
    Seria bem mais interessante “pegar” neste valor e reduzir o IRS da classe média, para ver se conseguimos que os salários médios deixem de estar tão “colados” ao salário minimo.

  10. Z-Life says:

    Vai ser 125 euros em raspadinhas

  11. jimmypt says:

    Há tanto tempo que andam anunciar está ajuda e ela só será paga quase em fins de Outubro.
    Quem precisa mesmo dessa esmola está tramado,com este governo de faz de conta.
    Desde o inicio das ferias parlamentares que está situação era falada..

  12. OraBolas says:

    Eu aguardo para ver.
    Já quando foram aqueles 60€ em duas ocasiões, para que tem tarifa social de eletricidade, fiquei a ver navios.
    Vou esperar sentado para não me cansar.
    E sim, tenho os meus dados atualizados na AT e na SS direta.

  13. paulo says:

    Palhaçada de governo! Mais valia terem dito que vão entregar a esmola em Novembro…

  14. Gonçalo says:

    No meu caso aparece que não terei direito ao pagamento do apoio extraordinário, por ter rendimentos superiores a 37800, quando os meus rendimentos são muito inferiores à metade desse valor, tudo declarado no IRS! Aconteceu a mais alguém?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.