Quantcast
PplWare Mobile

AirTags da Apple ligados ao aumento do número de roubos de automóveis

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Imf says:

    Olhaa que ferramenta tao interessante, despois desta notícia fez me lembrar um leque de oportunidades inesploraveis.

    Por no carro da sogra para saber onde ela esta.
    No carro daquele segurança que me barrou a entrada.
    No do sr policia que me passou aquela multa.
    Na nova estagiária para ir atras dela tipo salker.
    No carro do namorado dela, para saber quando esta sozinha em casa.

    E claro nas chaves de casa para nao as perder

    • Tadeu says:

      o problema com isso é que ele está associado à tua conta, o que significa que caso houvesse uma queixa não seria difícil descobrirem quem é que colocou o Airtag.

      • Imf says:

        Deixa ca ver o que é necessário para criar uma conta nova…
        Email ( muito difícil de criar um falso )
        N telefone ( também muito difícil de arranjar um número descartável )

        Sim sem duvida muito difícil de criar uma conta falsa.

        Tendo em conta a “politica de privacidade da apple para facultar informação ”
        A protecção de dados ter bases solidas para fazer um pedido dos dados da conta.
        As nossas forças polícias..

        Sim sem dúvida é um processo facil de identificar o suspeita

        • Imf says:

          E não esquecer também que é preciso encontarem a tag.

          Estou a imaginar ligar para a polícia ou aparecer numa esquadra com uma air tag e pedir para identificar a quem a pertence!!!
          Haha gostava de ser mosca para ver a resposta.
          Hahaha

          • Tadeu says:

            Não és tu que pedes para identificar… É a polícia que faz investigação a partir do momento que existe uma queixa formal.

          • Imf says:

            Tadeu, mas qual é parte que nao percebes que um criminoso, quando esta a pensar cometer um crime vai ter cuidado??

            Tirando os casos do marido ou da esposa que acha que esta a ser traido/a e mete uma tag no carro do cônjuge, de cabeça quente para ver onde ele anda.
            O resto tem o caso estudado, nao??

            Ou achas que um pessoa mesmo tendo licença de porte de arma, e arma registada, vai para um assalto com a arma pessoal?
            Nao ne, compra uma só para o efeito e não a leva para casa!!
            Ninguém é assim tao estupido, sabendo que esta a incorrer num crime de usar o telefone pessoal para o efeito e muito menos de andar com os dados sempre ligados nem o GPS ligado, muito menoe na zona de residência do trabalho ou que frequenta regularmente.

            E muito dificilmente um juiz vai pedir identificação de uma pessoa só em base numa tag encontrada ( alias isso nem é prova suficiente para chegar a trinual)
            Talvez se ja tivesse ou exiata outra tipo de queixas de outro tipo de crimes, que possam ter correlação com a tag, talvez tipo amecas a integridade fisica, etc.

            Mas ai o metodo mais facil de agarrar o criminoso é quando ele vai tentar abordar a vitima

          • Tadeu says:

            Imf, se forem na tua cantilena, a pensar que basta um email falso, não, não vão ter cuidado!
            Não é o juiz? Se existe uma queixa de possível “stalking” ou assédio apresentada pelo ministério público, o juiz vai fazer o que manda a lei, que é iniciar uma investigação, se vai a julgamento ou não é o que será determinado depois de fazer a investigação, não antes, e a investigação irá analisar uma prova, que seria o AirTag, tal como se pede a identificação de números de telefone em registo nas operadoras em caso de assédio, etc.

        • Tiago says:

          Andas a ver muitos filmes. Para alem de teres trabalho todo a criar uma conta falsa ainda ha outro problema que e o apple tag e detectado pelo dono do carro que caso não seja dele notifica para a policia e tu nem sabes. Quando te forem bater a porta com a conta falsa e numero descartavel e bom que arranjes um bom advogado porque caso contrario a brincadeira de esperto acaba 30 anos na prisao. O canada não e a bandalheira que e em Portugal.

          • Manuel Costa says:

            O problema é que se fores notificar os 8788700000000000000000 alarmes antitracking que recebes por semana, não fazias mais nada.
            Há dados de Iphones a darem o alerta para um Itag que está 79 andares abaixo do telemóvel, bem para lá da suposta limitação, daí que quase ninguém se importa com os avisos.

          • Tadeu says:

            Manuel Costa, tanta invenção!

          • Imf says:

            Oh tadeu e Tiago voces vivem em que mundo???

            1° nem todos temos um iphone ( o meu caso)

            2° nao sei mas acho que para receber notificação é porque tens essa opção acionada, logo deves ter um airtag( poucoa donos de iphone poucos tem)

            Vamos supor que cumpres todos ps requesitos a cima (e que o gajo que te pos a tag é lerdo)

            3° qual investigação a policia vai fazer por teres encontrado uma tag no teu carro.
            ( entras na esquadra com uma tag na mao e dizes o que???
            Que acusação vais fazer?
            Colocaram me um dispositivo de rastreamento!! )

            4° supondo que a polícia acaba por preencher um auto, achas que com essas evidencias e falta de provas ( so uma tag), alguem juiz te vai passar um documento de pedido de identificação?

            5° ok a apple la da os dados da conta ( tudo falso, email falso, numero descartável ).

            6° que achas que a policia vai fazer???

            Vamos supor que o utilizador do iphone é atrasado e deixa o GPS ligado qundo va para casa e por acaso a apple da a localização GPS dele.

            7° o bacano mora num bloco de apartamentos de 6 andares, com um erro de precisão de 5m, nao sabem que vem do bloco 20 ou do 22.
            Cada bloco com 6 andares cada andar 4 apartamentos = 48 possiveis apartamentos.

            8° bem ja estamos perto…
            Como vamos agora co seguir 48 mandatos de busca com base numa tag… nao vai dar…

            9° ou o gajo é muito burro e leva o telefone descartável para fazer asneiras, para o trabalho e cruzam dados ou nunca na vida emcontram o gajo.

            10° finalmente encontram o suspeito, é levado para a esquadra, e levam a resposta ” encontei o telefone , nao é meu, ha quanto tempo o tenho, nao me recordo, meti na gaveta, estou a usar como despertador”

            11° achas que o processo tem provas solidas para ir a tribunal??? Pois não

            Mas no fundo duvido que passes do número 3°

            E se for uma pessoa como eu que nao tenho um iphne…

          • Tadeu says:

            Imf,
            existe uma aplicação da Apple para Android que permite dar esse aviso, e o sinal sonoro do AirTag não precisa de qualquer aplicação!
            A notificação está activa por defeito.
            Se fazes uma queixa há uma investigação! Não entendo qual é o teu complexo para não entender o procedimento… É assim tão complicado entender o trabalho das autoridades? Parece que estamos a falar duma coisa do outro mundo… O AirTag é uma prova pericial, como tal teria que ser investigada, só depois de ser investigada é que as autoridades poderiam rejeitar a queixa, não antes!

            Vê se entendes uma coisa, a identificação do iPhone na base de dados da Apple não é falsa e é única! Pouco te serve andares com números descartáveis se depois continuas a usar o mesmo iPhone com outras contas. Não é com GPS que se chega ao possível dono (tal não é possível de obter). O que é possível é seguir o registo de pagamentos feitos associados ao AppleID e aos números de telemóvel que estiveram associados aquele telemóvel. E chegando ao iPhone há metadados suficientes no aparelho para que esse género de desculpas caia em saco roto. De modo que para não seres apanhado terias que ter um iPhone completamente descartável e com o qual tiveste todo o cuidado do mundo, fazendo apenas pagamentos com notas. Ou seja, terias que ser um sociopata, com premeditação extrema.

        • Tadeu says:

          Acho que não tens bem noção a noção de que para adicionares um AirTag a uma conta não basta ter uma conta, tens que ter um iPhone que está associado a essa conta. O registo dum iPhone no AppleID vai além do número de telefone e email.
          Para além disso, a não ser que sejas um hacker, a única maneira de veres a posição do Airtag é usando um iPhone, iPad ou Mac através da aplicação da Apple, ou seja, em aparelhos registados no AppleID, por isso não há muita forma de te realmente esconderes.
          A política de privacidade não protege uma conta contra investigações judiciais.

          • Manuel Costa says:

            Para isso é preciso encontrar o Itag… algo que para aí 1 em cada 40 milhões de clientes faria.
            É que é fácil se viveres numa vivenda num local onde só a tua família tem iphones e não há mais ninguém na rua com eles.
            Basta dar uma volta pela cidade, que o Iphone emite mais de 1000000 avisos de que detectou que estamos próximos de itags que não são nossos…

          • Tadeu says:

            Manuel Costa, o sistema implementa avisos para o caso de se verificar AirTags estranhos que acompanham a pessoa (até existe um app da Apple para Android para o efeito), assim como avisos sonoros passado algum tempo depois do Airtag ter deixado de estar em contacto com o seu dono. Por isso não é assim tão difícil encontrar um Airtag.

  2. jota says:

    Não paro de rir com isto!

  3. JL says:

    “ Embora apenas cinco roubos tenham sido diretamente ligados ao AirTags até agora, mais de 2.000 veículos foram roubados em toda a região no último ano”… 0,25%… criminalidade brutal

    • Filipe C says:

      diretamente ligados….
      quantos nao foram roubados sem o dono saber se foi com recurso à localização das airtags? porque se o ladrao mete a airtag e depois rouba o carro, recupera a sua airtag, e a partir dai o dono se até la nao soube ja nao vai saber.
      estes objetos de tracking sao extremamente perigosos para o stalking, e isto é so um exemplo de muitos. lembra-te so metade dos americanos usam iPhone logo tens metade da populacao que nao vai receber o dito alerta de ter uma airtag nao identificada por perto. No resto do mundo pior ainda dado que os iPhone representam 20% de quota de mercado, portanto 80% está desprotegido contra este tipo de stalking.

      • JL says:

        Isso é tudo verdade mas se pensarmos que para android existe por exemplo a cube, a chipolo ou a tile… e mais umas quantas… a airtag sera apenas mais uma numa quantidade enorme de opções.

  4. PTO says:

    Há muitos dispositivos no mercado que fazem o mesmo que as airtags. Seguramente que este esquema de roubo já foi feito anteriormente com esses outros dispoditivos.

    Mas como é um Apple device…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.