Quantcast
PplWare Mobile

Ucrânia pede que a Apple pare de vender produtos e bloqueie a App Store na Rússia

                                    
                                

Fonte: Engadget

Autor: Marisa Pinto


  1. Pedro says:

    Isso não é verdade. Essas 2 marcas não suspenderam as operações na Russia , por enquanto.

  2. António says:

    A Apple SÓ está interessada nos dolares! Algum dúvida disso? Alguém duvida que os seus afamados produtos não passam disso, fama? É mais a fama que a qualidade real e a inovação em relação às outras marcas! Até o Safari está a ser ultrapassado pelo Edge! 🙂

  3. Secadegas says:

    Money talks… As supostas sanções não vão dar em nada. A Europa está dependente do petróleo e do gás Russo. A não ser que façam o que os EUA já tinham planeado anteriormente… Forçar a paragem do Nord Stream 2 e vender o gás e o petróleo á Europa, o que por si só é ridiculo, mas os tristes que nos governam vão embarcar nisso fazendo os preços subir em flecha.
    Ou acham mesmo que a Rússia precisa da Ucrânia para alguma coisa???

    • Ofabulastico says:

      Então o teu pensamento está muito correcto…lol então a Rússia não precisa da Ucrânia para nada e então… invadiu porque? Para passar o tempo?! Lol

      A Rússia invadiu a Ucrânia por orgulho, para não pagar taxas no gasoduto, porque a Ucrânia é rica em minério e cereais e porque estrategicamente, a Ucrânia fica perto da Europa central.

  4. sayWhat says:

    Qual quê?
    Se queremos o mal dos russos, então eles que comprem Apple xD

  5. Wu says:

    Poco muito melhor que iphone 13 e Samsung S22 ultra, és um poeta.

  6. Joao Ptt says:

    Vejamos, pedir a uma empresa que moldou-se às exigências da China, para conseguir vender lá… para ela deixar de vender na Rússia… só se o governo federal dos EUA assim o exigir.

    Tendo em conta a quantidade de informação obtida através do iPhone e outros dispositivos Apple, é duvidoso que vão parar de fornecer a Rússia… e o mesmo para smartphones com o Android equipado com coisas da Google.
    Se fosse a própria Rússia a banir dispositivos Apple, Microsoft e com Androids com serviços Google isso já não me admirava. Androids na Rússia continuariam a ser possíveis, mas “limpos” do spyware dos EUA. Resta saber como se livrariam do spyware integrados nos chips dos fabricantes.

  7. Tiago Ferreira says:

    O que a Apple deveria fazer era bloquear “caso ele tenha iPhone/iPad ou qualquer produto Apple” era bloquear a conta do Putin por tempo indeterminado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.