PplWare Mobile

Steve Wozniak, o cofundador da Apple, quer um iPhone dobrável e rápido!


Desenvolveu desde cedo o gosto pela escrita e comunicação. Em leis formado, tem como hobbies a aquariofilia e a música. Mas é na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e no Pplware a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.

Destaques PPLWARE

  1. Cortano says:

    Ele que espere sentado

  2. Miguel says:

    Esperemos que não se lembrem de fazer um iPhone dobrável. A meu ver, a invenção mais inútil de sempre na área tecnológica móvel.

    • Security says:

      Isto. De inovador tem pouco ou nada. Inventa-se por inventar, para dar aos utilizadores a necessidade de compra de algo que não precisam.

      • Luis Silva says:

        +1
        Ora ai está…..

        • Cortano says:

          Cambada de incapazes de ver além do que metem à frente!

          Jeez… Acordem que já é dia.

          • Luis Silva says:

            Primeiro, ofensas NÂO!!

            Segundo é verdade, cada vez sai mais coisas que não são assim tão utilizáveis como todos pensamos, muitas das vezes inventa-se coisas só para consumismo.

            Se calhar pessoas como tu é que têm de acordar a ver se este mundo de consumismo para um pouco e faz coisas mais simples e essenciais para todos.

          • Cortano says:

            @luis… Não percebes mesmo…. Deixa estar.

          • Hugo says:

            Luís, portanto tu achas que a verdadeira evolução assenta em haver uma pessoa/entidade que diz o que vale ou não a pena investir? É isso?
            “-Epah..nada de IA, nem hidrogénio..nem ecrãs flexíveis.”
            Tal como diz o Cortano… vocês não têm capacidade de perceber a importância de uma coisa potencialmente inútil.
            Algumas das grandes descobertas da humanidade deveram-se a erros, acidentes e gente “maluca”. Faz parte da evolução.

      • Belfodyl_da_Net says:

        Tira as palas e fala por ti em justiça à tua limitação. Lá sabes o que os outros querem. Tens é grande frustração da tua marca não o lançar ou não teres dinheiro para ele.

        • Miguel says:

          Não disse mentira nenhuma. Frustração? Frustrados são aqueles que fazem empréstimos para comprar aquilo que não vão dar utilidade só para dizerem “Ei, o meu telemóvel dobra e o teu não”.

      • Joao Magalhaes says:

        Claro que precisam, isto pode evitar de andares com um smartphone e um tablet ao mesmo tempo pois serve para os dois, se me falares do utilizador comum isso não precisa mas existe mercado para ele, principalmente se for para trabalhar.

    • Hugo says:

      O facto de não veres um boi à frente não significa que seja inútil.
      Toda a invenção é útil, nem que seja para não voltar a repetir.

    • X says:

      Sabes… à uns anos as pessoas perguntavam-se
      “Cameras no telemoveis pra quê?!”
      “Internet na no telemovel? Nunca vou usar”

      Vale lembrar que a tecnologia tá no inicio… e pra variar a apple andar sempre a reboque de inovações futuristas (Excepto claro o faceid)

      • BC says:

        “e pra variar a apple andar sempre a reboque de inovações futuristas”
        Claro… ainda me lembro das dezenas de smartphones touch que existiam antes da Apple ter criado o iPhone. Cópia clara de todos os outros smartphones que andavam no mercado.
        Cambada de copiões, é o que os gajos da Apple são!

  3. Fábio says:

    O iphone 6 já saiu à uns bons anos, foi o primeiro dobrável da industria

  4. antonio says:

    “Descobrindo que os consumidores estão dispostos a pagar, os novos smartphones dobráveis superam facilmente a fasquia dos dois mil euros. ” – link para o post onde se diz isso e que o preço do Samsung dobrável anda lá perto.

    Não acredito, mas isso ainda está para se ver.
    Agora, que Wosniak não disse o que está no título – quer um iPhone dobrável e rapidamente – isso é limpinho, limpinho, limpinho. É pura invenção.

    • Rui Bacelar says:

      Tomei uma pequena liberdade no título, sem fugir ao espírito das declarações.

    • BC says:

      Antonio, tens toda a razão. É a maneira perfeita de espalhar fake news, já que as pessoas lêem apenas os títulos. Até fiz um comentário ao Rui sobre esse problema, e foi apagado (ou não aceite, sei lá)
      Além de inventarem nos títulos sensacionalistas, ainda apagam comentários que os criticam construtivamente! Para quê evoluir e aceitar criticas, se podem apagar e continuar a agir como se tivessem toda a razão? Perfeito!
      O Pplware está a ir por um mau caminho.

  5. Renato Nismo says:

    um tlm de 300€ como poco f1 faz o mesmo que um tlm de 2300€.. só que não dobra.

    • Joao Magalhaes says:

      Eu sou dos maiores defensores do preço/qualidade e acho que para o utilizador comum qualquer telemovel de 150€ chega e sobra, este realmente chega e sobra mas por exemplo, eu não uso o lightroom no telemovel porque tem um ecra pequeno mas se o telemovel for telemovel e tablet isso já é diferente, vejo aqui mercado para ele, principalmente pessoas que precisam de um smartphone e tablet para trabalhar têm aqui uma solução 2 em 1

      • Renato Nismo says:

        tablet continua a ter a mesma interacção e tem tudo o que fazemos num tlm, só com a diferença do tamanho do ecrã.. e ainda softwares e sistemas limitados.
        melhor combo do mundo é tlm + pc que dá 1 milhão de produtividade, mais rápido, mais eficiente, maior conforto de uso

  6. Marco says:

    Afinal o “bend effect” era apenas uma amostra do que estava para vir! A apple foi pioneira em telemoveis que dobram!

  7. Nito says:

    isso é antigo…..

    O iphone 6 já era dobrável !!!! 🙂

  8. Djoje says:

    Isso …. devem meter o notch no mio da dobra LOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.