Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Rússia diz que tem vacina 100% eficaz contra o SARS-COV2

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Vitor says:

    Não vou discutir nem sequer comentar a eficácia de cada vacina porque não tenho habilitações para isso…e vão aparecer aqui,como é habitual, muitos “especialistas” a comentar o que não conhecem! Mas uma coisa me chama a atenção…analisando o preço da tabela publicada no artigo o preço de um “tratamento completo” oscila entre 8,50 euros da Johnson e os 54/62 euros da Moderna! Ou os ingredientes das vacinas nos USA são MUITO mais caros…ou os vencimentos são MUITO mais altos…ou os acionistas das empresas Norte Americanas exigem uma rentabilidade MUITO maior do seu investimento! E isso não acontece apenas ao nível farmacêutico…olhem para a comparação qualidade/preço das marcas “Yanks” nos produtos tecnológicos em relação aos de empresas de outros Países!

  2. Miguel says:

    Testaram em 100 pessoas?

    • João says:

      Em Outubro disseram que iam testar em 40.000 pessoas

    • David Guerreiro says:

      Eles dizem muita coisa. E se calhar nem em 100 foram. O que os russos são bons a fazer são venenos para envenenar opositores, mas disso não temos falta neste momento. As metodologias na Rússia são completamente diferentes das dos países ocidentais.

  3. Abreuzão says:

    A seringa que eles usam é uma AK-47. 100% eficaz contra a covid-19

  4. Reis says:

    Para o valor dela não me importo de pagar. Eu quero uma a 100%, não quero palhaçadas.

    • David Guerreiro says:

      Eu posso dar-te uma ampola com água da torneira e dizer que tem 100% de eficácia, queres? É que as vacinas russas e chineses têm a mesma credibilidade.

    • Nightingale says:

      Sim, como se existisse alguma vacina que tivesse 100% de eficácia. No máximo a sua eficácia aproxima-se 100%, o que em si já é raríssimo. Se acredito neste valor anunciado? Não sei.

    • SSD says:

      Então só te digo boa sorte. Alguém que afirme que tem uma vacina com 100% de eficácia ou te está a mentir ou não está a contar a história toda. Nem as da gripe têm 100% e são desenvolvidas e testadas há bastante mais tempo.

  5. Pirata das cabernas says:

    eu qeuro esta

  6. PGomes says:

    Vodka, cura tudo na Rússia.

  7. Nuno Santos says:

    Eu tenho uma que é 120% eficaz, quem tiver morrido com o covid resuscita

  8. KodiakShadows says:

    Para os desconfiados da vacina Russa, desenganem-se que eles estão um passo à frente já estão a tratar de entregar a investigação conjunta com a Bayer e esta ficar com a produção para dar mais credito.

  9. jimmypt says:

    Российская вакцина очень хороша. Спасибо, товарищ Путин!

  10. gigbola says:

    A melhor de todas vai ser a da Johnson & Johnson. É uma questão de irem ler.

  11. José says:

    Além da total falta de credibilidade associada, a espionagem feita ais laboratórios norte-americanos, dão-lhes algumas certezas. É triste ver estes paises: Rússia e China andarem tão desesperados em “observar” tudo o que fazem os americanos para dias, semanas depois virem para a praça gabarem-se que têm produtos miraculosos quando todos sabemos ser demasiado perigoso confiar em algo vindo dali. Fazem-me lembrar os “doutores” burlões do faroeste tão bem retratados nas aventuras de Lucky Luke, por Morris e Goscinny.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.