Quantcast
PplWare Mobile

Asteroide “potencialmente perigoso” passará pela Terra no dia 1 de abril

                                    
                                

Autor: Ana Sofia Neto


  1. Silva Lopes says:

    Utilizo a noticia desta pagina para referir um observação, referente á densidade (numero de asteroides que vão ou já passaram no intervalo de 7 dias). Ex: do dia 29 deste mês a 5 de Abril são contabilizados 22 asteroides nas proximidades da Terra.
    Qual as probabilidades de haver interação entre eles, como alterações de trajetória?
    A analise apenas se fixa num objeto. Na net alguma referencia a colisão de asteroides com mudança de trajetória. Como marcar a terra e os 22 objetos no Excel? Não vale o tempo perdido, é preferível procurar na net…

  2. Marta says:

    Outra vez a narrativa do asteroide que vai cair na terra… enfim…

    • Vítor M. says:

      E eles caem… ou achas que batem na cúpula de vidro?

      • Marta says:

        Acreditas no que quizeres…

        • Zorba says:

          Há 65 milhões de anos houve um dinossauro que disse para os outros: “Outra vez a narrativa do asteroide que vai cair na terra… enfim…”
          E depois lixaram-se, com Ph de farmácia.
          O dinaussauro que fez a afirmação, sabe-se hoje, que pertencia à espécie Broncossauros Rex.

          • eu2 says:

            Não se lixaram. Preocupar-se não ia resolver nada. Mais valia viverem a vida normalmente em todas as vezes que havia asteroides do que passarem o tempo preocupados.

          • AJ says:

            @zorba, homospeculari. Especulações e teorias há muitas. Sabem lá eles o que aconteceu há não sei quantos milhões ou milhares de anos atrás…

          • Marta says:

            @AJ, claro que sabem, só não sobreviveram porque não existia a NASA naquela altura, se não hoje eramos todos dinossauros. Aliás, após os dinossauros, a “evolução das espécies” preferiram não evoluir mais para dinossauros. Também ser eliminados por uma rocha vinda do espaço…

            Teorias e mais teorias…

    • Samuel MGor says:

      Devia era cair e atingir o Kremlin!! Existe um quase humano que lá trabalha.

  3. Hugo Nabais says:

    Algo que no ponto mais próximo estará a 7 milhões de kms, digam o que disserem, não é potencialmente perigoso!!

    • Álvaro Campos says:

      A não ser que o asteroide seja “afastado do seu caminho pela interação com outros objetos espaciais”
      Aí já poderá ser potencialmente perigos, ou não?
      A notícia vale pela curiosidade porque se um rocha daquelas chegar cá poucos ficaremos para contar a história à História.

  4. °0° says:

    Nesse dia é mentira.

  5. lumia says:

    Aposto o meu recibo de ordenado que é treta de 1.º de abril… vamos aguardar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.