Quantcast
PplWare Mobile

Carros Tesla desde 25 mil dólares graças ao custo da nova geração de baterias

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Blackbit says:

    Faz-me lembrar a promessa do M3 a 35000€ e depois foi o que se viu, parece uma história já vista…

  2. Online_fjo@hotmail.com says:

    É desta que vem o meu!!

  3. Dani Silva says:

    De cada vez que a concorrência parece estar a aproximar-se da Tesla, esta dá um salto gigante para a frente.

    Fantástico. Simplesmente fantástico…

  4. Abreu says:

    Será que vai dar para trocar no futuro as baterias por essas mais baratas?

    • IonFan says:

      Não é claro que se consigam todas as poupanças destas novas baterias num eventual retrofit. A altura das células é diferente e o pack é estrutural. Mesmo sem estes dois pontos, deve ser possível usar a alguns dos novos benefícios num retrofit. Eu diria que pelo menos uns 30 a 40% mais barato deve ser.

      Mas as baterias actuais já duram a vida do carro num uso normal. O mais provável é o carro e a bateria serem reciclados e não haver nenhum retrofit.

      • Abreu says:

        Os elétricos são o futuro e com as baterias a ficarem cada vez mais acessível, um dia ainda vou ter um Tesla.. por enquanto vou me contentado com um Zoe!

        • IonFan says:

          Tenho um test drive a um Zoe marcado. Parece um dos melhores, senão o melhor, da gama dele. Estou a pensar substituir o ICE cá de casa e ficar 100% EV.

          • Abreu says:

            Estou a espera de um ze50 versão base, branco por apenas 23k com bateria Inc, o gov da 5k e eles dão 5k pelo um carro com mais de 12 anos, mas tens de o ter a mais de 6 meses.

            Acho que e um bom negócio!

          • IonFan says:

            Brutal! Muito bom negócio.

          • ToFerreira says:

            Comparando com o preço de um Clio, será assim tão bom negócio? Quantos km é necessário fazer?

          • IonFan says:

            @ToFerreira, contas rápidas e só ao combustível ou electricidade:
            Zoe – 0.0192€/km
            Clio gasolina – 0.0783€/km
            Clio diesel – 0.05313€/km
            (Usei os valores médios do combustível simples à data de hoje e os consumos oficiais)

            Ou seja, só no combustível, compensa em 118.000kms em relação ào Clio a gasolina e em 44.000kms em relação ao diesel. A isto tem que so somar a manutenção quase inexistente e o não pagamento do IUC.

          • ToFerreira says:

            Não percebi essas contas.
            Qual o preço considerado para cada carro?

          • IonFan says:

            @ToFerreira, o preço considerado para o carro foi os 23k do negócio do Abreu, que o que está aqui em discussão e foi o que questionaste. Os preços do Clio são os da versão base que estão no site da Renault.
            Num exercício em prol da simplicidade, calculei o preço por km pelos preços médios do gasóleo e gasolina (site “maisgasolina”) e a electricidade a 0,12€ (comum em vazio no bi-horário), multiplicados pelos consumos oficiais.
            Como disse, deixei de fora a manutenção e o IUC. Mas os dois juntos devem dar uma poupança de cerca de 500€ (mas não sei bem os custos da manutenção da Renault nem o IUC que um Clio paga).

      • Lelo says:

        Sendo assim, nao sera de esperar pela produçao em Berlim e comprar mais barato e com mais qualidade ? A promessa de reduçao de preços ira afetar as vendas no curto/medio prazo ? Creio que algumas decisoes de compra podem fica adiadas ate haver mais certezas…

        • IonFan says:

          Há sempre o risco de perder vendas para mais tarde, mas a produção de Berlim está por mais uns 3 ou 4 meses. O único carro “anunciado” como tendo as novas baterias é o Model S Plaid, que custa 140.000$. Esses valores tiram vendas, no máximo, ao Model S performance. O Model 3 Performance custa metade. Não são os mesmos clientes 😉

          Mas senti claramente que não quiseram falar da aplicação em produtos existentes mesmo para não canibalizar as vendas a curto e médio prazo. No entanto acho que vamos ter novidade mais depressa do que se pensa.

          • Lelo says:

            O mercado parece que nao gostou…queda superior a 6%, com uma intervençao interessante na CNBC que começou as 16h PT

          • IonFan says:

            @Lelo, a maioria dos analistas não consegue perceber qual é o impacto disto. Como não há novidades que façam os resultados do próximo trimestre ser mais positivo, eles acham desapontante.

            Isto não é novo. A Tesla é historicamente mal analisada. Basta ver o que aconteceu este ano com as acções a subirem em flecha quando toda a gente começou a ver que afinal o plano da Tesla estava a acontecer. Para quem acompanha de perto isto era óbvio há anos. O analistas só perceberam quando bateram com o nariz na realidade.

            Como accionista a longo termo, não estou nada preocupado com estas descidas. Pelo contrário, até me dão hipótese de comprar mais acções com “desconto” 😀

  5. Abílio Portas says:

    O desde é muito relativo, mas já começa a ser um preço mais regular.

    • Blackbit says:

      Sim é verdade, mas o preço “real” será sempre maior (contando com as tx de importação e IVA).
      É um progresso no bom sentido (baixa de preço) e espero que a concorrência leve a um maior abaixamento desses preços.

  6. whatevs says:

    Parece uma excelente notícia… Para toda a gente fora de Portugal. Preparem-se para custar quase 2x mais cá. O mercado de carros novos/usados é ridículo.

    • IonFan says:

      Se comparares os preços dos veículos eléctricos lá fora, a diferença para os preços é residual. Os únicos impostos que pagam são os 10% de imposto de importação (UE) e o IVA. O que muda é o IVA diferente e algum eventual subsidio subtraído directamente no preço.

      Este carro de 25.000$, se for produzido na fábrica da Europa não para o imposto de importação e só leva com o IVA em cima deste preço.

      • Abreu says:

        Na madeira o governo ainda dá 5000 EUR para compra de qualquer carro eléctrico

        • IonFan says:

          Os carros eléctricos são especialmente vantajosos nas ilhas. Além da autonomia ser algo secundário, poupa-se muito na importação de combustíveis.

          • Abreu says:

            Olha que para fazeres 330km na ilha como muitas vezes faço com uma sprinter , e o dia todo a rodar!
            E como tem muitas subidas, tb tem muitas descidas, estou curioso como isso pode aumentar a autonomia sabendo que a descer ele carrega.

          • IonFan says:

            Tal como nos ICE, o declive tem impacto nos consumos. A vantagem nos EVs é que regeneram nas descidas. Além de fazer com que o impacto do relevo seja menos notório, poupa muito os travões. O meu carro já passou dos 40.000km e ainda nem se nota aquele sulco do desgaste quando se passa o dedo na extremidade dos discos.

            A vantagem do Zoe é que carrega a 22kW nos carregadores AC (o Model 3 só vai até 11kW). Basta a hora de almoço para por mais uns 150kms na bateria 😉

    • Realista says:

      Não é o mercado que é ridículo, os impostos sobre veículos é que são ridículos…

      Mas alguém tem de andar a pagar pelos estádios de futebol, nacionalizações da TAP, nacionalizações de bancos, e muitas outras coisas.

  7. TugAzeiteiro says:

    Portanto, com esta nova bateria com um custo de produção muito mais barato, com a construção da gigafactory Berlin para não se levar com os 10% de imposto de importação, isto é brincadeira para arrasar completamente com algumas construtoras ditas tradicionais!
    Agora com o potencial aumento de Teslas nas estradas, a marca terá que implantar mais supercharger’s para satisfazer a procura que se anuncia!

    • IonFan says:

      Exacto. Se compararmos o custo total de utilização, a maioria do ICE não tem hipótese. Temos que ir para carros a menos de 15k€ para ficarem mais baratos para o utilizador médio. E até esses têm os dias contados.

      • Abreu says:

        E e aí que acaba as benesses do estado.. toca tudo a pagar aquele imposto sobre veículo. Em vez de pagares 10k vai logo para 20k, tal como acontece com motores térmicoa…..

        Palavras santas!

        • IonFan says:

          Para os novos vai haver certamente imposto. Acho justo. Quanto a valores, acho que não precisam se ser tão elevados porque a economia ganha com o parar de uma saída brutal de riqueza para os países produtores de petróleo. Mas já não digo nada. Veremos.

  8. João says:

    Temos que começar a pensar em produzir mais electricidade de forma barata, consistente e abundante.

  9. Paulo says:

    Ontem vi toda a apresentação, mas fiquei com o feeling de pescadinha de rabo na boca. E fantastica a forma como eles demontram como vão otimizar o processo de fabrico de baterias e concerteza uma mais valia e custo de produção e consomidor. Tambem foi altamente eles ja estarem a pensar no reciclar das baterias, Mas e isto e um big mas para mim, a nivel de densidade de energia nada modou praticamente, para atingir a meta que ele pretendem e preciso revolucionar a mistura quimica das baterias, porque a realidade é que a nova celula tem 6x mais energia mas é 5.5x maior, por isso o ganho em densidade foi bom mas não revolucionario como a tesla pretende.

  10. says:

    Estamos à espera do Roadster

  11. wtvlol says:

    Mais uma promessa do Elon Musk.

    Onde estão os Cybertruck, ATV, Roadster, Semi, Model S Plaid? E agora promete mais um, 25k electric car.

    Daqui a 6 meses promete outro.
    Tem de completar a frase: S3XY CARS + “$25.000 electric car”. Resta saber quantas letras terá esta última palavra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.