Quantcast
PplWare Mobile

AMD pode comprar a Xilinx por 54 mil milhões de dólares no Dia dos Namorados

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Ricardo Gomes says:

    E ninguém sabe o que FPGA é, nem sequer para que são usados 😉 tudo pensa que é uma especie de ARM mas que nunca ouviram falar… 😉 e também ninguém sabe que estes processadores são os responsáveis para que a industria aeronáutica, aeroespacial etc… funcione. Todos os satélites tem no minimo um 😉

    • Darkny says:

      a FPGA não é um processador. mas pode-se fazer um processador com base em FPGA 🙂 “Ninguém sabe..” facepalm

      • Ricardo Gomes says:

        Correcto… mas para um bom entendedor meia palavra basta… a xilinx o que faz com FPGA? 😉

        • Darkny says:

          A Xilinx fabrica-as. Depois pode fazer muitas coisas, usar no ramo automóvel, nas telecom, aeroespacial, agora ML… tudo. De notar que a FPGA não faz processamento em série, mas sim em paralelo, daí não poder ser comparada a um processador…

          • Ricardo Gomes says:

            Estas enganado, pesquisa TMR e vais encontrar… o ultimo Design que fiz em FPGA não vai assim ha tantos anos… alem do mais o forte da Xilinx é mesmo no Design, a produção é feita maioritariamente pela TSMC.

          • Darkny says:

            A Xilinx não faz designs para além dos demos. Vende as FPGAs e o software (Vivado, Vitis, etc. ) Se eles fizessem desenhos para tudo estavam tramados. Agora que disponibilizam ferramentas que facilitam o design, já com blocos feitos, é verdade.

          • Ricardo Gomes says:

            A evolução da Xilinx foi enorme nos últimos anos… hoje em dia, com a lei do mínimo esforço, é possível chegar a um design viável num curto espaço de tempo graças aos módulos/blocos existentes e a certas alterações e evoluções feitas no software de há uns anos pra cá entre outras como Automação de blocos etc. Com AEIS, QEmu entre outros podes emular todas as funcionalidades antes da produção final ficando somente a radiação como algo não emulável, mas até para esse caso existem soluções viáveis e tolerantes a RAD em várias repos, muitas até podes simplesmente importar em XML. Podia até falar da performance alcançável com Vivado e Ultrascale+, que com o mesmo código é 33% superior a por exemplo Stratix ou Altera da Intel. Isso tudo é Design, Design do Software, Design dos módulos ou blocos como lhe queiras chamar, Performance superior e real alcançada com mesmo código é design etc… Por mim até podemos comparar as Boards de avaliação. Comparando batatas com batatas são 33% mais baratas que Intel mesmo assim + performance, funcionalidade etc… isso é design… dai dizer que xilinx é forte no design, extremamente forte até, daí a AMD querer comprar para ganhar mais um mercado importante em comparação há intel e assim ganhar mais um segmento no market-share. Sobre os Designs completos, a Xilinx também o faz apesar de indiretamente e através da Patmos Engineering, Digilent entre muitas outras… onde a Xilinx detém uma percentagem relativamente alta de shares nestas empresas, no fundo uma estrategia para impedir que a intel se apoderasse do mercado mesmo tendo tecnologia inferior.

  2. Sapito says:

    Toca a comprar açoes da Xilinx…….

    • Keyboardcat says:

      Acho que já vais tarde. Eu ainda comprei algumas no ano passado quando estavam a 100USD.

      Fui um bocado estupido e só comprei 6, não estava à espera que duplicassem o valor no prazo de 1 ano.

  3. Pasiçocego says:

    O pormenor do “Dia dos Namorados” é magnífico… A AMD vai papar a Xilinx no Dia dos Namorados… Basicamente é isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.