Quantcast
PplWare Mobile

Jovem descobriu 25 novos asteroides e um deles pode estar na direção da Terra

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Abreu says:

    A NASA anda a dromir?

    • Vítor M. says:

      Bom, tem meios como ninguém, é um facto, mas longe de ter meios que consiga “olhar” para imensidão do nossos sistema solar. Já nem de fala na Via Láctea e muito menos para “o Universo”. Portanto, mais olhos, mais possibilidade de algo ser descoberto.

    • Dinis Domingos says:

      Os dados são públicos e qualquer um pode observar. Um pouco como o SETI. Assim consegue-se tratar muitos mais dados. Ela teve “sorte” (muitas horas a queimar pestana a olhar para fotografias com diferenças mínimas) de olhar para um sítio que nunca ninguém tinha olhado, com resolução suficiente para se ver o movimento dos asteroides. Possivelmente o asteroide até pode estar num quadrante conhecido mas pode ter sido a primeira vez com resolução suficiente…

    • NsFdA says:

      Eu diria antes a ESA anda a dormir,qual a razão o estado Português não dar mais para a ESA ?

    • Nuno V says:

      Não percebo, é que o telescópio em questão nem sequer é operado pela NASA.

  2. SANDOKAN 1513 says:

    Incrível !! Uma jovem de 25 anos,estudante de Medicina,e descobre 25 novos asteróides no seu tempo livre !! No seu tempo livre,vejam bem !! Outros há que são licenciados e outros com décadas de estudo neste campo que é a Astronomia e não pescam uma.É vergonhoso.Enfim…

    • Vítor M. says:

      Não é vergonhoso. Vamos lá ver, com tanta imagem disponível, estamos a falar em muitas imagens que têm de ser meticulosamente inspecionadas. Ela “teve sorte”, apostou num conjunto de imagens que efetivamente tinham 25 rochas por identificar, dos muitos milhões de milhões de asteroides que existem “perdidos” e escondidos à espera de serem descobertos.

    • rjSampaio says:

      Mão de obra.
      Voluntários ajudam muito em promover a jeito a destes.
      Inclusive qualquer pessoa para de fazer o mesmo com o seu próprio telescópio ou apenas câmera fotográfica, eu já o fiz (nunca identifiquei um novo infelizmente, mas actualizei dados de uns quantos) com ajuda do software astrometrica.

    • Echo says:

      Não há noticia nenhuma que este SANDOKAN não opine e que não critique tudo e todos, é impressionante. Se largasse um bocado a internet e fosse apanhar um pouco de sol não lhe fazia mal nenhum…

    • Nuno V says:

      Tendo em conta que a quase totalidade de corpos celestes são detectados por profissionais, eu cá digo que não sabes o que dizes.

    • Toni da Adega says:

      Ainda bem que sabes tudo o que há para saber na tua área de trabalho, inclusive como irá ser essa área no futuro. Mas infelizmente nem todos possuem essa sorte e por isso perdem tempo a investigar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.