PplWare Mobile

Cientistas criaram uma pepita de ouro de 18 quilates feita de plástico


Autor: Vítor M.


  1. xoninhas says:

    Primeiro os média, depois os governos com as leis anti-plástico e depois estas curiosidades…

  2. Rodrigo says:

    Notícia de amanhã: “Cientistas que criaram ouro a partir de plástico, desaparecem misteriosamente.”

  3. Abreu says:

    Vai ser morto não tarda muito

  4. Abreu says:

    Se começam a fazer plástico a partir do ouro, o que vai ser só sistema financeiro? Tá aí um bom 31!

  5. nelson mota says:

    se eu criar um relogio de plastico e o revestir de ouro e diamantes isso sera uma joia? não percebo o conceito de joia

  6. nelson mota says:

    pensei que para ser uma joia tinha de ter uma certa atitude

    • nelson mota says:

      eu fui a primeira pessoa a descobrir esta , plastico liga , quando tentava soldar um fio do telecomando a distancia , e aqueci, tanto o ferro de soldar que queimei , solda e plastico , criando a primeira liga de estanho e plastico

  7. R says:

    É cada disparate que por aqui se lê… Espero que saibam que uma “jóia de ouro” é uma liga metálica que contém ouro. https://www.newgreenfil.com/pages/composicao-do-ouro
    E leiam a notícia…

    • Vítor M. says:

      😀 Grande coisa que colocaste, vale quase nada sobre o assunto. Mas, para aproveitar qualquer coisinha, repara na composição do ouro de 18 quilates para ver como estás desalinhado. Depois vê a composição do outro de 18 quilates conseguido por este projeto. 😀

    • nelson mota says:

      finalmente a nonotecnologia começa a dar os primeiros paços, todo o mundo vivia reclamando , que isso era ficção cientifica , mas esta acontecendo finalmente , e isto gera emprego acho eu , nanotecnologia esta acontecendo no futuro do presente de hoje

  8. Thaís says:

    Se ouro iria perder sua dencidade como iria saber se é ouro pois na tabela periódica tem sua dencidade no cálculo matemático Naum iria bater com tabela periódica

  9. Samuel MG says:

    Que tal invés de fazerem estas invenções encontrarem a cura para o cancro e para outras doenças!!

    • Joao Magalhaes says:

      looool, também acho, jogadores de futebol também, em vez de jogarem futebol que encontrem a cura para a sida, ahhh, espera, não é a especialidade deles.

    • Ruy Acquaviva says:

      Você sabia que a invenção do transistor só foi possível devido a descobertas anteriores que só foram feitas devido pesquisas que não tinham utilidade prática na época em que foram feitas?
      Você é capaz de afirmar que esse material não poderá nunca ser usado em um aparelho para diagnóstico ou tratamento do cancro?
      A ciência não funciona dessa forma que você está imaginando.

  10. Flavio Santos says:

    Ouro nas joias tem outros metais, eles só substituiram os metais por plástico

  11. PLUSTECNOLOGIA says:

    Esse negócio de fazer ouro vai acontecer igual ao carro movido a água já criado e textado em sp os inluminates os chefões vão acabar com isso colocar uma mentira na mídia e a inteligência vai sumir como se a pessoa tirou férias tô falando sério não vão deixar pois vai derrubar a economia mundial se a população conseguir fazer não terá mais valor

  12. Flavio Santos says:

    Creio que tanto para se atingir a pressão supercrítica necessária quanto para se conseguir separar os polímeros plásticos exigidos são utilizados equipamentos, técnicas específicos e muito caros, além anos de estudo em química e física avançada que leva pra conseguir aprender e depois mais algum tempo para atingir o nível comercial de produção, tudo isso somado acredito que não há como haver um boom no mercado, o custo de produção é alto e o conhecimento de alto nível nao é acessível e muito menos fácil para todos.

  13. Josué Rebelo says:

    ……veremos se a leveza deste novo ” ouro ” se vai refletir também no preço ……!

  14. ysmaell says:

    Só por ser artificial nao será cobiçado , ouro de plástico nao tem valor !

  15. Pedro Coelho says:

    A quantidade de ouro utilizado não altera, é 75% do produto final. Daí se designar de 18 quilates. O que altera são os restantes 25% que antes era cobre e passou a ser plástico. Quem deve estar preocupado é a indústria do cobre.

  16. Ruy Acquaviva says:

    Apesar da matéria fazer referência a jóias mais leves, o que é compreensível para tornar o texto mais atraente para a maioria das pessoas, certamente não é esse o interesse que motivou essa pesquisa.
    O ouro é um metal com características únicas. É o metal mais maleável (dúctil) que existe e tem uma notável estabilidade química. Ele é usado em muitas aplicações industriais como por exemplo para fazer as finíssimas conexões entre os terminais de um chip de silício com os pinos de contato do encapsulamento.
    Um material novo como esse pode ter muitas aplicações práticas menos glamourosas que jóias leves, porém muito mais importantes do ponto de vista econômico.

    • Vítor M. says:

      Vamos aqui fazer um ponto de situação. Se leram o texto, explicito está a utilização deste “novo ouro” para componentes. Por isso fala em relógios mais leves, fala em material elétrico, etc. Assim, como é lógico, este novo ouro tem como finalidade tornar os componentes igualmente condutores, igualmente robustos, duráveis, mas mais leves (e sobretudo mais baratos).

      Tudo o resto que alguns escreveram é uma viagem mental que decidiram fazer. Nada corresponde ao assunto do texto.

  17. Valter says:

    É o q dá noticias com titulos estrondosos. Aposto que alguns foram logo a correr vender o ouro q têm em casa. Como já foi dito N vezes aquilo q é valioso é o ouro e esse continua lá, simplesmente substituiram o resto ou seja as ligas metálicas por plástico. As vossas joias em casa não são 100% ouro e o q lhes dá valor é o ouro q nesta técnica continua lá e na mesma quantidade logo valem quase a mesma coisa dependendo do preço do ouro no mercado claro. As vantagens é q como tem menos metal são mais leves, apenas isso. Não houve aqui qualquer process de alquemia em que o ferro é por exemplo transformado a 100% em ouro. Isso sim iria fazer disparar para baixo o preço do ouro. Mas isso ainda é ficção…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.