Quantcast
PplWare Mobile

Ucrânia também quer que a ASUS pare de vender produtos para a Rússia

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. António says:

    E o ocidente também devia embargar os produtos e todo o comcércio com os chineses que, como vemos, têm um regime hipócrita. O ocidente só conta para enviar para lá muitos dolares na compra de produtos de qualidade suspeita!

  2. Gilberto Silva says:

    E para quando boicotar a apple em Portugal. Estou farto de ver vaidosos com aifones enquanto a maioria da malta tem de aturar xiaomis

    • David Guerreiro says:

      Estudasses para ganhar mais, e poderes ter um aiphone

      • PorcoDoPunjab says:

        David, qualquer um pode ter um aifone, prova disso é que qualquer um, desde que o queira, tem-no.
        Nunca ouviu falar em crédito? Credibom? E milhentas mais?
        Com a quantidade de aifones vendidos em PT deve ser verdade que cada um que o tem é doutorado ou licenciado….só se for em Burrologia, ou melhor ainda, em engenharia da Ericeira.

    • Memória says:

      Já vi holandeses a respeito de touradas dizer que o touro devia ter estudado para ser outra coisa qualquer

  3. Gina Escaxada says:

    Agora a Rússia é uma “país soviético”? Haja paciência para tanta ignorância…

  4. Jorge says:

    Palhaçada total estes boicotes à Rússia.
    Pura propaganda dos políticos europeus para disfarçar a sua incompetência e impotência.
    A Rússia e a China são auto-suficientes . .ao contrário da Europa.

    Estas medidas só servem para atacar os europeus como eu que pouco mais ganho que o ordenado mínimo.
    Enquanto isso os Russos e os Chinos riem-se e aproveitam-se da nossa crescente pobreza.

    Vejo tanta gente solidária com a Ucrânia .. em vez de mandarem bitaites podiam pegar nas pernas e ir para lá levar uns balázios nas trombas, isso sim era solidariedade.

    “Engraçado” como os comunas PCP/BE andam calados que nem ratos … até parece que são financiados pelo sacana do Putin, assim tipo a Le Pen da extrema direita .. espera lá, a extrema direita em França e a extrema esquerda em Portugal são financiados pelo mesmo?

    • pedro says:

      Parabéns Jorge. Vai ser difícil alguém conseguir dizer tanta asneira no mesmo numero de palavras.
      Acho sinceramente que consegues o primeiro lugar nesta luta pelo prémio de mais idiota.
      Suponho que seja a isso que estejas a concorrer, de outra maneira não se entende o porquê de tanta asneira e falta de cultura junta.
      Os meus parabéns, aguardo impacientemente pelo teu próximo comentário, algo me diz que te vais conseguir superar.

  5. Patati says:

    São já 139 as multinacionais que suspenderam a atividade na Rússia
    https: //expresso.pt/guerra-na-ucrania/2022-03-12-Roupas-comida-carros-eletronica-as-139-multinacionais-que-se-afastaram-da-Russia–ha-uma-empresa-portuguesa-entre-elas–c530ca0a

    Não participar no boicote traz sérios danos reputacionais às empresas. Não tarda a Asus está anunciar a suspensão das suas operações na Rússia.

  6. PorcoDoPunjab says:

    Até posso estar a escrever um disparate, o tempo o dirá.
    Observemos o seguinte, antes da invasão, qual o país onde o Putin foi para tratar de uns assuntos importantes?
    Sim, esse mesmo, foi à China.
    Algo me diz, mas lá está, posso estar errado, que a China está comprometida a fornecer à Rússia tudo o que for preciso.
    Tivesse o Xi dito ao Putin para não se meter nessa aventura que os Chineses não se queriam meter nisso e ele não teria ficado quieto.
    Mas pronto, isto sou eu a dizer aqui aos meus botões…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.