PplWare Mobile

ANACOM: CTT apanhados a divulgar informação enganosa


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. narko says:

    são todas as empresas qual é a novidade? o povinho paga não tem problema nenhum

  2. Tiago Ferreira says:

    Os CTT mais dia menos dia fecham. Primeiro fecharam balcões, depois fecharam a phone-ix e agora têm a identidade bancária, mas das duas uma, ou a marca CTT vira uma entidade bancária e deixa de existir como identidade de marca como empresa de correios ou vende o setor dos correios e uma empresa privada e fica apenas com a marca CTT como entidade bancária. Não acredito que os CTT se mantenham muitos mais anos como serviço de correios a nível nacional.

    • int3 says:

      Quem mandou privatizar? Pois foi o coelhinho.
      Continuam a pagar dividendos de 57 milhões no ano passado (sumando mais de 350 milhões de euros nos últimos 5 anos). Mas continuam a fechar postos e despedir pessoas, o serviço está uma porcaria, as queixas aumentam mas esá tudo bem! Viva à direita!

      • Lopes says:

        Na verdade, foi o governo do PS (esquerda!) que negociou com a troika a privatização dos CTT. A direita fez o que estava no acordo (coisa de que discordo!). Foi o governo da esquerda que em 3 anos passou a dívida pública de 67,4% em 2005 para 111,4% em 2011. Foi a direita que a seguir a um governo de esquerda ter colocado o país na bancarrota recuperou o país. Este governo, tendo os seus méritos, apenas surfou a onda. Portanto, não sendo propriamente uns santos, tem toda a razão quando diz “Viva à direita!”. Quando fizer comentários, pelo menos tente ser um bocadinho mais imparcial e honesto intelectualmente!

  3. Falcão Azul says:

    Que vergonha !! Que lixo de empresa !! Ao que chegou os CTT.Quem os via e quem os vê !! Perderam todo o tipo de credibilidade junto das pessoas,e por puro laxismo laboral,somente por isso.É a política do “deixa andar que amanhã faz-se”. Enfim…

    • Worker says:

      A vergonha está nos trabalhadores. Podes tirar os CTT da função pública mas não podes tirar a função pública de dentro dos CTT.
      Para vingarem os CTT nunca podiam ter mantido os colaboradores da função pública habituados a determinadas regalias.
      O problema deste país é mesmo a participação em muitas empresas que deviam ser todas de esfera privada e apenas terem autoridades e mecanismos de fiscalização e imposição de contratos rigorosos.

      • Ana Maria Ruiz says:

        Aí é que se engana, se não fossem os colaboradores antigos onde já iam os CTT, é muito fácil falar sem ter conhecimento de como as coisas se processam, mas a nivel de carteiros posso assegurar que se não fossem os antigos a segurar as pontas isto já tinha descambado muito mais.

      • António Santos says:

        O problema do país é ter uma classe política que não dá o exemplo, e só procura ficar agarrada ao poder e nada mais. Logo não pode condenar os funcionários dos CTT, que contribuiram durante anos a fio para que fosse a empresa do sector empresarial do estado melhor gerida e mais lucrativa.

  4. manel says:

    privado é que é bom!

  5. Calf says:

    Os carteiros nao sobem aos andares para entregar correspondencia registada deixam postal dizendo que nao atendeu na hora x quando eles nem á campainha tocam .obrigam a oessoa a deslocar se aos correios oara levantar a correspondencia .MAUS PROFISSIONAIS E ALDRABÕES.

  6. Ora ora says:

    Vivam as privatizações! É só pelo interesse nacional.

  7. Paulo Lourenço says:

    Realmente nunca vi uma empresa que já foi do estado descer tão baixo. Fecham balcões porque não são rentáveis, poem pessoas a entregar correio sem formação alguma, na correspondência registada deixam um postalinho… e nos é que temos de perder tempo do nosso trabalho para levantar. Mais vale fecharem os ctt e entregarem o os serviços as outras transportadoras.

  8. Oliveira says:

    Ainda bem que assim é, doutro modo estaríamos todos a pagar para se manterem balcões abertos sem qualquer viabilidade económica e cujo prejuízo seria suportado por todos nós. Assim se entende que esse balcão é preciso, então deem-lhe serviço,trabalhem com ele, porque doutra forma é para fechar.

  9. RR says:

    Só da minha casa foram 4 reclamações o ano passado. Desde recusarem a entregar encomenda até dizerem que entregaram e não aconteceu.

  10. taveira says:

    Vergonha é para os governantes que deram o país para os amigos.

  11. Sergio Santos says:

    Extraviaram um documento meu. Tiveram a lata de dizerem.que havia eu recebido. Pior . Falsificaram minha assinatura.

  12. sara says:

    são uns aldrabões só em 2018 desapareceram com duas encomendas e mal encomendo coisas na net e uma delas registada e ficou presa em Lisboa durante dois meses e mandei dezenas de emails e reclamações e só me diziam que iam averiguar e nunca me diziam nada, outra vez liguei para lá tive 5 minutos a gastar saldo e só me passavam para outras pessoas e no final disseram que não podiam falar que ligavam depois e nada…ou seja eles sabem que a encomenda foi roubada mas ninguém admite.

  13. Gabriel says:

    Só em 2018, entregara-me 3 cartas com um mês e meio de atraso relativo a pagamento de seguros. Uma encomenda que tentaram entregar a 600km do destino. Como é possível? Tive sorte que a pessoa que a recebeu recusou a encomenda porque eles nunca pedem identificação e mandam assinar com uns rabiscos para não demorar. Em 2017 ficaram de entregar um computador no meu local de trabalho e tal como todo o correio e encomendas são entregues no nosso expediente. Como não deu com o sítio colocou morada desconhecida e a encomenda foi devolvida a origem. Eu evito os CTT a todo custo. Compro muita coisa de Espanha e que no máximo de 2 dias me entregam e ainda me telefonam a perguntar se estou na morada indicada porque dentro de 5 min passa ou agenda para mais tarde.

    Na minha rua observo muitas vezes o carteiro sentado a tomar um café e quando rabisca as folhas de aviso para deixar nas caixas de correio porque aqui não tocam sequer à campainha

  14. Mike says:

    O gráfico estava ao contrário. Erro legitimo… Acontece…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.