PplWare Mobile

NASA inicia testes para lançar uma aeronave elétrica de asa estreita e 18 motores


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Sérgio J says:

    O rendimento dos motores eléctricos sempre foi muito eficiente. Não é a sua evolução que permitirá a evolução. A evolução estará nas baterias ou na produção in situ da energia.

  2. A Silva says:

    Enquanto houver combustíveis fósseis o que durará mais de seculo e meio os governos não irão implementar políticas que favoreça o acesso às novas tecnologias por todos vão continuar as guerras pelo mesmo período de tempo o planeta vai degradar se muito mais rapidamente.Espero que me engane para bem das gerações futuras.

  3. Pedro Coelho Silva says:

    Ja existem pequenas aeronaves eletricas em uso normal, por exemplo algumas sao usadas para formar pilotos- Sao poucas e com usos muito especificos, mas a da NASA nao vai ser a primeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.