Quantcast
PplWare Mobile

ASUS confirma que também já deixou de vender produtos na Rússia

                                    
                                

Fonte: ASUS

Autor: Marisa Pinto


  1. Joao Ptt says:

    Tendo em conta que a Rússia foi expulsa do sistema SWIFT, parece uma decisão bem fácil da ASUS. Como é que recebiam o dinheiro pelos produtos? Ia alguém da Rússia com malas de dinheiro entregar à ASUS?

    De qualquer forma os Russos devem obter tudo na mesma, basta encomendarem através de uma empresa chinesa, já que a China mantém as relações com a Rússia intactas, e suponho que utilizem algum sistema à parte para as transferências bancárias. Sistema à parte esse que desconfio que se vai tornar a norma em dezenas de países que se identificam mais com a China/ Rússia e não querem estar totalmente dependentes de um sistema que os europeus/ EUA podem simplesmente decidir que a partir de amanhã deixam de conseguir fazer transacções financeiras.

  2. Profeta says:

    Esta tudo controlado ninguem entra no prejuizo. So as pessoas que algumas morrem e as empresas viram-se para onde esta o dinheiro. Guerra isto e guerra ? Isto e pura estrategia mundial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.