Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Não quer tomar a vacina? Empresas podem negar-lhe trabalho

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. R says:

    Não é um tema fácil porque a vacina não é só para o próprio; tem também um papel comunitário.
    Um exemplo: tomo todos os anos a vacina da gripe e não é por mim, mas pelas pessoas com que contacto (sou profissional de saúde). Caso seja disponibilizada para mim, serei vacinado.
    De uma forma geral, as vacinas devem ser tomadas e o programa de vacinação pediátrico deve ser obrigatório.

    • SANDOKAN 1513 says:

      Estou na mesmíssima situação que o senhor.Faço minhas todas as suas palavras.

    • Spoky says:

      Não não deve ser obrigatório, o corpo é teu. É eu que decido o que quero ou não nele, era o que mais faltava, qualquer dia vão exigir que se meta Nanochips, só porque sim! Isso não só é obrigação, é escravidão, estão a obrigar tecnicamente uma pessoa a injectar algo que não sabe a longo prazo os efeitos secundários.

      E já se fala em NanoChips e Nano tecnologia, não é impossível injectarem um chip em partículas bem pequenas nas Vacinas. Alias se isso acontecer, podem controlar a população.

      Ah e não me venhas com essa história, de que as Vacinas são rigorosamente testadas, porque estão a ser feitas em menos de 2 anos, os testes não são suficientes, alem de que o interesse dos laboratórios é vender, nunca é curar. E prevenir ou curar, tem um preço.

      Estão a tentar negar uma liberdade do ser humano, se quer ou não ser vacinado.

      • Jorge says:

        Eia como tu estás…

      • JJ2 says:

        Considero que estás errado e certo ao mesmo tempo.
        Estamos numa democracia, tens liberdade apenas até a tua interferir com a dos restantes cidadãos, aí tudo fica mais cinzento.

        Como tal concordo com o R quando diz – “De uma forma geral, as vacinas devem ser tomadas e o programa de vacinação pediátrico deve ser obrigatório.”
        Ou seja, se fores maior de idade sim podes escolher, abaixo dessas idades deve ser seguido o plano do estado que é feito por especialistas.

      • Elvis says:

        …”o corpo é teu…
        Olha lá não te estas a esquecer da premissa da liberdade ???
        ” A nossa liberdade termina no limite do inicio da liberdade dos outros! ”
        E outra coisa ” NanoChips e Nano tecnologia” PARA QUÊ ??? Que “governo” é que se deu ao trabalho e despesa de fazer NanoChips e Nano tecnologias para te controlar por onde andas e o que fazes ????
        Olha, este post que fizeste foi do teu telemóvel ao foi ? ENTÃO DEITA O FORA POIS ESTE TEM NanoChips e Nano tecnologiaS QUE JÁ TE CONTROLAM O DIA TODO !!!
        POSSA! Estes “teólogos” das conspirações nem se dão ao trabalho de usar a cabeça para pensar. !!!

        • Woot! says:

          O Spoky tem razão mas meteu os pés pelas mãos ao falar de chips. Esta não é a preocupação neste momento, a preocupação é estas vacinas estarem a ser apressadas e algumas usam tecnologias que reprogramam as células.

          Se vocês não se preocupam com isso deviam. Recuso-me a vacinar o meu filho e familiares. Se confias muito vacina-os tu. Isto não tem nada a ver com interferir com a liberdade dos outros.

          Lê isto por exemplo:
          https://www.independent.co.uk/voices/coronavirus-vaccine-covid-19-cure-doctor-moderna-novavax-oxford-a9523091.html

          “There are unique and unknown risks to messenger RNA vaccines, including the possibility that they generate strong type I interferon responses that could lead to inflammation and autoimmune conditions.”

          • Spoky says:

            Não foi só essa, todas as vacinas anteriores na maioria, causa doenças auto-imunes.. Não é ao acaso que se desenvolve ao longo do tempo uma doença auto-imune.

            Dar vacinas as crianças é perigoso.

          • SSD says:

            Spoky tal como dizes e bem há contudo muito informativo no YouTube mas asseguro te que o movimento anti Vax não é um desses casos

      • Rui Costa says:

        Queres ver que nao tens boletim de vacinas em dia?

      • darth says:

        ninguem é obrigado a te empregar

      • João Pereira says:

        O que te leva a crer que o teu corpo merecia sequer um nanochip ? Mania de serem seres humanos especiais que merecem ser controlados..

        O conceito de liberdade é puramente discutível, não vives com base em regras básicas para viveres numa civilização ? O que achas disso? És livre? Não sejas tolo mas é..

      • Franky says:

        O ideal era que todos pudéssemos pensar assim 4mas a população está indotrinada a obedecer cegamente por causa do medo incutido pela mídia e a OMS (ONU) leva a sua agenda com rigor eles não vão esperar mais 30 ou 50 anos para por de pé a sua nova ordem mundial . PERGUNTO o que é que as pessoas não entendem o que significa RESET somos demais seres humanos para chipar e controlar à que reduzir o numero começaram pelos mais idosos agora Estados Unidos, Brasil, China, India interessante que a Russia parece estar a orientar se claro a ONU não risca lá nada.

    • Renato Lordes says:

      Existem milhares de vírus da gripe e apenas uma vacina para um só tipo. Como profissional de saúde deverias saber o quão inócuo é seu argumento de “papel comunitário”.
      Se queres que algo seja obrigatório sugiro que mudes para a China, Coréia do Norte, Russia, Cuba…

  2. leme says:

    “Como empresário, posso decidir com quem assino um contrato.”
    Digam isso às minorias atuais. Double standarts, mas quem esteve vigilante sempre soube que era só esperar.

  3. Joao Ptt says:

    Quando se tiver a certeza que é eficaz e segura na população, parece-me bem que se incentive, talvez oferecer, mas obrigatório algo que mata tão pouca gente mesmo entre as pessoas infectadas parece-me exagerado.

    Compreendo o pânico com as notícias a falar do assunto dia e noite como se fosse o vírus que virá dentro de alguns anos e que esse sim irá matar em larga escala. Tendo em conta a resposta a este “teste”, direi que o sucesso do vírus a sério em termos de quantidade de gente que é infectada e morre mesmo está garantido… tendo em conta a utilização desta fantochada de máscaras anti-vírus a fingir que não se ajustam à cara como deve de ser para proteger a sério.

    • Peace says:

      Mata pouca gente? Talvez lá devesses estar tu, o mundo ficava mais rico.
      Não existe pânico, o problema é real e tem de ser encarado ao nível da comunidade, não é nada que se combata pessoa a pessoa.
      A ideia é proteger a maior parte da população. Se achas que mata pouco imagina como seria se não houvessem medidas. Lembraste da 1ª vaga em Espanha e em Itália em que os médicos tinham de escolher quem tentavam salvar e quem deixavam morrer?
      E pior do que aqueles que mata são aqueles que têm que lidar com as mazelas que a infeção lhes deixou que ficarão para a vida. As doenças raras que se começaram a manifestar após a infeção, entre outras maleitas.
      Para quem se acha muito informado estás muito mal informado. E não penses que só acontece ao velhos que já têm outros problemas.
      Tens falado muito, criticado muito, mas propores soluções e alternativas está quieto…
      Larga mas é o youtube e as teorias da conspiração.

      • Joao Ptt says:

        É porque não tem estado atento, fui dos primeiros a sugerir máscaras de protecção adequadas, até mesmo reutilizáveis/ amigas do ambiente, mesmo quando andavam a divulgar oficialmente a mentira de que as máscaras eram perigosas. Claramente muitas das máscaras actuais não são adequadas porque a maioria não veda perfeitamente a entrada de ar de tal forma que todo ele tenha de passar pelo filtro… e estes pormenores interessam, é a diferença entre infectar-se ou não se infectar de todo. Logo essa acusação de que não proponho soluções práticas e praticáveis é falso.

        Existe uma diferença de visão sobre a vida, eu considero a vida como o todo, e provavelmente o Peace considera a vida pela parte, a parte terrena.
        Um vírus que mata tão poucos dos infectados é um vírus que parece dirigido a determinadas pessoas para as fazer partir para o além, ou para as fazer reconsiderar as suas opções de vida, talvez até para as castigar em certos casos. Para si Peace é provavelmente apenas uma catástrofe inaceitável e injusta e que nunca deveria ter existido.

        Como alguém que gosta de olhar para o todo, e não meter as palas que só fazem ver aquele um problema, ou ir na onda das notícias, ou de simplesmente aceitar o que é dito sem pensar por mim mesmo, considero errado e até altamente criminoso quaisquer outras medidas que vão além do uso obrigatório de máscaras de protecção adequadas. Os fins não justificam os meios, é a minha opinião. Sei que como não é o discurso político dominante no momento, que é algo pouco aceite por quem está habituado a fazer o que lhe mandam sem pensar primeiro se aquilo faz sentido e se será realmente correcto… se o fazer sentido muita gente possa acreditar que si, o ser realmente correcto já é outra questão já que isso deriva do conhecimento espiritual e correcto uso da intuição… algo que poucos conseguem ainda infelizmente.

        Olhe à sua volta, a natureza não pára, mesmo quando ocorrem grandes catástrofes, apenas se adapta e segue caminho, os seres humanos continuam a não querer aprender e por isso têm de sofrer desnecessariamente.

        • Woot! says:

          Deve ser a primeira vez que concordo contigo. Realmente sem falares do divino as tuas conversas tornam-se 10x melhores e mais crediveis.

          • SSD says:

            Aka quando so falas dos pontos em que eu concordo a discussão fica 10x. Aka pq é que é impossível ter discussões (online) Hoje em dia

          • Woot! says:

            @SSD, não, muitas vezes concordo com o que ele diz mas fa-lo de uma maneira que tem de envolver Deus a bíblia e os apóstolos. Obviamente que assim não posso concordar.

    • É o burro sou eu says:

      +1
      A vacina ainda nem e segura e agora vão fazer obrigatório?
      Ok…eu rejeito, fico sem trabalho agora e quando milhões morrerem da vacina logo terei trabalho de novo…

      Este mundo…

      Eu também trabalho num hospital em- UCLH em Londres. Quase não se tem ninguém aqui com Covid. E quando alguém tem agora quarentena e de 5 dias em vez de 14 dias….tipo a sério? XD

    • Ola says:

      Fala com um profissional de saúde que esteja dentro do assunto(não estou a falar daqueles que não têm contacto com doentes covid). Sem medidas os hospitais não iriam aguentar a carga o que levava a uma taxa de mortalidade muito superior. Mesmo que quisessem criar mais espaços de tratamento covid, não iria haver profissionais suficientes. Parem de encher as pessoas se desinformação. Essas opiniões (que não passam disso) pode matar indirectamente pessoas. Juízo!!

      • ITzanas says:

        Concordo com tudo o que disseste. Obrigado. Pode ser que abram os olhos de uma vez por todas.

      • Joao Ptt says:

        Mas essa visão tem um problemazinho, é focada nesse um problema específico… a população é de mais de 10 milhões de pessoas só em Portugal, você quer manter o sequestro de mais de 10 milhões pessoas só porque o estado não tem feito o papel que lhe cabia em ter um sistema nacional de saúde preparado para catástrofes (e isto não é uma catástrofe, se “amanhã” ocorrer um terramoto superior a 7.0 e for seguido de tsunami é que vai ver o que é uma catástrofe), e depois quer que a maioria dos portugueses fique em situação extremamente vulnerável financeiramente só porque se eventualmente precisarem de ir ao serviço nacional de saúde e tiverem de ir para os cuidados intensivos (minoria, muito minoria mesmo!) poderão não ter vaga.

        Pessoalmente preferia fazer parte dos que morrem por falta de assistência a ser um dos que aprovava medidas de restrição a liberdade de movimentação de quem nada fez de errado, e que pode perfeitamente proteger-se com máscaras adequadas. A diferença é de filosofia… para si a vida tem de ser preservada a qualquer custo, para mim não vale tudo, existem limites para mim, ainda mais neste caso em que a solução é simples, e que mesmo quando falha as consequências na esmagadora maioria dos casos é algo que passa rapidamente e os poucos casos realmente graves hoje em dia tratam-se fácil e rapidamente na maioria dos casos apenas controlando os sintomas, com coisas como aspirinas, tomarem várias vitaminas em quantidades elevadas, entre outras coisas que lá os médicos é que sabem adequado aos sintomas específicos e que aparentemente já encurtam as estadias para uns 5 dias em alguns casos.

        • Robin says:

          Amigo
          O estado empurra o que trabalho que compete fazer com a barriga e chuta o problema para o povo.
          Sempre os nossos inúteis políticos fizeram isso seguidos por um povo que não quer saber e esta habituado a acreditar em tudo o que lhes vendem como verdade.
          Temos um povo escravo da banca porque procurar os seus direitos dá trabalho, competia ao estado e justiça cumprir a Constituição , mas nunca a cumpriram , passam a mensagem de que o estado (governo) é o dono e o povo obedece ,é precisamente o contrário, os políticos são empregados do povo e estão nesse lugar para o servirem mas o que sucedeu e sucede é uma subversão da lei e o governo que devia ter criado leis por exemplo para uma habitação de acordo com os ordenados passou a batata para o povo e para os bancos criaram assim um povo manso capturado pelas dividas não pode reclamar e tudo resto é uma consequência dos esquemas políticos que temos, favores, etc.
          enquanto o povo acreditar nesta gente , não vai a lado algum.
          Falta um Trump em Portugal, um homem que não faça parta da mafia do regime preso a interesses e amigos.

    • Elvis says:

      …” lgo que mata tão pouca gente mesmo entre as pessoas infectadas parece-me exagerado.”
      A serio ???? És mesmo monstruoso! mais de 1 milhão de mortes no planeta só de covid em 8 meses e achas pouco ?
      Havias de passar uma semana nas UCI´s pra veres se mata pouco !

      • Asdrúbal says:

        E ainda digo mais, “mais de 1 milhão de mortes no planeta só de covid em 8 meses” e MESMO COM as medidas extremas que tem sido tomadas.

        Lembrem-se que sem essas medidas extremas (que muito acham exageradas) a coisas poderia ser bem pior…

        Alem de monstruoso é mau a matemática…

        • Woot! says:

          Epá…acho que quem é mau a matemática és tu, vejamos:

          Anualmente morrem cerca de 17 milhões de pessoas com doenças cardiovasculares
          Anualmente morrem cerca de 10 milhões de pessoas com cancro
          Anualmente morrem cerca de 1.4 milhões de pessoas com pneumonia
          Anualmente morrem cerca de 600 mil pessoas de gripe normal (influenza)

          Este ano morreram 1.4 milhões de pessoas supostamente diagnosticadas com COVID-19.

          O número de pessoas que morreram u de gripe este ano diminui.
          O número de pessoas que morreram de pneumonia diminuiu.
          O número de pessoas que morreram de doenças cardiovasculares diminuiu.
          O número de pessoas que morreram com cancro diminuiu.

          Achas que vale a pena fazer contas?

          E nem vamos falar que 90% das medidas são para inglês ver e não são eficazes. As únicas medidas que poderiam ser eficazes eram mascaras (decentes) que isolassem todas as partículas, não acontece. Há pessoas que nem máscara usam porque algumas empresas portuguesas tinham que vender viseiras…que obviamente são muito eficazes pois isolam todas as particulas. Nem vou falar daquelas viseiras de boca ridiculas…nem sei como alguém sequer permite entrarem em espaços públicos com aquilo…

  4. Hidelberto says:

    Era so o que faltava! Eu sou vacinado se assim entender, ninguem me despede por isso! Se não com 20 anos de casa tenho uma choruda indeminizacao a receber!

    • As regras mudaram, fica atento a isso e não contes com essa tal “choruda indeminizacao” só porque sim.

      • José says:

        Sem justa causa tem direito a indemnização por lei, e não sera uma vacina que vai mudar a constituição legal do trabalho. Pare de desinformar as pessoas e instalar o medo.

      • onurb82 says:

        Concordo. E para que não existam chicos espertos à espera da indemnização, aquele chico esperto que só penso no seu real cagueiro, os governos depressa mudam uma virgula nos códigos necessários para que a tua vontade te deixe bem afastado da comunidade para que não a desgraces…

    • sujeito says:

      Deves viver no século 19, só pode.
      Não acordes para a realidade que não é preciso…

    • Asdrúbal says:

      O “problema” aqui é que das duas uma, ou o Hidelberto está a mentir e não tem os tais 20 anos de casa, ou se tem 20 anos de casa então pertence (ou está muito perto) do grupo de risco.

      (E se tem mais de 20 anos de casa e menos de 50 anos de idade, está explicado)

      Não não te ponhas fino não…

  5. FPereira says:

    A vontade de fazer dinheiro é imensa, e a primeira coisa que se faz é começar produzir uma narrativa! Primeiro, é inconstitucional! Segundo, ninguém poderá ser obrigado ao quer quer seja, muito menos a uma vacina que ninguém sabe se produz efeitos e quais os seus efeitos secundários! E terceiro, as empresas por acaso exigem algum teste de covid para as pessoas irem trabalhar?! Por favor, não alimentem fantasmas, e narrativas de quem quer ganhar muito com a organização de rebanhos! Protejam-se e façam uma vida o mais normal possível, sem sobressaltos e muita saúde a todos!

    • sujeito says:

      Tanta estupidez em meia dúzia de palavras. A vacina é gratuita em todos os Estados membros da Europa (excepto Portugal).
      Agora vai lá ter mais um curso de formação no YouTube que ainda acabas ppr perceber que a Terra é plana.

      • Flavio says:

        Maluco desde quando é que a vacina será gratuita? Que vacina tu tomaste que foi gratuita? Podes dizer é que tu diretamente nao pagaste, mas nao quer dizer que nao seja paga, se te oferecem algo, nao podes dizer que foi gratis, podes simplesmente dizer que nao pagaste, e neste caso nem isso podes dizer, porque indiretamente vais pagar, será pago com o dinheiro dos impostos, de qualquer país Europeu que estejas a falar amigo

        • Spoky says:

          O Gajo não é só maluco, como não usa o cerebro para pensar. Desde quando ter um Canal no Youtube sendo tu médico seja a profissão que for, invalida os teus argumentos?

          Se esta no Youtube é inválido, é um argumento totalmente ridiculo. Que ele usa, não só banal como nem tem noção das coisas.

          Meu caro Sujeito, vai la ver o canal do Conhecimento é Poder, ele mostra-te a realidade (DURA) e as vezes custa a acreditar eu sei, mas ele MOSTRA ARTIGOS CIENTÍFICOS. (Para aqueles que assim o exigem)

          E mesmo sendo outro canal qualquer, não é por estar no Youtube que é inválido, temos o caso da CMTV que publica noticias escandalosas e todos nos com um MÍNIMO de cultura básica, sabe que a CMTV utiliza títulos exagerados, promove por vezes violência gráfica, mortos e por ai fora.

          Isso já não inválida se fores a CMTV? Então Jose Socrates, Paulo Portas não são corruptos porque estiveram nos canais da Televisão… Pelo teu ponto de vista e argumentativo!

          Fazes-me rir, a sério. Com esse argumento do Youtube é para gente sem noção como tu.

  6. Sardinha Enlatada says:

    E depois ainda falam que sao teorias da conspiracao. Com esta historia toda estou a ler muitas vezes a palavra OBRIGATORIO, tudo a pretexto de um virus que mata pouco, infecta muitos (segundo dizem na comunicacao social) mas que tambem muitas pessoas acabam curadas. Tanto medo por tao pouco.

    • Pirata das cabernas says:

      ,mas será que não percebem? Se não for. Obrigatória vai demorar mais a ser controlada… Quanto mais tarde pior para a economia mais perde.. Sem economia quero vos ver depois a cantar assim… Que não querem vacinas e querem indemnizações por despedimento…. Metam na cabeça que há um problema bem maior por traz da vacina….

      • Spoky says:

        Pirata das Cabernas, a maioria em Portugal vai tomar a Vacina mesmo não sendo obrigatória, vais a Cafés, Bares e isso quando começam a falar de Vacinas, já dizem “que venha ela, não aguento”

        Por tanto, esse argumento é ridiculo. A maioria das pessoas irá tomar por vontade própria. E quando digo a maioria digo, senão praticamente 95% das pessoas! Os restantes vão se salvaguardar apenas isso.

        Se tiveres Vacinado, qual é o problema dos outros não se Vacinarem? Acreditas tanto numa Vacina, que duvidas tanto da sua eficácia uiii algo de errado se passa.

        • Neia says:

          Venho só discordar trabalhei sempre num pão quente, e nem ocupei os servicos hospitalares, não deixei de privar com a família e amigos, nem as minhas filhas deixaram de estar e de abraçar os avós e a bisavó. Nenhum de nós quer a vacina!

    • sujeito says:

      Junta-te aos especialistas formados no YouTube, que ao que parece o meio neurônio que ainda tens já não dá para mais.

      • FPereira says:

        No YouTube deves andar tu para falar com tamanha falta de educação! É por gente como tu que as ditaduras podem acontecer a qualquer momento. Basta uma narrativa encapotada que comeis logo tudo. Mas uma vez que gosta de ser informado, consulte os danos da vacinação de gripe a na Suécia, os efeitos adversos que surgiram sem possibilidade de cura!

  7. SANDOKAN 1513 says:

    Não só quero como irei tomar a vacina assim que se proporcionar.Ainda há pouco tomei a da gripe e esta também a tomarei,se Deus quiser.

    • GM says:

      A da gripe também queria tomar. Se a houvesse. Mas ao que parece a vacinação em massa, proposta pela Srª Ministra da Saúde, não passou de boas intenções. Como tanta coisa neste Governo e no anterior (que por acaso até é o mesmo salvo alguns peões).

      • Antonio says:

        Já eu coloco a minha ao serviço que quem mais necessitar.
        A da gripe nunca levei simplesmente porque nunca tive gripe em quase 40 anos.

        Mas a minha médica também diz que a vacina da gripe é para quem dela necessita, não deveria ser para todos pois é um vírus sazonal e de perigo quase nulo para pessoas saudáveis.

  8. Serodio says:

    Não será esta uma forma de discriminação? Não contratar alguém porque é mulher, porque é negro, porque é muçulmano, porque é bonito(a), porque não está vacinado?
    Assim como é desaconselhada a inclusão de uma fotografia no CV por motivos de não descriminação, a inclusão do boletim de vacinas, será uma mais valia? Conta para curriculum?

    Este dado ao ser realmente utilizado (podem simplesmente omitir que foi esse o facto da não selecção) sendo solicitado o boletim de vacinas como factor eliminatório parece-me nitidamente discriminatório, não sendo a vacina obrigatória.

    • Asdrúbal says:

      Não necessariamente…

      Existe uma “coisa” chamada “Medicina do Trabalho” onde as empresas são obrigadas a providenciar acompanhamento de saúde aos seus funcionários (na empresa onde trabalho fazemos uma consulta obrigatória todos os anos, para efeitos do seguro de saúde, mas também porque a empresa está legalmente obrigada a isso)

      Outro pormenor interessante é que, quando fui contratado (já lá vão uns anitos, mas continua até hoje), a empresa exige a apresentação do boletim de vacinas para assinar o contrato de trabalho, e estamos a falar de uma empresa de tecnologia, não na área da saúde…

      Eu gosto de trabalhar numa empresa onde sinto que há uma preocupação e cuidado com a minha saúde. Seria horrível alguém de um qualquer grupo de risco trabalhar diariamente com um energúmeno que se recusa a vacinar e com isso causar-lhe problemas

      Portanto, não me surpreende nada

      • Woot! says:

        Mas se tu és vacinado tens medo de quê? Achas que um energúmeno que se recusa a vacinar te vai infetar com COVID? Mas afinal queres a vacina para quê? Estás ai com um bocado de falta de lógica.

        Eu pessoalmente não quero ser vacinado (com estas vacinas do COVID) e se tu não compreendes o porquê e passas logo ao ataque nem sequer mereces o meu latim.

  9. sujeito says:

    100 de acordo. Basta de gente idiota com a mania que são mais inteligentes que os outros. Na minha área de trabalho, e segundo as indicações que têm sido divulgadas, sem vacina o acesso a certos locais de entretenimento será vedado.
    A estupidez tem limites!

    • Spoky says:

      É menos dinheiro, suponhamos que tens um Café e fazes isso. Eu simplesmente digo “Ok, vou ali a concorrência que é melhor, e aproveito faço publicidade do que me disseste boca-a-boca, exponho isso em praça pública”

      E sabes o que vai acontecer? Vais perder clientes, e não são poucos. Hoje em dia a exposição é uma arma poderosa, se eu quiser te arruinar o negócio facilmente eu faço-o.

      Se tiveres por exemplo um caso de Racismo contra brancos no teu café (exemplo) se eu denunciar e demonstrar isso, vais perder clientes e ganhas inimigos e não são poucos! Seja la qual for a tua area de trabalho e ainda te ajeitas a levar uma massagem de boas-vindas do Hell Angels, Skin Heads

      E sabes qual é o resultado final? Touché.

      • Asdrúbal says:

        Esquece a questão do Racismo que é simplesmente ridicula.

        Se tu fores a um café onde eu esteja e “fizeres publicidade boca-a-boca, exponho isso em praça pública”, eu sou um dos que mudo de café! na hora…

        Deixo-te a ti e à tua ignorância, no alto dos teus direitos, e vou para onde me sinto seguro, muito obrigado pela dica.

  10. F Gomes says:

    Apenas pergunto uma coisa: Se se chegar à OBRIGATORIEDADE de ser vacinado contra o COVID-19, caso contrário, os empresários podem NEGAR a admissão na empresa de que são donos, será que esses empresários também serão OBRIGADOS à vacinação ou dispensados dela por serem empresários e possuírem a faca e o queijo na mão? E quem os vai controlar se estão ou não vacinados? Será que os empresários que não pretendem ser vacinados, terão de encerrar as suas empresas por esse facto? É apenas um paralelismo entre empresário-trabalhador-empresário e não o tomar ou não esta vacina.

  11. Miguel says:

    Claro que não vai ser obrigatória, em Portugal ainda existe uma coisa chamada tribunais, não assustem as pessoas.
    Ninguém é obrigado a dar o seu historial médico aos patrões existem leis que nos protegem de tal violação de privacidade, mas existe uma corrente que quer tornar isso assim por isso não tenham medo e não se valem!

    • Gondzilla says:

      Há outras informações pessoais que és obrigado a fornecer aos empregadores, como por exemplo o teu Registo Criminal, sob pena do contrato de trabalho ser inválido.
      No que respeita às vacinas, existe uma coisa que se chama Medicina no Trabalho, que é obrigatória por lei em todas as empresas, e que, mesmo o empregador não sabendo as tuas patologias ou as vacinas que tens ou não em dia, recebe um relatório do médico após a consulta que diz unicamente se estás apto ou não para o exercício das tuas funções. Basta não teres as vacinas em dia (seja a do Tétano ou provavelmente a da Covid no futuro) e o relatório dirá que não estás apto para o trabalho. As consequências depois podem variar conforme a situação e a vontade do empregador.

      • sujeito says:

        Esta malta acha-se muito inteligente, mas duvido muito que tenham um QI superior ao de uma barra de sabão.

      • Margarida says:

        Medicina no trabalho……..obrigatoria por lei…..maior palhaçada. 2x vacina do tetano nao em dia…….e passou..nao apresentar boletim de vacinas….nao importa nada..fazem consulta na mesma…vc fala o que quiser e tudo bem…

  12. Carlos says:

    Nas escolas pedem o boletim de vacinas dos alunos. Alguns privados rejeitam alunos que não tenham vacinas em dia. Porque ha-de o mundo profissional ser diferente?
    Quem não está de acordo com as regras, procure por um local onde as regras vão de acordo aos seus ideais.

  13. Pastilhas says:

    Se eu fosse empresário, sim pediria o/ou cópia do boletim de vacinas, ou outro documento que venha a ser comprovativo da sua toma. Alguém no seu perfeito juízo entende que vá uma pessoa contaminada com vírus, salmonela ou outro patogénico sucessível de prejudicar, ou eventualmente levar a morte outro ser ?
    Se for preciso vão reclamar e pintar o diabo porque encontraram um “pintelho” não sei onde, mas o ser portador / contaminante do vírus já não importa.
    Não este Vacinado procure noutro lado…. Quer Reclamar esta a vontade e motivo da seleção até passa a ser falta irresponsabilidade e possível causador de mau ambiente no local de trabalho.

    • Spoky says:

      Oh amigo tu acreditas tanto na Vacina… Se tiveres Vacinado do COVID-19, e tens dúvidas da eficácia. Então é que não acreditas!

    • Elvis says:

      Mas estas a esquecer-te da vertente mais importante pra empresa. Não toma vacina pode causar surtos dentro da empresa. Empresa pára, empresa não produz dono de empresa sem ganho, empregados na rua …

  14. Sardinha Enlatada says:

    Numero de obitos ate ao momento 4427. Ai meu Deus estou cheio de medo. Quanta ignorancia pura e descabida, e o mais triste e que voces conseguem elaborar os argumentos mais descabidos. Agora facam um exercicio mental em relacao a outras mortes bora ? Nahh isso nao interessa nada, o que interessa agora e apenas e tao somento o Covid. Igual os politicos que discutem tudo menos a corrupcao. Muito gostam as pessoas de monopolizar as conversas. Abram os olhos carneirada.

    • ITzanas says:

      Epa, tu de facto precisas de exercitar mais essa cabecinha, esta-te a faltar muita coisa.
      Espero que não sejas infetado com este vírus, espero mesmo, acho que ninguém merece, no entanto se fores e tiveres complicações respiratórias derivado a este vírus espero que te lembres do que tens escrito por aqui e te faças forte e não vás ao hospital, assim é menos uma cama ocupada para quem não menospreza esta porcaria e luta pela vida porque pessoas como tu não percebem a gravidade do vírus e andam por aí a propagar como se fosse uma gripezinha. Isto estende-se tambem à tua família.

      • GM says:

        No limite, poderá ser enlatado, para fazer jus ao nome. Esperemos que não, pois não se deseja esse limite a ninguém ,mas é sempre uma possibilidade. A propósito, para os que desvalorizam o bicharoco e as consequências, mesmo para os que recuperam, vejam o programa “60 minutos”, na SIC. Só vi um excerto, onde uma Personal Trainer que foi infectada, actualmente nem um saco de compras consegue carregar.

        • Sardinha Enlatada says:

          Mas voces so conseguem repetir os mesmos argumentos de sempre ? Entao facamos o seguinte, voces ficam com a vossa verdade e eu com a minha verdade, e com o tempo vamos ver como as coisas se vao desenvolvendo. Para ja vejo com alguma frequencia a palavra OBRIGATORIO, quando supostamente isto e apenas um virus e para se curar deveria se ir para o hospital e nao ficar em casa, mas a palavra obrigatorio ja la esta. Atras deste virus vem mais qualquer coisa, so nao ve quem nao quer ver, mas ok vamos dar tempo ao tempo. Depois eu venho ca atirar-vos com um bolo de chantily na cara. Por nao terem aprendido a tabuada direito.

    • Pastilhas says:

      OH! Sr. sabichão, sabe-me dizer que outra doença tenha causado tantas mortes em 8 meses? Que outra doença, entupiu os Hospitais de forma que tenha havido 526 pessoas nos cuidados intensivos e tenha saturado o sistema? Que outra doença tenha matados tanta pessoa idosa em tão pouco tempo ?
      É Tudo muito lindo quando não nos bate a porta ou faz com que se perca pessoas queridas…a conversa depois já é mais tipo… Corruptos deviam ter feito muito mais….

    • Santos says:

      Exacto ouçam todos o sábio Atum em Lata, o homem que só sabe repetir o número de mortos e acusar os outros de não ter argumentos, o homem que usou o número de mortos em Portugal para dizer que isto não é uma pandemia, que ainda ontem se riu quando alguém sugeriu que o virus se espalha por contato, que diz que só discute com virulogistas mas que passou os últimos meses a discordar das recomendações dos mesmos. Sigam o especialista e rapidinho livra mos nos disto (ou ficámos piores mas como é que alguém que fala fora da carneirada pode estar errado?)

  15. David Guerreiro says:

    Nem tão cedo isso se vai colocar, pois não vai haver vacinas à la carte para todos tão cedo. Diria que na melhor das hipóteses, em 2022 a população fora dos grupos de risco, consegue ter acesso à vacina.

    • Joao Ptt says:

      E é necessário que se verifique ser realmente eficaz na população vacinada entretanto, e que os efeitos secundários a existirem serem realmente toleráveis… algo que só se vai saber quando a malta começar a ser vacinada no mundo real em larga escala e não apenas em estudos limitados.

  16. Antonio says:

    Vacina no meu corpinho só para doenças com taxa de mortalidade acima dos 10%. Covids, gripes e constipações passo bem sem elas. Esta vacina deveria ser para quem mais necessita, não para gente saudável.
    Nunca tive gripe, já tive covid, mas daquele que tive de acreditar que tinha. Bom, sempre deu para fazer umas coisitas lá por casa.

  17. Robin says:

    Vivemos em ditadura ?
    Se calhar,
    Declaração Universal do direitos do homem
    Artigo 3.º
    Todo o indivíduo tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.
    Ou o estado passou a decidir o que acha que é bom ou mau ?
    Eu sou livre de escolher ,por isso existe liberdade
    se estão preocupados porque alguém não quer tomar é porque então não acreditam na vacina !
    Não faço tensões de a tomar se o governo ou empresas quiserem descriminar pessoas e persegui~las porque são livres então estamos a abrir caminho para a escravatura será que os Portugueses querem isso depois de serem escravos e manipulados pelo medo ,passam a viver também escravos obrigados a tomar o que outros dizem que é bom, tb vos podem dizer que não tendes capacidade para educar os filhos porque um dia podem dizer que a maneira como os educam não é a melhor ….. e por ai vai, cuidado com as portas que aceitais.

    • PTO says:

      Ditadura? Estado?
      Se já foi dito pelo Estado Português que a vacina não é obrigatória, qual é a lógica desse teu devaneio? Encher chouriços na secção de comentários?

      • Robin says:

        A lógica do desvaneio é porque o Covid tem o condão de mostrar o caracter e personalidade dos povos e pessoas isso sim , vejo homens que de homens só têm os tomates são gajas borradas de medo, aterrorizados só de ouvir falar em covid , consumem noticias de manhã a noite e até da sombra já ficam borrados e mulheres que dão lições a a muitos homens mulheres de garra e sem medo que se estão completamente a cag… para as noticias e para o medo, e quando se fala no obrigatório temos muita gente já vencida pelo terror que se for preciso dizem sim a tudo.
        gente que depois disto vão passar a vida cagados de medo de tudo , alguns já borrados quando apanharem psicólogos tb iguais porque já os temos nunca mais se levantam.

  18. Jlucas says:

    O COVID tornou-se um excelente negocio factura-se antes, factura-se durante e factura-se depois quais são os efeitos colaterais ? uma incógnita mas de certeza que os laboratórios estão lá para vender qualquer coisinha.

  19. PTO says:

    As empresas já podem não contratar alguém por mil e uma razões sem sentido.

    Aliás na esmagadora maioria das vezes, quem não é contratado nunca sabe a razão de não ter sido, recebe apenas o paleio de circunstância do costume e pronto.

  20. informado says:

    os políticos estão aflitos porque podem perder eleições por causa da má gestão da Covid toca a vacinar depressa muitos milhões de pessoas. Veja-se o caso do Trump que perdeu por causa da Covid-19 . OS políticos andam todos nervosos pq viram que o Trump perdeu por causa da Covid-19

    • Sardinha Enlatada says:

      Achas que vai ser um virus que vai mudar a cor partidaria das pessoas ? Bem podes esperar sentado. O PPC tambem andou a fazer bosta da grossa e nas eleicoes teve votos bastante favoraveis por isso nao esperes uma mudanca de consciencia daqui por muitas geracoes. Se bem que ja precisavamos dela mas esta longe de acontecer. A maioria das pessoas ve os politicos na televisao e ainda nao conseguem fazer uma leitura da sua personalidade. O unico que me cativou foi o Dr Paulo de Morais, o resto e trampa da mesma. Por isso com ou sem virus os politicos nao querem saber, ja conhecem bem a psicologia das pessoas. Nada ira mudar, a meu ver, mas se houver mudanca seria preciso um autentico milagre.

  21. odiariodeumet.wordpress.com says:

    Na boa, mas as empresas também terão que assinar um termo de responsabilidade em relação à segurança e eficácia da vacina para um vírus que não existe, porque se o empregador obriga o empregado a se vacinar (acto ilegal) então o empregador vai ter que assumir a responsabilidade em relação a esse acto obrigatório imposto ao empregado contratado, o empregador a partir do momento que obriga um empregado contratado a ser vacinado, estamos perante um acto de obrigação e não de livre consentimento, o empregador vai ter por isso de assumir a responsabilidade em relação ao acto para o qual obriga os seus empregados a ter, vai ter de assumir a responsabilidade em relação à segurança e eficácia da vacina que obriga o seus empregados contratados a tomar. Isto é Direito!

    Além disso obrigar um empregado a se vacinar é ilegal porque estamos perante uma matéria de saúde pessoal, de integridade física de cada pessoa e até de direito à objecção de consciência e não de questões meramente profissionais! Mais ainda, obrigar uma pessoa a ser vacinada para ser contratada ou obrigar os empregados de uma empresa a serem vacinados para continuarem a trabalhar é completamente ilegal porque um contrato de trabalho é a base jurídica entre empregador e empregado em relação ao trabalho e função contratada para o qual o empregado é contratado, e não sobre questões de saúde pessoal, o contrato de trabalho é entre o empregador e o empregado em relação à função que cada empregado vai desempenhar e não em relação à saúde pessoal de cada um! Isso é ilegal, eu sei que eles querem inserir a medicina e os seguros de saúde nos contratos de trabalho para ser mais fácil o despedimento e as contratações a termo, sempre foi esse o sonho do patronato, mas isso é completamente ilegal, e tem de ser combatido de todas as formas!

    Além disso, obrigar os empregados de uma empresa a serem vacinados é um esquema fraudulento e criminoso de negócio entre as farmacêuticas, as seguradoras, medicina no trabalho e os governos para escoar stock e vender as vacinas às empresas para obrigar os trabalhadores a serem vacinados com o financiamento e o dinheiro do Estado, de todos nós!

    Os contratos de trabalho não podem conter cláusulas coercivas nem podem ser discriminatórios em relação à saúde pessoal e integridade física de cada um! O empregador pode recusar contratar uma determinada pessoa por esta se recusar a ser vacinada para um vírus que não existe? Pode, assim como pode não contratar ninguém ou contratar apenas toxicodependentes, isso é uma decisão que cabe a cada empregador decidir, o empregador é livre para contratar quem lhe apetecer assim como o empregado é livre para decidir não ser vacinado e não ser prejudicado no trabalho por isso porque uma coisa é a saúde pessoal de cada um e outra coisa totalmente diferente é a função que cada um desempenha no trabalho para o qual é contratado! Uma pessoa não é contratada nem pode ser contratada para ser obrigada a ser vacinada! Isto é Direito e ainda estamos num Estado de Direito!

    O empregador não pode incluir uma cláusula no contrato de trabalho que obrigue o empregado contratado a ser vacinado! Isso é completamente ilegal porque isso é entrar no campo de matéria pessoal e violar a saúde e integridade física de cada um! E além disso é um acto de má fé com segundas intenções fraudulentas e criminosas!

  22. Cristiano says:

    Não quero tomar uma vacina com um mecanismo de acção novo quando não foi testada por um único ano quando as outras demoram inúmeros anos para ver efeito a longo prazo. Deveria ser dada a opção de autoinfeção ou teste de anticorpos.

  23. Pedro Monteiro says:

    É assustador ao ponto que tudo isto chegou.
    Não desvalorizando as mortes que aconteceram, temos de ter em atenção diversos pontos.
    A grande maioria das mortes, ocorreu em pessoas com idade superior a 80 anos, muitas delas a viver em lares, que sofreram como ninguém com este isolamento social, ficando ainda mais fragilizadas imunologicamente.
    Estas pessoas, iriam eventualmente falecer em 1 ano ou 2 anos, sendo que a esperança media de vida anda em torno desse numero.
    Os números de testes positivos são enganadores, visto que o numero de falsos positivos é absurdamente alto.
    ALGUNS hospitais encheram e tiveram dificuldades em tratar os doentes acima de tudo por falta de recursos humanos, Algumas tendas sanitárias como as do Palácio de Cristal no Porto nem chegaram a ser usadas.
    As medidas tomadas agravaram ainda mais o estado de saúde dos portugueses, deixámos de apanhar tanto sol, deixamos de fazer exercicio, deixámos de conviver, de sair à rua, todas as atividades necessárias para manter um sistema imunologico forte e capaz de lidar com o vírus.
    Esta vacina está rodeada de controvérsia, os media não divulgam nada para não assustarem a população.
    Utilizem outros navegadores como o qwant.com e o duck.com e pesquisem sobre covid (preferencialmente em ingles). O Youtube e o Google estão a censurar todas as vozes que questionem a narrativa atual, mesmo opiniões de pessoas reputadíssimas, cientistas, médicos, responsáveis de saude etc. Dá, no mínimo, que pensar.

  24. Micas says:

    ja agora … a constituiçao portuguesa foi modificada?

    este pessoal !!! é so artistas

  25. Jamaral says:

    Conhecido negacionista norueguês morre infectado com covid-19.

    Fonte: https://tvi24.iol.pt/internacional/hans-kristian-gaarder/negacionista-proeminente-morre-infetado-com-covid-19

    Este morreu por ser BURRO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.