Quantcast
PplWare Mobile

Será esta? Vacina de Oxford produz “resposta imune robusta”

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Arthur Gomes says:

    Aqui no Brasil estão sendo testadas duas vacinas que se mostraram promissoras e em fase 3 (final): a de Oxford e a da chinesa Sinovac. Só que o presidente da República, Jair Bolsonaro, informou recentemente que não irá comprar nenhuma vacina da China, sem mostrar razões técnicas para isso, apenas pelo fato de ser chinesa. Isso, na verdade, porque um governador e provável concorrente do Bolsonaro nas eleições de 2022 foi quem negociou os testes da Sinovac aqui no Brasil. A pandemia de Covid-19 aqui virou discussão política.

    • Carlos says:

      Lamento imenso. Brasil poderia ser uma potência mundial se não fosse essa palhaçada da elite política.

      • JP says:

        Carlos,
        “quando apontamos o dedo temos 3 a apontar para nós”.
        Nós no nosso pequeno país, que não é nenhuma grande potência mundial, temos os diferentes estratos corrompidos e não conseguimos resolver.
        Pense nisso.

    • Carlos Alberto says:

      Você também é mais um fazendo política porque comprar uma vacina que não existe comprovação científica que ela funciona, não existe nem comprovação de que ela exista.

      • VaGNaroK says:

        Exatamente, mas alguns imbecis acham ruim por o presidente ser cauteloso em comprar algo que ainda nem foi comprovado cientificamente e se é mesmo eficaz (e de um país onde se originou a doença), ai se compra o negócio com defeito e distribui para a população, vão botar a culpa no governo federal por ter comprado algo defeituoso, haja paciência viu!

    • Scheila says:

      Não é bem assim…a vacina chinesa não se mostrou segura em nenhum lugar do mundo. E nos revolta comprar vacina de onde saiu o virus!

    • Tissiana says:

      E isso me deixa tão triste… Quanto a esse presidente, nada que venha dele me surpreende mais… Um lixo humano

  2. Ricardo Santos says:

    Links para a fonte? Artigos cienfiticos caso existem, é possivel?

    Obrigado pelo partilha.

  3. ToFerreira says:

    Nao, obrigado.

  4. Rui says:

    A luz é ténue mas vai dando sinais, mas o túnel ainda é longo.

  5. Spoky says:

    Bloquear particulas de Linfócito T? Cujo é a celula do sistema imunitário que são responsáveis contra tipos de agentes desconhecidos? Não obrigado! Isso é aniquilar as celulas NKT

    Nop nop nop, dêem aos voluntários e aos que querem receber! Por mim estão a vontade.

  6. BlackFerdyPT says:

    Que uma pessoa que foi injectada com um vírus produza anticorpos contra o mesmo, não duvido…

    Agora, que uma pessoa que foi injectada com a versão modificada de um vírus esteja, desse modo, a produzir anticorpos também contra a versão original do mesmo, é que já duvido (https://www.sciencedaily.com/releases/2009/05/090519172045.htm).

    Venham os “estudos” dizer isto e aquilo… Toda a gente bem informada já sabe o quão corrompida se encontra a Ciência (ex: https://archives.infowars.com/big-pharma-researcher-admits-to-faking-dozens-of-research-studies-for-pfizer-merck-2/).

    *

    “Apareceu, num editorial creio que da ‘Lancet’, aqui há uns anos, alguém a dizer que 50 a 70% dos estudos médicos são fraudulentos.”
    — Dr. António Godinho, Médico de Família, aos 1h49m19s da conferência de imprensa de apresentação do grupo “Médicos pela Verdade – Portugal” (https://www.youtube.com/watch?v=hADX6NLe99M)

    “It is simply no longer possible to believe much of the clinical research that is published, or to rely on the judgment of trusted physicians or authoritative medical guidelines. I take no pleasure in this conclusion, which I reached slowly and reluctantly over my two decades as an editor of ‘The New England Journal of Medicine’.”
    — Marcia Angell, M.D. (https://en.wikipedia.org/wiki/Marcia_Angell)

  7. Cfpinto says:

    Será que os anti-Vax também não vão querer está (ou outra que funcione mesmo)?

  8. ZeDasCabras says:

    As vacinas deveriam chegar comparticipadas a 90% pelo governo chinês.

  9. Ricardo Oliveira says:

    Não devemos menosprezar a possível vacina da Sinovac.
    Aliás a China, num universo populacional de “apenas” 1.4 Mil milhões…teve ontem 16 casos (todos importados)…LoL

  10. Miguel says:

    Eu produzi uma resposta imune robusta sem qualuqer vacina. Aliás se não fosse fazer o teste nem sabia que já tinha sido infectado no passado.
    Sendo assim fica mais uma vacina disponivel para que necessita.

    Continuo com o meu esquema de vacinação, que consiste em apenas levar vacinas para doenças com alta taxa de mortalidade, que por norma são obrigatórias ou eram. Tetano, BCG, Hepatite B, etc…
    Gripes, por enquanto nunca levei nenhuma e nunca tive gripe. também já estou imune ao covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.