PplWare Mobile

Aeroporto de Lisboa: Roubo de iPads, computadores portáteis…


Autor: Pedro Pinto


  1. Hugo says:

    Roubar iPads e iPhones que n servem de nada pois sem appleID não fazem nada! são os aparelhos mais seguros do mercado .

    • LR says:

      Brilhante comentário à noticia apresentada. As usual.

      • Hugo says:

        Disse alguma mentira? Enquanto que androids ou Windows basta formatar o disco com iPads e iPhones sem o código nem formatar consegues logo sim é seguro.

        • Goncalo Pinto says:

          Um amigo meu comprou um telemovel usado e nao reparou que estava bloqueado a conta iCloud, nao conseguiu entrar em contacto com o antigo dono, foi a uma loja chinesa onde trabalhava outro amigo dele, ele disse-lhe para usar o servico abaixo que era o que eles usavam com uma taxa de sucesso de 100% em qualquer iPhone. Portanto, ve, aprende, e aceita a tua ignorancia sobre tudo o que dizes:

          https://www.netchimp.co.uk/webdesign/iphone-ipad-ipod-touch-tips/remove-unlock-bypass-icloud-activation-lock-iphone-ipad/#RemoveiCloudLock

          • Marius says:

            Gonçalo, li o seu post e gostava de lhe solicitar a sua ajuda, acha o iPhoneIMEI.net confiável? Tenho um iPad 3 com o iCloud bloqueado mas não tenho conseguido ultrapassar este problema.

        • LR says:

          E o que é que isso tem a ver com a noticia? A vossa necessidade de meter à força a maça em todas as noticias é impressionante! Será algum trauma?
          E não tenhas tanta certeza do que dizes…

          • LR says:

            maça = maçã

          • LR says:

            O meu comentário era para o Hugo, não para o Gonçalo, claro.

          • Sujeito says:

            Tendo em conta que a notícia é sobre artigos da marca, faz sentido. Isso é mania da perseguição de tua parte e de outros tantos.

          • LR says:

            Mania de quê? A noticia é sobre artigos da marca? De que marca? Não sou propriamente fã da Apple, mas muito menos sou Anti-Apple, mas se me disseres onde posso comprar os seguintes artigos da Apple, faço uma vénia e dou-te toda a razão:
            “artigos em ouro ou artigos de bijuteria, vestuário, relógios e perfumes”.
            Ok, relógios, até tem, mas e o resto? A noticia é sobre roubos nas bagagens no aeroporto de Lisboa, não é sobre a Apple. E diria o mesmo se em vez de Apple falassem em SONY, Samsung, Nokia, ou outra marca qualquer.
            Afinal, não sei quem tem a mania da perseguição…

          • Sujeito says:

            A notícia menciona artigos Apple e, em relação a esses, o comentador original disse que esses, em específico, são perda de tempo em roubar devido ao mecanismo de segurança.

            Portanto, onde está a questão? Ele diz uma verdade, relacionada com a notícia em questão. Era o mesmo que dizer que X mala de viagens tem mecanismo anti roubo.

            Não vejo a dúvida LR.

    • Welldone says:

      Espero mesmo bem que sejas um troll. Senão tenho pena das pessoas que têm de lidar contigo no dia a dia.

    • Steve says:

      Não é bem assim , à solução para tudo até para o AppleID.

    • AlexAlex says:

      Essa coisa seja a ser hilária, no Brasil os ladrões costumam devolver iPhones/iPads já que não podem fazer nada com eles depois. Ou mesmo nem roubam…

    • Diogo says:

      Eu perdi um surface (foi-me roubado no aeroporto) e quanto aos iphone etc conheço quem compre iphones bloqueados pela cloud depois pague 30 euros para desbloquear e volta a vender pelo triplo do preço que comprou muitas vezes….

    • Antunes says:

      A ignorância é lixada!

      Desde sempre existiu solução para o Apple ID, na América, China, a 3 anos que uma empresa Espanhola também o faz, e também começa aparecer agora em Portugal quem o faça.
      O Ipad é mais simples, só obriga a troca da Nand ou usar a mesma mas tem que ser reprogramada e envolve tirar a mesma e reprogramar e voltar a soldar.

      O iphone já não é tão simples porque não basta só a nand, mas existe na mesma quem o faça.

      A mais de 2 anos que mandei fazer isso em Espanha a um iphone 5s e no principio deste ano a um iphone 6 ainda hoje está tudo ok, o preço é que podem não gostar!

  2. Miguel says:

    Existem sempre idiotas que os compram.

    • Nuno says:

      Ou ladrões, já que tão é ladrão quem vai à vinha como quem fica à porta. O que acho impressionante é terem a coragem de o declararem publicamente.

  3. LR says:

    Se fosse apenas em Lisboa… É, infelizmente, uma prática razoavelmente comum em muitos aeroportos. E se a proibição de tablets e portáteis na bagagem de mão for por diante, este tipo de ocorrências vai disparar, já que o conteúdo das malas passa a ser muito mais interessante para estas pessoas. E sem falar nos danos recorrentes do carinho e atenção que estes funcionários aplicam nas malas.

  4. Homo Erectíssimo says:

    Que bando de gatunos !! Vejam lá—»”Estes arguidos são funcionários de uma empresa de assistência em escala ao transporte aéreo,no aeroporto de Lisboa.” // “…designadamente artigos informáticos,computadores portáteis,iPods,iPads,telemóveis,artigos em ouro ou artigos de bijuteria,vestuário,relógios e perfumes.” Quer dizer,o povo trabalha para ter estas coisas e os gatunos(pois a tentação é muita),metem logo as mãos em tudo o que podem !! Sabem o que fazem na Arábia Saudita por muito(mas muito menos) ?? Cortam as mãos a gatunos como estes !! Isto é uma corja de ladrões !! Os directores desta empresa que teve estes gatunos a fazer este tipo de actos até devem estar com vergonha,tamanho é o tipo de roubos que praticaram.E depois lá se vão contratos importantíssimos para a sobrevivência económica deste tipo de empresas.ESPERO BEM QUE ESTES 25 GATUNOS TENHAM PENA DE PRISÃO EFECTIVA,SEM DÚVIDA ALGUMA,POIS É O MÍNIMO QUE MERECEM !!

  5. Alvega says:

    Só agora ? É caso para dizer que tem andado a fazer as autoridades ?
    Tenho um conhecido que lá trabalha há anos, e me ensinou ele próprio a abrir um fecho zip, sem tirar o cadeado e sem danificar o fecho, isto foi há anos, e soube na altura que era pratica corrente e organizada, se eu sabia…como deixaram chegar até hoje ?

    Que diabo…de repente descobrem CORRUPTOS \ LADROES, na força aerea, na tap, no governo no funcionalismo publico !!!!
    Apetece dizer , OBRIGADO, por começarem a fazer algo por este Pais, mas que tem andado a fazer estes anos todos ?

    • LG says:

      Estavam a espera que chegassem aos 25 arguídos… iam nos 24 e esperaram meses para chegar ao 25° para poupar no processo judicial… davam desconto

    • Pedro Leal says:

      É relativamente simples explicar o porquê, quer ver?: Denunciou o seu conhecido? Não? Então aí está o porquê de ter demorado tanto tempo, porque uma coisa é saber-se que uma coisa acontece outra é provar que alguém a fez.

  6. Litium says:

    Entendido o problema de roubo de objecto relativos a cultura mainstream dos dias de hoje. Hoje temos maquinas a substituir computadores para lazer. Entendo que para trabalho a historia sera outra e sobretudo com conteudo e informacao. Agora o que me irritaria mesmo era roubarem-me roupa… e nao uso nada de especial (paineis publicitarios anbulantes vulgo roupas de marca etc deixaram de ser bem vindas) . os gadegets com mais ou menos sacrifico sao substituidos… roupa nem pensar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.