Quantcast
PplWare Mobile

Criador do Telegram volta a atacar a Apple! Queixa-se da aprovação das atualizações

                                    
                                

Fonte: Pavel Durov

Autor: Pedro Simões


  1. António says:

    Pois acho muito bem que as apps sejam alvo de uma avaliação cuidada a cada atualização.
    A Apple é conhecida pela importância que dá à segurança e privacidade, pelo que os utilizadores esperam que as apps da AppStore sejam seguras.

    O Telegram já teve uma boa dose de polémicas ao longo do tempo, e cada “novidade” que traz deve ser bem escrutinada para se entender o que realmente vai obter dos utilizadores.

    Quanto às comissões, já começa a ser chato este “mimimi” dos 30%. Todos os developers já sabem de antemão que estas taxas existem, e as apps mais pequenas são taxadas a 15%.
    A AppStore e PlayStore têm custos para a Apple e Google, e no caso da Apple já se percebeu que há este trabalho de segurança onde há salários a serem pagos.
    Se até os feirantes pagam taxas às câmaras para poderem vender nas feiras, por que carga de água as apps deviam poder estar nas lojas sem pagar nada por isso?

    • LG says:

      O problema é que Apps maliciosas são aprovadas para a Store pela Apple em “no-time”. Mas quando se tratam de Apps concorrentes dos produtos Apple – estes são – por coincidência, claro – atrasados na sua aprovação…

      • Castro says:

        tiraste essa informação de que parte do corpo?

        • Yamahia says:

          Está no texto do artigo e a acusação é do Sr. Durov!
          Se há app que aprovava de olhos fechados é o Telegram. Muitos poderes já tentaram de tudo e nunca chincaram nada. Isto a mim basta-me.
          Pelo contrário a Apple abre-se toda qd o FBI e outros que tais pedem para coscuvilhar o seu mensageiro!

    • Nuno says:

      a questão são os interesses, uma app ai da treta é logo aprovada mas quando ja interfere com outras apps da apple já é uma dor de cabeça para aprovar.

  2. riosj says:

    Não gosta da apple que se vire po android. Ninguem o obriga a usar ios. Que gente chata! Qualquer dia sao as pessoas que definem quanto querem pagar pela renda das casas, era so o que faltava

    • Nuno says:

      ora ai esta, estas apps saiam todas do ios para ver se a apple nao baixava as comissões até choravam para voltarem

      • CD says:

        A realidade é exatamente ao contrário. A Apple e a Google é que têm o mercado que as Apps necessitam para sobreviver, não o contrário. Daí, tanto a google como a apple continuarem a impor as regras que entendem, a cobrar o que entendem e as apps continuam a estar lá.
        Se as Apps saíssem do iOS, iriam ter uma queda vertiginosa de popularidade e dar margem para o crescimento de novas apps.
        É caso para dizer, seria pior a emenda que o soneto.

        • Nuno says:

          Se as apps saissem todas do ios iam ter uma queda de popularida entao e o ios ? no android ainda podes instalar por apk agr no ios ficavas sem apps quem é que perdia mais ?

          • riosj says:

            Oh Nuno o ios tem 90% do lucro dos devs de apps. Se largassem o ios desapareciam pois android so da prejuizo

          • Nuno says:

            amigo sou desenvolvedor e garanto te que não, até porque se o android só desse prejuizo ninguem desenvolvia para lá ahah, do ponto de vista do desenvolvedor as comiss~es no google play ate sao mais baixas no ios são muito mais altas portanto nem percebi o que estas para ai a dizer mas claramente não estás dentro do assunto, está é mesmo novo agr o android só dá prejuizo o pessoal deve ser burro só pode para desenvolver para la ahahahahahah

        • Yamahia says:

          Não senhor @CD. Aconteceria o mesmo à Apple que aconteceu ao Windows Mobile.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.