PplWare Mobile

Considera que os smartphones têm prejudicado o mercado das câmaras fotográficas?

Outras sondagens já realizadas


Marisa Pinto

Editora no Pplware e psicóloga de profissão. Desde cedo que a tecnologia é uma paixão, interessando-se em particular com o impacto que esta tem na nossa vida e nos comportamentos que as pessoas adotam nas redes sociais.

Destaques PPLWARE

97 Respostas

  1. Paulo says:

    Depende do tipo de máquina fotográfica, se for gama baixa, sim, se for na área professional, não.

  2. Jorge Gomes says:

    Prejudicou em todo tipo, menos nas profissionais, até a maioria das profissionais sao de gama media.

  3. Luis Silva says:

    se for de gama baixa, as compactas, sim já da médias para cima não……

  4. Vasco says:

    No geral…claro que sim!

  5. Rafael Saavedra says:

    Antes pelo contrário, até tem aumentado o mercado das máquinas fotográficas.

  6. Ermelindo Barreto says:

    Creio que o que mudou foi a questão dos profissionais de fotografia. Com a era digital, a qual modificou tbm a área smartphone, as pessoas deixaram de ter formação e o manejo das máquinas passou a ser simples e qualquer 1 pode fazer fotos sem necessidade de estúdio ou reprodução. Acho que é mais por aí. O que os profissionais da fotografia com formação passaram, vão passar a ter as máquinas digitais em relação aos telemóveis. Prevejo uma chegada em breve de algo mistura câmara pro com smartphone

  7. Renato Nismo says:

    máquinas compactas cada vez a perder força, toda a gente não transporta todos os dias máquinas para tirar algumas fotos,
    têm é os telemóveis que estão sempre na mão e todos os dias e todas as horas, e como os telemóveis estão a ficar melhor das câmaras de ano para ano e a preço mais acessível para todos, é uma escolha de eleição para a maioria da gente

    bem.. fica aqui a questão que tem a ver com a necessidade e orçamento limitado: ser um fotógrafo entre casual e amador, será que um mi 8, oneplus 6t, S9 e mate 20 pro (do barato ao mais caro) são suficientes, mas com paciência para tirar fotos mais satisfatórias ?

  8. Nuno Oliveira says:

    Não. A não ser que estejamos a falar das câmaras de 100€ ou 200€…
    Porque das máquinas a sério, não prejudica.
    Aliás, comparando uma máquina de 500€ para cima com qualquer smartphone, facilmente se percebe que os smartphones, por muito que tenham evoluído, são de longe fraquinhos em comparação…

  9. pois says:

    Para a maioria das pessoas, qualquer coisa que tire fotos chega.
    Para mim nada como uma máquina profissional, invisto muito pouco no telemóvel (quase nada) e muito mais nas máquinas profissionais, essas sim valem a pena o dinheiro.

  10. Carl p says:

    Óbvio que sim. Agora só se vendem máquinas de gama alta, profissionais.

  11. Luis says:

    Mais ainda com todo o tratamento existente hj em dia menos ainda justifica comprar uma máquina, tirando uma foto em pro mode em raw vai ao photoshop e comparada com uma foto idêntica com uma dslr que vai ao mesmo tratamento nem se nota a diferença é se te derem as duas pra escolheres a melhor muitos sem saber optam pelo mate 20 pro por exemplo

  12. João Terra says:

    Por um lado sim e por outro não. e dou exemplos: Foco e desfoque, um smartphone hoje em dia já o consegue fazer, mas de forma muito fraquinha, enquanto com uma máquina pro fica excelente. Por outro lado prefiro as maquinas pro, porque dá para ajustar a abertura do diafragma e o fecho, luminosidade, ISO, obturação da lente e velocidade de captação da imagem. As maquinas pro ainda contam com um leque variado e alto de funções que os softwares de smartphones e a propria camera desses smartphones, nunca irão chegar lá

  13. Vitor says:

    Claro que prejudicou as vendas das máquinas compactas que custavam até 200/250 Euros…já existem smartphones com excelentes cameras para utilização no dia a dia! Para uso profissional não prejudica em nada…os profissionais da fotografia sabem o que querem!

  14. Arkan says:

    Tem sim, todo mundo que se achava fotografo perdeu n clientes, antes tinha ate profissao fotografo de ‘encontros’ e acabou, tinha se tambem os lambe lambe que tirava as fotos para documentos, e fora os que paravam na rua e tiravam foto sua e davam papel para ir pegar a foto, além acabar também com os fotografos de momentos intimos tao comuns em revistas erot!cas. Tudo tem um fim e um novo começo!

  15. Alex says:

    Quem usa camera em pleno 2018?

  16. Mateus says:

    Ainda esta semana comparei uma ActionCam de 350€, S9 Plus e Máquina fotográfica de 400€ e o S9 Plus faz filmes muito superiores e fluidos (mas necessita um Gimbal para atingir a estabilização da ActionCam) e melhores fotos que a câmara (mas só tem zoom 2x vs 4x da câmara e no S9 não pode ser mudado durante o vídeo). Também a câmara frontal (vídeo QHD) fez vídeos muito aceitáveis mas o alcance dinâmico e a (falta de boa) capacidade de focagem não chegam ao nível das câmaras traseiras.

    No final o S9 Plus + Gimbal (ou qualquer modelo de topo da Huawei, Apple, Xiaomi, etc) é o que preciso 95% do tempo; se um modelo no futuro tiver grande angular, zoom ótico utilizável no vídeo e 20 MP, creio que não vou precisar de mais aparelhos…

    Óbvio que um smartphone na próxima década não conseguirá substituir aparelhos com sensores grandes (Sony RX100, A6500, dSLR etc) e objectivas com muito zoom, mas essas também irão ser um nicho de mercado e para profissionais.

    Um espanhol comparou um S9 com uma A6500 em vídeo com boa luz e o S9 ganhou 🙂 óbvio que em baixa luz não houve competição possível e a A6500 da Sony arrasou completamente tudo e todos mas os sensores dos smartphone desenvolvem- se muitíssimo mais rápido que os das máquinas fotográficas.

    Muitos vloggers já só usam smartphone (e com a câmara frontal…) porque a qualidade com boa luz já é fantástica.

  17. Luis says:

    O que pediste é simples pega um mate 20 pro muito superior ao s9 em fotografia e faz exactamente isso, tem uma lente grande angular que funciona muito bem e faz o zoom no vídeo como querias e em 4k

    • Mateus says:

      O ser “muito superior” ao S9 Plus deixo isso para eu próprio avaliar quando tiver um nas mãos e dizer os meus testes.
      O Mate 20 Pro é “muito bom” mas nem sequer filma a 4K 60fps e todas as fotos que tenho visto na net não me convencem ao “Ser superior ao S9”. Isso e todos os problemas de ecrã que alegadamente tem nas bordas e bordas curvas feias como no S6 EDGE… Não obrigado.

      O S9 Plus é mais barato, tem umas fotos e ecrã alucinantes e o vídeo é incrível, além do modo DeX que tem funcionado muito bem cá em casa. Iria dar 1000€ por um Huawei quando são mínimas as melhorias vs S9 e o S10 em poucos meses está aí? Nop

      As maiores mudanças vem do marketing, não acredito que até 2020/2021 algum terminal venha trazer alguma vantagem (real) versus um iPhone X, S8 e terminais da mesma geração.

      • Luis says:

        Em relação ao 4k 60 fps de facto é verdade agora design e relativo eu prefiro de longe o mate 20 pro mas são gostos agora em termos de quantidade de coisas que faz de opções de versatilidade e qualidade da câmara coitadinho do s9 até o p20. Pro deixa o s9 de lado quanto mais o mate 20 pro já para não falar na possibilidade de fazer macros fotos wide angle até video 4k com a wide angle lente as fotos noturnas enfim não só superior em praticamente tudo como é muito mais versátil e faz muito que o s9 não faz

        • pois says:

          Sim, dar mais dinheiro por um telemóvel que faz tanta coisa e não faz nada de jeito? O Mateus fez muito bem e ficou com melhor qualidade de som, com melhor qualidade fotográfica, melhor qualidade de vídeo, melhor ecrã, etc e ainda foi mais barato.
          “ahh e tal mas o mate 20 pro é melhor porque isto ou porque aquilo”
          Não é não, só quem comparou os 2 lado a lado é que sabe, isso que se diz da huawei é puro marketing.

          • Luis says:

            Yah yah e isso tudo experimenta fazeres uma simples pesquisa a ver comparações de um com o outro a nível nacional e internacional e curioso que vão todos dar ao mesmo lado e só quem enterrou centenas de euros em cameras que hoje ficam pra trás dizem isso… Quem realmente investiu como deve ser sim sem dúvida que tem mais qualidade agora gastar 500 600 euros numa máquina e só para rir de certeza que tu gastaste e por isso falas assim

          • pois says:

            Não preciso de fazer pesquisa na net que são geralmente tendenciosos, eu próprio faço as comparações sem favoritismo, huawei tem de comer muita sopa, ou meter o verdadeiro valor real dos seus equipamentos, não deviam custar mais de 600€.
            Tenho algumas DSLR sim, e nem vale a pena comparar a qualidade. simplesmente não é comparável.

          • Rui Costa says:

            Nem mais nem menos!!! Samsung is the best! Digam o que disserem, pf não comparem huawei a samsung

      • Renato Nismo says:

        Mateus, essas comparações devem ter sito nas fotos diurnas onde quase todos os tlms são quase a mesma coisa

        fotos nocturnas é completamente outra história, o p20&mate20 pro batem em quase todos os tlms, pois conseguem captar mais luz e extrair cores naturais na escuridão quase completa

        pesquisa Night Sight do google camera no youtube, um enorme avanço no algoritmo poderá fazer uma diferença muito grande na evolução nos próximos anos.

        • Mateus says:

          Nao digo que nao, mas salvo raras excepcoes, nao confio nos testes da net. Mesmo antes de comprar um S9 experimetei na loja e versus o meu S8 para constatar que so mesmo em muito pouca luz ha alguma diferenca; o Mate 20 Pro é substancialmente mais caro que o S9 e nao acredito que as diferencas reais sejam proporcionais. Para alem de que a nivel de ecra, duracao em ciclos da bateria e outras coisas, que o S9 esta noutro nivel superior.

          • Luis says:

            Estas muito mal informado, em primeiro não precisavas comparar o s9 e s9 na loja pra chegar a essa conclusão eles são os dois praticamente iguais… Se em vez disso te desses ao trabalho de comparar um mate 20 pro e um s9 não dirias isso é verias que o s9 não consegue bater se de frente… Nem em qualidade nem quantidade nem tão pouco versatilidade a bateria então estas na mesma fora dela dela pois nem note 9 nem iPhone xs max nem outro flagship tem uma bateria que dure tanto e que carregue tão depressa… Esqueçam a marca serem Samsung fanboys não serve de nada e preciso mente aberta e ver o que realmente está do outro lado

          • Luis says:

            Estas muito mal informado, em primeiro não precisavas comparar o s9 e s9 na loja pra chegar a essa conclusão eles são os dois praticamente iguais… Se em vez disso te desses ao trabalho de comparar um mate 20 pro e um s9 não dirias isso é verias que o s9 não consegue bater se de frente… Nem em qualidade nem quantidade nem tão pouco versatilidade a bateria então estas na mesma fora dela dela pois nem note 9 nem iPhone xs max nem outro flagship tem uma bateria que dure tanto e que carregue tão depressa… Esqueçam a marca serem Samsung fanboys não serve de nada e preciso mente aberta e ver o que realmente está do outro lado

          • Renato Nismo says:

            não confias nos testes na net, mas se houver 20 sites e 20 vídeos, os mais populares aos mais desconhecidos, que dão os mesmos resultados ? há muitos destes aos pontapés e é um facto que o p20/mate20 pro que são superiores de longe

  18. Sérgio J says:

    O utilizador comum usava máquinas compactas e o telemóvel simplesmente as aniquilou.
    No entanto o telemóvel veio facilitar o acesso à fotografia, que por sua vez aumentou o número de aficionados aumentando assim o número de utilizadores que passou da fotografia de ocasião pra algo mais elaborado. Portanto o telemóvel veio aumentar o número de hobbystas que adquiriram uma SLR. Hoje em dia já nem faz sentido em distinguir entre SLR e DSLR

    • Nuno Oliveira says:

      Não faz sentido em distinguir entre SLR e DSLR??? Então mas máquinas de rolo e máquinas digitais não merecem distinção?

      • Cortano says:

        Ele não sabe o significado de slr/dslr

        • Sérgio J says:

          Achas que não sei?

          A parte SLR é idêntica. O que muda é depois o método de aquisição de imagem.

          Hoje em dia qd te referes a uma máquina fotográfica já assumes que é digital.

          Portanto o que meu comentário diz é que o acesso generalizado da fotografia fez foi aumentar o número de entusiastas que levam mais a sério a fotografia e então compram um SLR. Se é digital ou não já é outra conversa.

          • Nuno Oliveira says:

            O que ainda não te apercebeste então é que há todo um novo segmento de máquinas altamente avançadas tecnologicamente que não são dslr. São as chamadas mirrorless ou csc – compact system camera.
            E essas, pela sua tipologia, podem fazer coisas que uma dslr não permite, a não ser que se prescinda da parte “slr” por completo o que não é possível.
            Estas máquinas já se arranjam abaixo dos 400€, tem sensores de 1″, m4/3, ou apsc ou full frame, encostam qualquer telemóvel e ao contrário do que alguém por aqui disse, não pesam kilos, pesam gramas…
            A título de exemplo, a canon g9x custa na Worten 399€ e pesa 11gramas a mais que um mate 20 pro…
            E claro que também há o outro extremo, os topos de gama – que custam mais de 2500€ sem lente…
            Já tive ao todo umas 5 dslr e como as coisas estão agora, penso que nunca mais irei comprar nenhuma porque as csc apresentam imensas vantagens…

  19. Leal says:

    Eu acredito que prejudicou e no geral, com as super câmaras que hoje em dia há nos telemóveis, e que andam sempre no bolso, fez encostar a maioria das câmaras fotográficas, incluindo as de grande gama.
    Eu tenho uma e actualmente pouco uso lhe dou, a não ser por uma situação muito especial, o mesmo acontece com a maioria, tirando o facto de pessoas que as utilizam como profissão.

  20. pedro says:

    tem prejudicado em todos os sectores menos no sector profissional !!! onde as DSLR de gama media/alta e de topo reinam …

  21. David Guerreiro says:

    Um smartphone devido ao tamanho, ao facto de ter de ser compacto, não dá muita margem para os fabricantes. Num corpo de uma DSLR tem muito mais espaço para colocar lentes, sensores, etc.

    • Mateus says:

      Margem para muito mais tem, so que fica caro. A SONY ha muitos anos teve maquinas ultra finas com zoom otico porque tinha um sistema estilo periscopio embutido e espelhos, a Sharp telemoveis com zoom 2 e 3x otico ha muitissimos anos.

      Hoje em dia no espaco utilizado pelas 3 camaras traseiras podiam ter 1 so com zoom otico 3x, grande angular e ate um sensor algo maior, mas o custo desse modulo seria muito mais alto que ter 3 modulos simples. Ha que esperar.

      • Nuno Oliveira says:

        Não é possivel meter sensores maiores num telemóvel.
        A luz entra pela lente e faz um cone que se espalha pelo sensor. Para teres um sensor maior tens de ter uma distância focal maior, ou seja um telemóvel mais espesso.
        Sensores maiores e melhores há aos pontapés…
        E quanto a lentes, basta ver o peso em vidro de uma objectiva para perceber porque os telemóveis não têm mais qualidade…
        A luz atravessa vidro sem as características ideais para nitidez e contraste…
        Atinge um sensor minúsculo e limitado…
        É processada por um SoC limitado…
        Tudo isto é superior numa máquina fotográfica.
        Tem melhores lentes, tem processadores de imagem dedicados com anos de experiência, têm sensores enormes, 10, 15 ou 20 vezes maiores e de qualidade superior… E não estão sujeitas a tanto pós-processamento que a cada etapa tira detalhe às fotos…

  22. Elkido says:

    Eu tenho um Xiaomi Mi 8 e tem uma das melhores câmeras do Mercado e até é superior ao S9…. claro que a do P20 pro e Mate 20 Pro são superiores

  23. Nuno Oliveira says:

    Para quem diz aqui que um bom telemóvel já está muito próximo ou melhor que uma máquina profissional, não digam asneiras.
    Só vos posso dizer que se experimentarem uma máquina em condições de 600€, como a sony a6000 que comprei há mais de 3 anos, e a compararem com o melhor telemóvel que exista hoje, a máquina dá 10 a 0 ao telemóvel em tudo o que é fotografia. O telemóvel só ganha na portabilidade.

    Imaginem o sensor do vosso telemóvel com uma área 10 vezes maior do que a que tem actualmente, com os pixeis a captar 10 vezes mais luz, com 10 vezes menos ruído, com abertura variável, com controlo de direccionamento e potência de flash, com ISO 3200 sem ponta de ruído, com desfoque verdadeiro e não aquela coisa que inventaram para enganar os que vão atrás do marketing… Enfim… Imaginem filmar um vídeo com uma máquina destas com 50mbps ou 100mbps em vez de 20mbps como num p20 pro… Imaginem só! Uma máquina de longe melhor a captar imagem, e a guardar essa imagem muito superior com 5 vezes mais informação que num telemóvel…

    Tentem só perceber que ao captar 10x mais luz e permitir ISOs com 3 ou 4 stops acima sem aumentar o ruído e a guardar essas imagens com 5x mais qualidade estamos a falar de uma imagem incomparável…

    Um p20 pro tira boas fotos com 2, 3 ou 4 megabytes de tamanho… Uma máquina de 600€ tira fotos de 7, 8, ou 9 megabytes… Onde estará a diferença?
    O mesmo vídeo num p20 pro e numa máquina de 600€ tem 166MB no p20 pro e 663MB na máquina, o que acham que faz os videos crescer em tamanho? Eu explico: Num video de gotas de chuva a cair numa poça de água no p20 pro mal se distinguem os pingos e as ondas que fazem ao cair na água enquanto na máquina se vêem os pingos nitidamente assim como todas as ondinhas que nascem ao cair…

    Estive numa “sessão” fotográfica com um aficionado da fotografia que não acreditava que a minha máquina batesse o p20 pro e à segunda foto nocturna, onde ele tinha exposições de 10 segundos para uma imagem aceitável sacrificando detalhe, e não conseguindo fotografar pessoas, animais ou outros objectos em movimento, e eu com exposições de 1/4 de segundo com fotos nítidas e, palavras dele, realmente fantásticas…

    Falam em features que os telemóveis poderão vir a ter… Tipo quê? Fotografar uma pessoa e dizer à máquina para focar sempre aquela pessoa? Seleccionar um objecto a focar e a máquina foca o objecto seguindo-o mesmo que ele se mova? Tirar 10 fotos por segundo focando entre cada uma delas de forma a manter o focus num objecto em movimento?

    Experimentem uma máquina a sério antes de dizerem que os telemóveis são melhores… E só posso falar da minha máquina de 600€ que tem mais de 3 anos… Imaginem uma máquina a sério dos dias de hoje…

    Nem vos consigo transmitir o mal que me sinto ao ler estes comentários… Falamos de alguém que teve um p20 pro e o vendeu porque a velhinha máquina continua a dar cartas…

    Desculpem o desabafo, e ignorem se acham realmente que o vosso telemóvel tira fotos sequer aproximadas de uma máquina da gama dos 600€…

    • Luis says:

      Pode ou não ter razão mas ainda assim vc não sabe exactamente do que fala… Mate 20 pro so com a ia sem usar modo pro tiro uma foto e tem 9 a 10mb só ai já é superior de acordo com o que falas e que a tua câmara tira 7 ou 8mb… Em segundo lugar falas de uso 3200 mas o mate 20 pro and modo profissional até ISO 6400 tem tu estas certamente a comparar Samsungs ou outros equipamentos inferiores… Deste 600 euros nessa máquina é queres acreditar que é um excelente investimento e contigo são opiniões pra mim e deitar dinheiro a rua

      • Nuno Oliveira says:

        Caro Luis, quando falo nos megabytes, falo em modo normal. Se me meter a abusar da máquina facilmente atinge 20 ou 30…
        E o iso que falo é sem ruído. Acredito que o mate 20 pro vá até 6400 mas fica cheio de ruído. A máquina que falo vai até 25600. E os 3200 que falo é sem ruído e sem IA.
        Não se trata de querer acreditar em bons investimentos ou não, trata-se de ser objectivo.
        Nenhun telemóvel chega aos calcanhares de uma máquina. Basta veres só o tamanho minúsculo dos sensores deles…
        Compara uma máquina a sério com qualquer telemóvel e depois falamos…

      • pois says:

        “Deste 600 euros nessa máquina é queres acreditar que é um excelente investimento e contigo são opiniões pra mim e deitar dinheiro a rua”

        Mas queres comparar um canivete suiço (telemóvel) com uma máquina dedicada só a fotografia?
        Claro que os telemóveis não têm hipóteses, por muito que tenham evoluído ainda estão muito longe de atingir os resultados das DSLR, estas já vão muito à frente.

        Para quem quer meter fotos no instagram para se exibir um telemóvel de 100€ chega, mas para quem gosta realmente de detalhe não é uma câmara toda xpto de um telemóvel que vai satisfazer.

        • Nuno Oliveira says:

          Portanto, tanto dizes que quero justificar o investimento como dizes que os telefones não têm hipótese…

          Portanto concordas comigo. E sim, estou a comparar um telemóvel com uma máquina fotográfica dedicada porque é disso que se fala precisamente neste artigo.

          E já agora, apenas para tua não haver mal entendidos, não falei de nenhuma DSLR. Só falei na minha a6000 da sony. Mas o mesmo pode ser dito da minha 70D ou 7D, essas sim, são uma DSLR.

          Quanto a deitar dinheiro à rua, é precisamente o ponto onde falhas mais. Há muitos anos que tiro fotos e sou membro da Alamy, e só depois de comprar uma EOS400D é que consegui vender algumas fotos. Depois uma 700D, uma 70D, uma 7D, uma a6000, e uma a7s mk3 a caminho…
          E acredita que não preciso de deitar dinheiro à rua, antes pelo contrário, só invisto o que invisto porque além de gostar de fotografia, tenho um retorno que mo permite. Se fosse à conta do salário não tinha mais que uma máquina como é óbvio…

          Mas de qualquer forma, o meu post foi no sentido de não ser possível com um telemóvel chegar aos calcanhares de uma máquina fotográfica, e quando dizes “Claro que os telemóveis não têm hipóteses, por muito que tenham evoluído ainda estão muito longe de atingir os resultados das DSLR, estas já vão muito à frente.” estás simplesmente a concordar com a minha opinião.

    • pois says:

      Isto! +1000
      (Só quem percebe de fotografia é que sabe)

    • Marco Rebelo says:

      Tens razão em tudo Nuno e sou da tua opinião. E mais! Outra vantagem que as maquinas fotograficas têm em relação aos telemoveis é podem tirar 5, 8 ou até mais fotos por segundo.

  24. João says:

    Nadica de nada….. O mercado das que?

  25. anonet says:

    O mercado profissional não tremeu, nem vai tremer.
    Quando ao mercado “normal” que servia para tirar umas fotos com os amigos e sem qualquer tipo de qualidade, sim, esse está morto.
    Mas por muito que as cameras num mero telefone evoluam, nunca terão a precisão e qualidade que lentes e cameras profissionais têm.
    Apresentem-me um profissional que utilize um telefone como equipamento para as sus fotos. Eu aguardo….

  26. Rui says:

    Não sou tão catastrofista!
    O mercado dos telemóveis ajudou a puxar pelo mercado de câmaras profissionais.
    E mesmo no sector mais barato, são as DSLR específicas que levam a melhor sobre o telemóvel. Vejam bem se num evento desportivo, não utilizam antes uma Go Pro do que o melhor telemóvel do mundo, porquê? Talvez pq a Go Pro tem muito melhor estabilidade de imagem…… qualidade, som…… resistência……

    Faz-me lembrar o aparecimento do magnífico Nokia com câmara de 50 megapíxeis e com fotos…… que na realidade foram tiradas por uma Canon Profissional!!!!!!!!

  27. Pi_sem_Pé says:

    O pessoal está habituado a compactas muito fracas…comparem qualquer smartphone com esta (dos modelos mais baratinhos da Sony) e depois digam alguma coisa…
    Eu vejo um telemóvel como um canivete suíço… é bom para desenrascar,mas não esperem muito dele…

  28. DANIEL FURTADO says:

    Vai de cada pessoa!!!
    Quem é profissional jamais vai trocar por um smartphone e nem consigo imaginar quando isso vai acontecer.
    Ainda não há espaço para os smartphone invadir a midia global, tais como fotografos de esportes, e por ai vai……..leia de novo: AINDA***

    Quem é amador que é meu caso, sim!!! o mercado já está sendo prejudicado há pelo menos 2 anois quando os smartphones começaram a lançar celulares com alta qualidade de imagem ( digo pelo meu antigo Samsung Galaxy S7 Edge, que era fantastico e morrreu 🙁
    Comecei em 2010 com uma Lumix FZ100, depois troquei por uma Nikon D90, seguida da Canon Rebel SL1 e como já não estava usando tanto assim, resolvi vender-la em setembro deste e ficar somente com o smartphone…

    Conheço algumas pessoas que também são amadoras porém possui até quantidades boas de lentes, cameras e etc e que também não estão usando tanto assim…..

    Triste mas é a verdade!!!! Os smartphones vão dominar bastante essa area…

  29. Jorge Gomes says:

    Eu tenho uma maquina fotografica compaca mas é uma Leica x2 focal fixa, mas nem fotografo amador sou.

  30. Marco Sousa says:

    Resposta “Sim/Não” para uma pergunta tão cheia de nuances…
    Como já aqui foi dito, o mercado das máquinas compactas baratas basicamente desapareceu à medida que os sensores nos telemóveis se foram tornando cada vez melhores. A excepção são as compactas premium que preenchem o nicho daqueles que exigem ainda uma qualidade de imagem superior a um telemóvel e versatilidade de uma câmara mais complexa mas não abdicam da portabilidade.
    O segmento de entrada de modelos DSLR também foi afectado. A melhoria significativa da qualidade de imagem dos smartphones e talvez principalmente aliado à vantagem no que toca a curva de aprendizagem fizeram com que o o público que antigamente comprava uma DSLR quando queria algo um pouco melhor deixasse de a considerar uma proposta tão atractiva.

    O mercado profissional está a passar por uma transformação mas por outras razões não tão relacionadas com os smartphones (atraso da Cannon/Nikon em entrar a sério no segmento mirrorless, estagnação a nível tecnológico, etc).

  31. Mago says:

    Sou fotografo superior com curso profissional e so tiro fotos de casamentos com o meu pixel 3. Dslr fazem parte do passado e nem hdr fazem

  32. Diogo Monteiro says:

    Hoje em dia toda a gente é fotografo, é só pegar telemóvel, tirar foto, mexer uns filtros e está lindo. Isto porque já existe muito pós processamento automático no telemóvel.

    Sendo mais especifico! Agarro no meu Mi5, tiro uma foto a uma paisagem. Depois agarro na minha 80D e tiro a mesma foto. Resultado, momentaneamente, irei preferir a do mi5. Agora se colocar a foto da 80D no lightroom, perder uns bons 10 minutos a editar a foto, a foto da 80D irá certamente destacar-se.

    Claro que posso editar a foto que tiro no telemóvel no lightroom, mas quem sabe, sabe que nunca vai ficar a mesma coisa por vários motivos técnicos.

    Eu prefiro, sem duvida, em investir num telemovel com uma boa camara fotográfica(sensor), pois é mais prático e está sempre à mão, mas sempre que vou passear e sei que posso tirar uma boas fotos, uso e abuso da minha 80D.

    Agora se os smartphones têm prejudicado o mercado das câmaras fotográficas, eu diria que sim, mas mais propriamente nas gamas de entrada, ou aquela camaras mais portáteis. Quem quer ou precisa de tirar boas fotos, vai sem duvida investir numa dslr de média ou alta gama.

  33. Jorge Gomes says:

    Os telemoveis fazem boas fotos, mas nunca irao substituir as maquinas fotograficas profissionais, os de hoje poucos ou nenhum bate a minha Leica x2, os telemoveis sao otimos mas nao em tudo.

  34. Rui says:

    Congratulo-me por ver tantos peritos em fotografia, graças sem dúvida a este nosso fórum da PPLWARE 🙂

    Para quem acha que um telemóvel tira fotos fora de série, deixo só 3 exercícios para ver o que sai do telemóvel:
    – Fotografia de desporto (automobilismo, motociclismo ou por exemplo triatlo), vejam lá o ovni que sai do telemóvel! Conseguem perceber o objecto que tentam fotografar ou até apanhar alguma coisa?
    – Fotografar à noite em espaços abertos. Tentem fotografar sem ser com o telemóvel à frente da cara? Percebem quem aparece na foto?
    – Por fim tentem lá com os super-mega-melhor_que_nada_de_telemóvel fotografar um avião, sem estar parado. Já será muito bom se o telemóvel conseguir estabilizar e focar o avião e percebermos que não é uma ave…….

  35. censo says:

    Telefone não ocupará lugar da DSLR. A questão é física : tamanho do sensor. No entanto, e numa ótica tipicamente portuguesa, o telefone desenrasca ! Agora, e como sempre digo: o telefone tira fotos. A DSLR faz fotos.

  36. Nuno says:

    Perguntem aos donos das centenas de lojas de fotografia que fecharam nas últimas décadas…

    • Nuno Oliveira says:

      As lojas de fotografia que fecharam vendiam serviços caríssimos… Não vendiam máquinas…

      Aqui na minha zona há 3 lojas do Carlos Portugal que cobram 60€ por uma sessão fotográfica de 2 horas a uma criança e dão 10 fotos.

      Ao mesmo tempo, apareceram muitas pessoas a fazer o mesmo serviço, pelo mesmo preço, sem limite de tempo, sem pressas, sem antipatias, e além de darem todas as fotos, sejam 100, 200 ou 300, ainda fazem umas 40 editadas e vem tudo num DVD para usarmos como bem entendermos…

      Não vamos confundir as coisas.

      As casas de venda de equipamento que conhecia há 10 anos continuam a ser onde compro material! Seja na loja seja online… E muitas outras apareceram…

    • Vitolas says:

      Nesse caso temos de culpar as impressoras ou as mais variadas lojas que tem aqueles quiosques para imprimir fotografias,não necessariamente os telemóveis.

      • Nuno Oliveira says:

        Sim, também é verdade. E diga-se de passagem que alguns fazem fotos bem fatelas… Num tal de papel térmico que é mesmo a cortar nos custos e na qualidade…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.