Espanha: Turbina inovadora gera energia barata com ondas do mar

Membros do Consórcio Internacional Opera

O consórcio Internacional integra a Tecnalia, a Universidade de Edinburgh, a Universidade de Exeter, o Colégio Universitário de Cork, o Instituto Superior Técnico de Portugal, Conselho Basco da Energia, bimep, Kymaner, Iberdrola Engineering and Construction, Oceantec, DNV GL e Global Maritime. Para a realização deste projecto foram alocados 5,74 milhões de euros ao abrigo do programa Horizon 2020.


Destaques PPLWARE

5 Respostas

  1. Luís M says:

    Se é barato eficiente não interessa a Portugal.

  2. Mr.T says:

    Excelente artigo. Parabéns! Espero ver mais artigos com conteúdo realmente interessante (como este) em detrimento dos típicos artigos a fomentar guerras IOS/Android.
    Neste caso apenas resta dizer que é uma pena que Portugal não apoie mais este tipo de iniciativas e projectos a nível nacional. É sempre uma dor de cabeça legal e burocrática quando se quer inovar e empreender neste país…
    E depois ainda faltam os PAN’s e Verdes deste país, virem com as teorias da conspiração para tentar parar com os potenciais avanços…

  3. me says:

    Este projecto foi feito originalmente para a costa de Aveiro, com parceria com a Universidade de Aveiro e da EDP, no entanto o governo do Sr. Passos Coelho não achou interessante e agora sao os nossos vizinhos que o fazem (tambem com a EDP Renovaveis mas a de Espanha)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.