Quantcast
PplWare Mobile

Google pagou a influenciadores para promover o Pixel 4… que nunca o usaram

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. JNB says:

    Se fazem isto com um telemóvel imaginem com um “virus” e uma “vacinas”…

    • Mr. Y says:

      Não percebi. Foi a Google que criou o virus e as vacinas?

    • MARTA says:

      O problema é os seguidistas andarem a cheirar “influencers” ah ah ah
      Tem sempre de cheirar alguém para se sentirem com a vida preenchida. Modas…

    • Manuel da Rocha says:

      Das vacinas, o Chega pagou 823000 euros a um jovem, de Santarém, para fazer 4000 milhões de comentários com 110 milhões de perfis, em 4 redes sociais, a dizer que “Já morreram 673000 crianças e mais de 40 milhões de adultos, vacinados. Sem vacinas nenhuma criança morreu e 230 adultos faleceram, vítimas de covid-19.”
      Até o Dr. Ricardo Baptista Leite e o Dr. Pedro Simas foram apanhados a comentar essa propaganda.
      O mesmo para o jovem de Vila Franca de Xira, que tinha 60 milhões de perfis, a quem o Sporting pagava 32000 euros mensais, para correr as redes sociais a mostrar que por cada descontente existiam 1000 a apoiar o Bruno de Carvalho.

  2. secalharya says:

    É normal. A grande maioria deles não usam os produtos.

    Só cai quem quer…

  3. Tiago says:

    Não tenho pena. É o que dá fazer negócios com influenciadores da treta, palhaços do século XXI.

  4. iDespairing says:

    Muita gente cai nessa banha da cobra. Não faço parte desse clube. Não preciso dessa gente para decidir o que compro.

  5. Luis says:

    Os influenciadores também devem sofrer as consequências. Como eles dependem muito dos rendimentos de redes sociais (YouTube,insta, etc) que melhor castigo de serem banidos permanente. Perda de todos rendimentos

  6. Castro says:

    Brevemente também a Apple..

    • Filipe says:

      A Apple já o faz há muitos anos. Simplesmente nunca foi falado. Tiram fotos com DSLR com lentes de 800€, e dizem que foram tiradas com iphones.

    • Manuel da Rocha says:

      A Apple costumava pagar 500 dólares a cada influencer que passasse 48 a 96 horas nas filas e que promovesse os novos aparelhos, fazendo lives e vídeos, apresentando informações e mostrar o unboxing. Pagavam os 1500 dólares pelos aparelhos, gravavam os vídeos e iam devolver, recebendo 2000 dólares. Foram 11 anos assim… até que o Cook mandou reduzir a prática e passaram a usar conhecidas personalidades, para lhes entregarem os novos aparelhos e montarem campanhas.

  7. Adeus says:

    Vivemos num mundo cada vez mais fake. Este tipo de marketing devia ser punido. Todo o tipo de marketing que inclui certo tipo de truques para enganar devia ser punido. E para mim quase todo o marketing que vejo hoje é treta e enganadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.