Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Tem mais de 40 anos? Pode ter de levar vacina de reforço

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Paulo Andrade says:

    Pode ter que levar?!??!! Vai ter que levar.

    Ainda ninguém reparou que a faixa etaria que querem vacinar é sempre a que está pior?, daqui a umas semanas vai ser as dos 30, depois as dos 20, depois as dos adolescentes, crianças… depois mais uma moeda e mais uma volta….

    As vacinas foram compradas, há acordos de fornecimento até 2023, logo têm que ser aplicadas a todo o custo.

    • Samuel MGor says:

      Sei de um homem com 37 que já levou a vacina de reforço.

    • ervilhoid says:

      realmente.. podem??? gozar co

    • Hugo says:

      Na maioria dos países ocidentais, é a partir dos 5 anos de idade. É perfeitamente compreensível, tendo em conta as centenas de milhares de crianças nos cuidados intensivos. Quando houver suficientemente de vacinas, é a primeira coisa que se deve fazer a um recém-nascido!

    • Infinity says:

      Vai ter que levar? Facismo a esta hora do dia?

    • xyr says:

      Ainda ninguém reparou que não há um estudo sério e rigoroso do ponto de vista cientifico sobre o que se passa em Portugal ? De vez enquanto aparecem-nos uns ignorantes a dizerem : nós temos aqui X internados e bla bla bla bla …Um estudo cientifico e rigoroso faz-se escolhendo uns milhares de pessoas , divididos por idades , estado vacinal e depois analisando de y em y semanas o que acontece a estas pessoas ….nunca escolhendo pessoas internadas , de forma a viciarem os dados . A mediocridade das pessoas que falam nas TVs é notória , e depois atiram-nos sempre com a tanga de que estão do lado da ciência , como se eles soubessem o que é pensamento cientifico .

  2. João says:

    “Maiores de 40 anos representam 93,4% dos internados”, desses quantos têm mais de 70 anos?

  3. B@rão Vermelho says:

    Qualquer dia parte-se o braço pelo picotado 🙂
    Assim que for confirmada esta noticia vou levar a 3ª dose, estive em contacto com um colega de trabalho de acusou positivo na 4ª da semana passada, já fiz dois teste PCR e deu negativo.
    Que estranho mundo que vivemos hoje, agora “festejamos” os testes negativos, longe vão os tempos que era mais uns dias de castigo 🙂

    • Paulo Andrade says:

      Espetacular! “Qualquer dia parte-se o braço pelo picotado”… ahaahahaa

    • ervilhoid says:

      festejas por teres estado com colega que acusou positivo e o teu teste dar negativo??? por teres vacinas?? sabes que podias não ter nenhuma e ter acusado negativo na mesma
      que lavagem cerebral tens tu

      que estranho mundo vivemos mesmo

    • ervilhoid says:

      acusar positivo já sabes que podes acusar, tanto é o medo que tens e com tanta dose..

      sabes que com ou sem vacina podes ter positivo e nem se passar nada como pode ser grave, quer tenhas esse braço picotado ou não…

  4. Str says:

    Bem que vos avisei eheheheh

  5. Miguel says:

    Qual o tempo mínimo de espera para quem já tem completa para se poder tomar esta de reforço?

  6. Miguel says:

    Qual o tempo entre elas?

  7. Jonny says:

    Eu não levo mais nenhuma vacina até ao início do Verão que é quando vou viajar. Se levo a terceira vão querer a quarta quinta e sexta

    • Koala says:

      Concordo, para mim o mesmo. Só quando tiver planos é que vou tomar. Lá em casa também xarope só mesmo quando a criançada se porta bem, quem faz birra não prova o doce nectár anti-tosse. Outra coisa que costumo fazer é sempre pedir à vizinha os meus benurons…poupo muito dinheiro e ela ganha bem mais que eu. Em resumo quem não tem agenda vá para a fila da vacina, eu só para lá vou com coisas programadas.

  8. Álvaro Campos says:

    Venha ela!
    Está mais que provado que é benéfica caso haja infeção
    (já vou buscar as pipocas!)

  9. wtvlol says:

    Vacinas a toda a hora dass.

  10. Hugo says:

    Que estupidez! Obviamente que a maioria têm mais que 40 anos. Têm quase todos 70 ou 80 anos!

  11. Joaquim Sobreiro says:

    Tenho memória. Não me esqueci da encenação da gripe A. O ensaio que falhou.

  12. CRP says:

    A economia é que precisa de reforço não é esta palermia. O que é que o “ppl” já contribuiu para melhorar a economia?

  13. jack says:

    Já tenho mais de 80, já cá cantam 5 doses vou levar a sexta e já posso vender o certificado a quem der mais.

  14. HB76 says:

    São esses depois de terem sido vacinados. Antes não eram. Não é curioso?

  15. Eu sei lá says:

    Assim como assim, a COVID dá forte e feio é nos não vacinados … não se querem vacinar, não se vacinem. Obrigá-los para quê? Aprendam à sua custa.

    • Eu sei lá says:

      Ó car**ho, por esta não esperava. Pessoal a infetar-se de propósito, para obter certificado de recuperação, para não ter de se vacinar!
      Há uns anti-vacinas piores que outros!
      https://www.jn.pt/mundo/redes-sociais-promovem-infecoes-intencionais-para-obter-certificado-na-suica-14438192.html

      • CRP says:

        Ora aqui esta um Povo inteligente, não são cobardes, enfrentam o touro pelo frente, coisa que os Tugas não têm, tintins no sitio.

        • Eu sei lá says:

          Cretinos há em todo o lado. Dá-se o caso de transmitir, voluntariamente, uma doença infecciosa ser crime.
          Os ca%$#ões vão levar o vírus para casa, fiados em que no pessoal jovem geralmente a doença não é grave e ainda matam os pais ou os avós, deles ou de outros a quem transmitam o vírus,

      • (˵ ͡° ͜ʖ ͡°) says:

        Já que estamos numa de noticias, e para os cientistas cá do sitio que gostam tanto da ciência, defensores da vacinação covid das crianças, cof…,cof…, liquido imunizante experimental, deixo aqui um artigo para melhorarem os vossos argumentos.

        http s://theworldnews.net/pt-news/covid-19-o-motivo-pelo-qual-as-criancas-nao-ficam-gravemente-doentes

        Feliz Natal para Todos

    • ervilhoid says:

      quando isto deixar de ser assunto vão ver como fomos enganados, mas no teu caso é normal, tens orgasmos a ver notícias da treta.. já agora tens aqui outra

      https://sicnoticias.pt/especiais/coronavirus/2021-12-21-Mais-pessoas-mais-novas-e-com-a-vacinacao-completa-internadas-com-covid-19-ad7306cd

      curiosamente se pesquisares no google por palavras chave só encontras a noticia de há um mês em que diz exatamente o contrário

      • Eu sei lá says:

        Ainda não percebeste que, dada a proporção entre vacinados e não vacinados (excluindo crianças) se as vacinas não tivessem efeito,
        – por cada não vacinado (infetado, internado ou morto) havia 28 vacinados (infetados, internados ou mortos)?

        Eu ajudo a fazer as contas:
        – Há cerca de 10 milhões de residentes em Portugal
        – Antes do começo da vacinação de crianças, 85% estavam vacinados: 8,5 milhões
        – 12% são crianças: 1,2 milhões
        – anti-vacinas e outros não vacinados 3%: 0,3 milhões
        – o que dá 8,5 milhões / 0,3 milhões = 28 vacinados por cada não vacinada.

        Ou seja, qualquer proporção menor que 28/1 mostra a eficácia das vacinas. Em mortos está atualmente em 4/1.
        São falácias os números apresentados pelos anti-vacinas que procuram iludir como se o número de vacinados fosse igual ao dos não vacinados.

        • Eu sei lá says:

          Correção, em mortos a proporção está em 1 (vacinado) por 4 (não vacinados) o que demonstra a extraordinária eficácia das vacinas, em evitar as mortes e formas graves da doença.

          • xyr says:

            Não demonstra nada ….porque o que está em questão para quem recusa a vacina sabendo o que faz , é para que raio serve a vacina para uma pessoa saudável , que ainda por cima recuperou da infeção ? Sabendo que segundo o que li dum estudo Israelita a proteção adquirida por recuperação da infeção é superior à dada pela vacina …Além do mais , a vacina está provado não impede a infeção , nem contribui para a imunidade de grupo ….a omicron ultrapassa facilmente a proteção dada pela vacina , quando um dia surgir uma variante que além de ultrapassar a proteção da vacina for bastante letal , vai ser fácil de perceber que estas vacinas não servem para nada ….Para que diabo se vacinam pessoas que não precisam delas para nada ? E são uns largos milhões …para além disso , estas vacinas não são seguras , há uma investigadora a trabalhar nisso agora , e um dia ela vai conseguir provar isso. Depois não há um único estudo bem feito que prove a proteção contra doença grave ….porque não se pode simplesmente ir contar os casos de hospitalizados ..isso é maremática de merceeiro…Há tantos ses …Se esta gente que gasta tempo a promover as vacinas , quisesse realmente ajudar as pessoas , podiam explicar-lhes realmente como saber quem precisa de tomar as vacinas , ou , e , dizer-lhes que combinação de antivirais tomar preventivamente , para não ficarem doentes …Quem está a fazer esse serviço publico são estas pessoas : https://www.voiceforscienceandsolidarity.org/contributors admiro-lhes a coragem …Podiam estar simplesmente a ganharem milhares promovendo vacinas , são dos melhores especialistas do mundo , mas a consciência não os deixa mentir .

      • Eu sei lá says:

        Então notícia de hoje ( e sem esquecer que por cada não vacinado há 28 vacinados):

        https: //expresso.pt/sociedade/2021-12-24-Covid-19.-Algarve-registou-um-crescimento-abrupto-do-numero-de-mortes.-Explicacao-90-dos-internados-em-UCI-nao-estao-vacinados-e80219b2

        • ervilhoid says:

          Quando chamas cretinos por trazerem a doença para casa também estás a incluir os que estão vacinados? Porque também trazem a doença para casa.
          Cretinos..

          • Eu sei lá says:

            Há uma – grande – diferença: os vacinados fizeram tudo o que lhes foi possível para não transmitir a doença. Os anti-vacinas não fizeram.

            E, embora as vacinas tenham sido concebidas essencialmente para proteger das formas graves de doença e da morte, também diminuem a carga viral e reduzem o período de transmissão do vírus.
            (Sim, conheço o artigo – que não tinha sido revisto pelos pares – que diz que a carga viral é igual nos vacinados e nos não vacinados. Os anti-vacinas gostam muito de o citar. Já foi mais que desmentido),

          • ervilhoid says:

            Não sei que estudos anda a ler o Fauci, talvez os do medo, mas até ele disse que a carga viral é exatamente igual

  16. Costa says:

    Em Portugal as pessoas podem escolher ficar longe de vacinas graças a Deus

  17. Helio says:

    No site do agendamento ainda continua os maiores de 55 (todos), e para os maiores de 40 que levaram a Jansen.
    Estou nos 40’s mas não sou elegivel

  18. Joaquim Sobreiro says:

    Porque razão num produto da indústria farmacêutica que não cumpriu todas as fases de testes se está a querer vacinar todos, mesmo misturando diferentes produtos. Deixando de haver grupo de controlo para se poder concluir quais os resultados entre grupos que foram sujeitos ao teste e que não foram. Será pela isenção de responsabilidade que lhes foi dada às farmacêuticas?

    • Eu sei lá says:

      Por que razão? Porque as vacinas diminuem drasticamente os casos de doença grave e de morte.
      E reduzem a carga viral e o tempo em que se transporta vírus transmissível.
      Tudo isto está comprovado.
      Quando, excluindo as crianças, por cada não vacinado (há 300 mil) há 28 vacinados (são 8,5 milhões) hoje, no Algarve, 90% dos internados – são não vacinados, o que mostra bem a eficácia das vacinas.
      Transmitir voluntariamente doença infecciosa é crime previsto no Código Penal.
      Os anti-vacinas que transmitem voluntariamente conceitos contra as vacinas, sem saber ao certo o que estão a dizer – deviam pôr a mão na consciência e pensar: “O que digo/escrevo pode levar à morte de alguém (incluindo eu próprio)?

  19. CRP says:

    OMS continua na luta, ou a palavra deles ja nao vale nada?

    https://tinyurl.com/c8knctwn

  20. Rafael says:

    kkkk. Ovelhada

    • Eu sei lá says:

      Se apanhares uma forma grave de COVID panda-te a vontade de rir. É garantido.

      • Eu sei lá says:

        …Passa-te

        • Sardinha Enlatada says:

          Estas sempre a usar esse argumento. Ja olhaste bem para os numeros ? Ficas a imaginar coisas que nao existem. E so rir com este pessoal que usa argumentos da treta. Nem sequer tens a certeza de nada se aqueles numeros estao correctos ou nao, mas os teus argumentos continuam os mesmos. Feliz natal a todos e sejam mais humildes e verdadeiros com as pessoas a vossa volta.

          • Eu sei lá says:

            Uma conta é fácil de fazer: sem contar com as crianças, por cada não vacinado há 28 vacinados.
            Se as vacinas não tiverem nenhum efeito por cada não vacinado ( infetado, internado ou morto) há 28 vacinados (infetados, internados ou mortos).
            Como não acontece nada disso, acontece o contrário – as vacinas são altamente eficientes.
            O resto é bréu-bréu dos anti-vacinas, que não sabem o que dizem. Não se vacinam arriscam-se às consequências. Escusavam era de tentar convencer os outros dos disparates em que acreditam.

          • ervilhoid says:

            Aconselho a verem o site da vigilância de mortalidade em portugal, tem mortes diárias ao longo dos anos e vejam este ano em relação ao ano passado se a diferença é assim tão grande..

      • Joaquim Sobreiro says:

        E porque qualquer evidência clínicas de tratamento é silenciada? Sim, há contratos de encomendas de vacinas que não se podem cancelar, conhecer componentes ou tornar de patente livre. Recordo a história do Tamiflu e das vacinas para a gripe A.

  21. Joaquim Sobreiro says:

    Mas que tempos estes em que é notícia a tentativa de suborno para não receber gratuitamente um produto.
    Já antes o mesmo foi notícia, para provar ser portador de um produto oferecido, que se diz para ser aceite de livre vontade.

    • Eu sei lá says:

      O sujeito de 70 anos que dava 200€ a um enfermeiro para lhe dar o atestado de vacinação – sem o vacinar?
      Mais surpreendente foi a notícia de alguns suíços que se infetam de propósito para tem o certificado de recuperação- sem se vacinar.
      O antes e o depois da Covid são tempos diferentes.

      • Sardinha Enlatada says:

        Que e que isso tem a ver com a pandemia em si ? Tem mais a ver com a vigarice de cada um que faz essas coisas, cada vez mais os vossos argumentos sao tao fraquinhos fraquinhos que ate da do, estar a defender essa linha de raciocinio.

  22. Carla Farinha says:

    Tenho 43 anos vou fazer 44 em Agosto/2022 já tive Covid em Janeiro de 2021 e levei a vacina da moderna, estou a tentar levar o reforço da vacina porque quero muito mas não estou a conseguir …
    O que devo fazer para conseguir levar o reforço ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.