Quantcast
PplWare Mobile

Steve Wozniak, cofundador da Apple, não vê diferenças entre o iPhone 13 e o iPhone 12

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. lopes says:

    Depressa, arranjem uns óculos ao homem, para ver se muda de opinião, que já já vem ai os fanáticos dizer que ele não está bom da cabeça… ehehehehe.

  2. Pedro Rodrigues says:

    14 de Setembro*

  3. Pedro says:

    O factor que leva uma empresa a inovar é a concorrência. Só isso. O iPhone 12 era o melhor telemóvel do mercado no ano passado. Este ano, se não tivesse sido lançado um iPhone 13, provavelmente continuaria a ser melhor que os lançamentos da concorrência. E face a isto, para que inovar drasticamente ? O que tem o último telemóvel da Samsung de especial? Ou da Huawei? Mas há algum utilizador de iPhone que troque por algum desses? Claro que não. Pelo que até haver alternativas competitivas a Apple vai se deixando estar assim, pq assim é que eles ganham dinheiro a sério.

  4. Marko says:

    Concordo plenamente, embora haja boas melhorias 120Hz de referesh rate que embora pelo menos um pseudo ilumindado andou a dizer que não fazia diferença nenhuma e no IOS nem se notava essa diferença e blá blá blá, é óbvio que quem realmente entende minimamente de tek sabe que é uma diferença brutal, só que como a Apple ainda não tinha e só em android existia pronto… Melhorou processador, ecrã, câmeras mas… se formos honestos o que se nota logo de caras é a qualidade do ecrã face ao 12, o resto para o comum user não é notório é uma verdade!

  5. João says:

    tou com ele! fico em falso espero 14

  6. Eu sei lá says:

    O que disse – exatamente – Wosniak, para o caso de alguém pensar que fez um exame detalhado do iPhone 13:
    “Eu comprei o novo iPhone. Realmente não sei dizer as diferenças. O software que contém também está em iPhones mais antigos, presumo.”
    “Eu preocupo-me com a largura e o tamanho … mas não estudo isso”, disse Wozniak. “Só estou interessado se os produtos são bons.”

    Como se interpreta? Do mesmo modo que em 2017 sobre o iPhone X, quando disse que era o primeiro iPhone que não compraria no dia do lançamento: “Prefiro esperar e para ver. Estou feliz com meu iPhone 8 – que é igual ao iPhone 7, que é igual ao iPhone 6, para mim. ”

    Wosniak está – apenas – a dizer o que é habitual nos utilizadores do iPhone: está contente com o modelo que tem, mais antigo, com a versão do iOS mais recente. Tchhh …

    • Eu sei lá says:

      Já agora, como o post indica uma fonte chinesa (a que fui, antes de procurar outra), há por lá mais posts interessantes:

      “Cabo de carregamento inferior de 1,9 yuan! O iPhone 13 que acabei de comprar quase explodiu”
      “Ponham o carregador do iPhone! Estudante de direito de Pequim-Xangai processou a Apple por fraude”
      “Análise do custo do material do iPhone 13, 13 Pro Max: depois de comparar com o Huawei Mate 40, pode-se dizer que é muito lucrativo”
      “O cofundador da Apple disse que não há diferença entre iPhones antigos e novos, os internautas dizem a verdade”

  7. Há cada gajo says:

    É o único ?

  8. Samuel MGor says:

    Quanto ao software não sei mas quanto à aparência do iPhone o 12 e o 13 são iguais a única exceção parece ser o tamanho das câmaras no iPhone 13 Pro. A Apple invés de lançar panos devia inovar a aparência nem que seja por o símbolo em dourado 🙂

  9. wtvlol says:

    A diferença é que se não tiveres um Iphone 13 és desprezado pela sociedade consumista.
    Iphone 12? Plebe!

  10. Tiago Ferreira says:

    Bem eu ainda não o comprei, até porque continuam escassas as unidades. No entanto fisicamente e esteticamente realmente concordo, quase nada mudou, mas não concordo que ele não veja diferenças. Tem um novo processador A15 Bionic, uma atualização de ecrã 120Hz, notch mais pequeno, nova versão de capacidade até 1TB e gravação de vídeo em ProRes. Acho que também não podemos ser tão cegos por mais que muitos não gostem da Apple ou até muitos não concordem ou esperassem um pouco mais com este lançamento, mas não concordo com a opinião do cofundador da Apple.

  11. Marko says:

    ProRes muita gente fala, é uma palavra bonita e tal mas… sabem realmente o que é? Para que serve? Quem realmente tirará partido desse modo? Não vale ir a net…
    Se sabem deixo a pergunta e espero que quem muito fala no ProRes e saiba seja sincero… O comum user sabe o que, nota uma diferença média até na esmagadora maioria das situações/cenários? E para que tipo de user o modo ProRes realmente poderá ser útil? Porque usar o modo ProRes como argumento… pah quem entende minimamente da coisa sabe que o modo ProRes é para um tipo de utilizador muito específico, até pelo espação de dados que ocupa, é só a minha modesta opinião!

  12. Jorge says:

    A diferença é o refresh rate de 120hz

    • Ofabulastico says:

      Se comparas os reviews (já que assumo que não tens os dois) e a tua conclusão é essa, também precisas de uns óculos.

      1) 120 Hz (muita diferença)
      2) bateria muito superior
      3) câmaras superiores
      4) Prores (para quem interessar)
      5) mais potência / futuro sem problemas mais assegurado
      6) não tem tanto overheating
      7) notch mais pequeno

      E isto foi só um resumo. E nenhum update é a pensar nos clientes do modelo anterior. O objectivo do iPhone 13 são os clientes do 11 e anteriores; o objectivo do S21 Ultra são os do S10 e anteriores e não do S20 Ultra.

      Portanto, tanto comentário só para falar por falar

      • Marko says:

        Ou seja resumindo e baralhando… O Jorge tem razão, assim como a realidade dos factos!

        Ponto 1) – a única verdadeira implementação que faz toda a diferença o resto…

        2), 3), 5) melhorias lógicas nada de excecional, acontece em todas as marcas o mesmo

        4) – Toda a gente fala a boca cheia como grande inovação e não há igual etc… e ninguém me respondeu o que é o ProRes e para que serve realmente, e tipo de utilizador é? Arrisco que seja para talvez 10% dos utilizadores de IPhone 13 Pro/Pro Max e se calhar já estou a ser exagerado, o resto a maioria nem nota diferenças, nem sabe o que é ou para que serve a verdade é esta… “ah e tal ProRes”, que é isso? “Não sei mas tem”Enfim!

        os pontos 6) e 7) nem vou levar a sério porque faz tanto sentido como ter visto ontem 2 ursos polares a apanhar sol na praia da Fonte da Telha e quando se usa isso como argumento é porque realmente está mau lol… o noch reduzido? sério? 😀

        Ainda te esqueceste que carrega mais “rápiiiiiiiidddddddooooo” um bocadinho certo?

        É do ponto… os ecrãs? São só os melhores do mercado atualmente… isso não interessa…

        Resumo… ecrãs brutais e 120Hz = a ecrãs, o resto melhorias comuns a todas as marcas e que nem conta damos no uso diário!

  13. SANDOKAN 1513 says:

    “Concorda com a opinião de Steve Wozniak?” Quem sou eu para concordar já que nunca tive um iPhone.Agora se ele diz isso é porque provavelmente pensará que pouca coisa foi melhorada em relação ao modelo do ano passado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.