Está disponível para download o Libreoffice 3.5

O Libreoffice é um software de produtividade Open Source que advém do código fonte do OpenOffice. Embora recentemente a Oracle tenha decidido doar o OpenOffice à Apache Foundation, este fork parece continuar a ser o favorito da comunidade já que é suportado pelas principais distribuições de Linux.

O Libreoffice 3.5 tem a particularidade de trazer um conjunto de novas funcionalidades e correcções que a tornam este software cada vez mais estável para uso pessoal e empresarial.

libre_00

Tal como referido, o Libreoffice 3.5 traz muitas novidades e das quais se destacam:

Um novo e mais rápido “analisador” de gramática

O analisador de gramática está disponível para vários idiomas e é possível a correcção por palavras, por parágrafos (util para quando temos texto em vários idiomas)

libre_02

Melhor interface para criação de cabeçalhos, rodapés e quebras de página

Depois da inserção de um cabeçalho, o utilizador pode agora proceder de imediato à formatação do mesmo.

libre_01

Barra multi linha incluída no Calc

Caso a formula a usar no Calc seja extensa, o utilizador pode agora expandir a área destinada as formulas.

libre_04

Além das funcionalidades referidas, destacam-se ainda a

  • importação de filtros para documentos do Visio
  • Disponibilização de funcionalidade para actualização automática
  • Melhorias ao nível das fontes
  • Melhores performances
Como instalar o Libreoffice 3.5 no Ubuntu?

Para instalar o Libreoffice 3.5 no Ubuntu, basta abrir o terminal e seguir os seguintes passos:

Passo 1 – Download da última versão do Libreofice

wget http://download.documentfoundation.org/libreoffice/stable/3.5.0/deb/x86/LibO_3.5.0_Linux_x86_install-deb_en-US.tar.gz

Passo 2 – Descompactar

tar xvzf  LibO_3.5.0_Linux_x86_install-deb_en-US.tar.gz

Passo 3 – Aceder à pasta DEBS

cd LibO_3.5.0rc3_Linux_x86_install-deb_en-US/DEBS

Passo 4 – Instalação do Libreoffice 3.5

sudo dpkg -i *.deb

Passo 5 – Integração com o sistema (dentro da pasta DEBS aceder ao directório desktop-integration) e depois instalar o pacote libreoffice3.5-debian-menus_3.5-13_all.deb

cd desktop-integration
sudo dpkg -i *.deb

Depois de tudo instalado, basta ir a Dash e procurar por Libreoffice e escolher a aplicação que pretende executar.

libre_06

O Libreoffice tem crescido muito e, em tempo de crise, pode ser uma excelente alternativa às soluções pagas. Para quem quiser começar a usar o LibreOffice, basta acompanhar os nossos tutoriais, aqui

Licença: Open Source
Sistemas Operativos: Windows/Mac/Linux
Download: Escolha aqui o seu sistemas operativo
Homepage: LibreOffice



  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


59 Comentários

  1. Vai vir a calhar já que em breve vou ter de usar Linux :)

    Por acaso não existe nenhum comparativo entre o LibreOffice e o OpenOffice?

    Obrigado

  2. E instala sobre a versão anterior?

    • Eu tive de remover a versão anterior e só depois instalar a versão 3.5
      sudo apt-get remove libreoffice-core

      • Obrigado Pedro, era mesmo disto que estava à procura pois estava-me a dar erro por ter a versão anterior instalada e tendo em conta que sou um newbie em linux este tipo de coisas simples ainda me deixam um pouco à nora. Obrigado

  3. Sabem dizer-me se vale a pena desinstalar o Open Office e instalar o LibreOffice? A compatibilidade com ficheiros do MS Office é garantida? obrigado

    • @António Ferreira

      Vale mesmo a pena. Consulta a página oficial e verás as diferenças adicionadas na versão 3.3, 3.4 e 3.5

      Na maioria dos documentos a compatibilidade é assegurada, no entanto há sempre documentos em que tal não acontece, mas isto também já acontecia com o OpenOffice.

      • A compatibilidade só é limitada pelas “fonts”. Ou seja, há que ter em atenção que há poucas “fonts” “True Type” para Linux. E é muito chato descobrir que um longo e “super formatado” texto Word (criado em Windows) fica todo “torto” quando aberto em Open ou Libre Office! O mesmo se aplica às apresentações PowerPoint. E o inverso também se verifica (documentos criados em Open/Libre Office ficarem todos “tortos” em Windows).

    • O OpenOffice por enquanto está parado no tempo, por isso vale a pena mudares para o LibreOffice. Está mais rápido e leve, por exemplo.

  4. Boas, no passo 4 apareceu este erro (mas continuou ):

    Setting up libreoffice3.5-dict-en:i386 (3.5.0-13) …
    javaldx: Could not find a Java Runtime Environment!
    SUCCESS: unopkg returns successful!

    No passo 5:

    dpkg: error processing libreoffice3.5-debian-menus_3.5-13_all.deb (–install):
    conflicting packages – not installing libreoffice-debian-menus
    Errors were encountered while processing:
    libreoffice3.5-debian-menus_3.5-13_all.deb

  5. Só tenho pena que não adoptem um interface mais recente, tipo o do Office. Seria mais apelativo ao uso. Digo eu.

  6. Concordo esta UI está de facto ultrapassada e acaba por fazer as pessoas pensarem que se trata de uma má ferramenta , quando de facto não o é de todo , a compatibilidade com o Office da Microsoft é total e é reversa do Libre pata o Microsoft Office ,na versão anterior já não existia o problema que afectava a parametrização dos docs , esta ainda não experimentei , já percebi que o melhor é desinstalar primeiro a versão antiga e instalar depois a nova .

    Cumprimentos

    Serva

  7. Não concordo.
    Espero bem que mantenham o interface actual.
    Odeio o Interface do MS Office

    • Por acaso concordo!
      A unica vantagem que traria adoptar a interface actual do office seria a de tornar, eventualmente, a migração de utilizadores mais simples.

      Não estou nada convencido que a interface actual do office seja superior à antiga. Parece-me apenas diferente e em algumas circunstancias até mais “lenta” de ser usada, versus a anterior.

  8. Eu até percebo as vantagens do linux mas porque raio é preciso linha de comando para instalar o que quer que seja? Porque não colocam scrips de instalação automatica? Eu até exprimentei linux mas como tinha de andar sempre a meter uma porrada de comandos para fazer alguma coisa desisti! Nem o raio de um pen banda larga da pra meter porque as operadoras não suportam. Como é que um sistema destes pode proliferar no mercado nestas condições?

    • Não precisas de linha de comandos para instalar o que quer que seja em Linux actualmente. Uma forma muito fácil é instalares a partir de ficheiros .deb ou .rpm, dependendo da tua distribuição. São o equivalente a um “setup.exe” do Windows. Agora a linha de comandos tem as suas vantagens, e neste caso em específico o LibreOffice é fornecido num ficheiro comprimido cheio de debs ou rpms. Se quiseres instalar com cliques tens de clicar nos cerca de 50 ficheiros o que não é muito agradável. Com um simples comando automatizas isso, faço “sudo dpkg -i *.deb” e instalo tudo. Para que não te assustes, deixa-me só dizer que geralmente a maioria das aplicações tem um pacote deb ou rpm único que as instala só com um clique. O caso do LibreOffice é uma excepção.
      Quanto a pens de banda larga, até à data todas tem funcionado comigo sem ter que instalar qualquer driver. O mesmo não posso dizer do Windows.

    • Ze,

      se o teu problema é usares a linha de comando, aconselho-te a instalar a distribuição PCLinuxOS e linha de comando nem vê-la (a não ser que queiras ;)).

  9. @Ze ,

    Boa tarde , hoje só instalas por linha de comandos se quiseres , para mim é mais seguro porque estas a ler tudo o que está a acontecer durante a instalação , mas não és obrigado a instalar como disse por linha de comandos , basta googlares e encontrares o PPA da aplicação e inserires nas fontes de terceiros fazeres reload e já tens a tua disposição o pacote para instalares por via gráfica , link aqui :

    https://launchpad.net/~libreoffice/+archive/ppa

    Depois de acederes ao Link , procuras os detalhes técnicos e clicas nessa aba , que vai-te abrir o PPA que terás de adicionar as fontes de terceiros , escolhe a tua distribuição e depois é só copiares as duas linhas uma de cada vez e adicionares , após esta operação o sistema notifica-te que existem actualizações , fácil não é ? .. a malta Geek como o Pedro Pinto é que gosta de complicar eu tento ajudar ( estou a brincar ) , alguma dúvida dispõe .

    Para a malta que tem o KDE , saiu o novo look para o firefox o Oxygen 3.7 , está de facto muito elegante e muito bem conseguido , este tema é visível mesmo quando usas os favoritos ou mesmo quando estás a escrever e necessitas de fazer uma correcção ortográfica , recomendo vivamente .

    Link aqui :

    http://kde-look.org/content/show.php/Oxygen+KDE+%28Firefox+Theme%29?content=117962

    Cumprimentos

    Serva

  10. Como sempre esqueço-me sempre de algo , quando me refiro que a UI está ultrapassada , não quero dizer que se tenha de copiar pela Microsoft , digo é que esta UI já te anos e quer queiram quer não de versão para versão existem pequenos face lifts , mas de facto tem evoluído muito no que ao nr de funções e fiabilidade , o que eu pedia era uma UI um pouco mais apelativa , sabem que os olhos também comem , agora estou mal habituado com o KDE e sinceramente penso que se pode ter o melhor dos 2 mundos aspecto e produtividade .

    Cumprimentos

    Serva

  11. Eh pá , isto hoje está mau , a culpa é do Pedro Pinto que me está a perturbar o meu raciocino , uma vantagem de se instalar através do PPA é que todas as línguas disponíveis são descarregadas , bastando depois optar pela nossa língua materna e eliminarmos as línguas que não nos interessam ou manter nos dicionários para corrigir textos noutras línguas .

    Agora penso que já não faço mais nenhum post , já disse tudo , ou por outra já instalei como é evidente ainda não testei .

    Abraços

    Serva

  12. Devo de dizer que a UI apesar de manter o essencial , mas tem algumas diferenças , grão a grão e sim é uma excelente evolução tal como Pedro Pinto explica no seu artigo , mais uma aplicação Open Source que está cada vez melhor e com mais funcionalidades .

    Abraço

    Serva

  13. @Ze ,

    Boa tarde ainda podes fazer de outra forma se e agradar mais vais a este Link :

    http://www.unixmen.com/libreoffice-3-5-has-been-released-install-ubuntu-fedora-debian-linuxmint-ppa/

    Abres a consola e limitas-te a seguir os passos , não te esqueças é de mudar na última fase do UK para PT .

    Cumprimentos

    Serva

  14. Boa tarde ,

    Acabei de perceber que o PPA ainda não foi actualizado e mantem-se na versão 3.4.5 , a culpa aqui é outra vez do Pedro dá as noticias mais rápido que as actualizações dos PPAs , mas não te preocupes @Ze , porque se fizeres pelo método que te expliquei logo irás ter o PPA actualizado .

    Cumprimentos

    Serva

  15. ja tenho tudo instalinho… mas como se instala o dicionário?

    abraço e obrigado

  16. @Pedro ,

    No Libreoofice , vais a ferramentas , idiomas , mais idiomas on line

    vais parar a este Link

    http://extensions.libreoffice.org/extension-center?getCategories=Dictionary

    Cumprimentos

    Serva

  17. LIBREOFFICE OU OPENOFFICE É UMA LIXO COMPARADO AOS RECURSOS TECNOLOGICOS E MARAVILHOSOS QUE O MICROSOFT OFFICE 2010 OFERECE . NÃO TEM PRA NINGUEM O MICROSOFT OFFICE 2010 !!!!
    o microsoft office 2010 poem no chinelo o broffice/libreoffice em tudo beleza , qualidade , recursos , tudo
    coitado do linux
    preciso a google vim com o google e fazer sucesso em pouco tempo e o linux quantos anos que não existe , +20 anos e nada .a oogle investe em market e outros meios

  18. Bom dia

    Estou a tentar instalar o Libreoffice 3.5 e após abrir o ficheiro “libreoffice3.5-debian-menus_3.5-13_all.deb” com o Ubuntu software center, no final da instalação dá-me o seguinte erro: “Quebra o conflito do pacote existente ‘libreoffice-debian-menus’: libreoffice-debian-menus ( )”.
    Será que alguém me pode ajudar, nesta minha incursão ao linux.
    obrigado.

  19. Tenham em atenção que os pacotes do Pedro Pinto são de 32 bits. Eu 64 bits à muito tempo. Tem a ver com a máquina virtual?

  20. Instalação para 64 bits:
    wget http://download.documentfoundation.org/libreoffice/stable/3.5.0/deb/x86_64/LibO_3.5.0_Linux_x86-64_install-deb_en-US.tar.gz
    tar xvzf LibO_3.5.0_Linux_x86-64_install-deb_en-US.tar.gz
    cd LibO_3.5.0rc3_Linux_x86-64_langpack-deb_pt
    cd DEBS
    sudo dpkg -i *.deb
    cd desktop-integration
    sudo dpkg -i *.deb

    wget http://download.documentfoundation.org/libreoffice/stable/3.5.0/deb/x86_64/LibO_3.5.0_Linux_x86-64_langpack-deb_pt.tar.gz
    tar xvzf LibO_3.5.0_Linux_x86-64_langpack-deb_pt.tar.gz
    cd LibO_3.5.0rc3_Linux_x86-64_langpack-deb_pt
    cd DEBS
    sudo dpkg -i *.deb

    wget http://download.documentfoundation.org/libreoffice/stable/3.5.0/deb/x86_64/LibO_3.5.0_Linux_x86-64_helppack-deb_pt.tar.gz
    tar xvzf LibO_3.5.0_Linux_x86-64_helppack-deb_pt.tar.gz
    cd LibO_3.5.0rc3_Linux_x86-64_langpack-deb_pt
    sudo dpkg -i *.deb

    Dicionário:
    Versão pré-Acordo Ortográfico: http://maracujah.net/files/software/oo3x-pt-PT-preao-12.2.12.0.oxt
    Versão Acordo Ortográfico: http://maracujah.net/files/software/oo3x-pt-PT-12.2.12.0.oxt

  21. @Bill Gates ,

    Bom dia não somos ceguinhos nem precisamos que escrevas em letras maiúsculas as tuas opiniões .

    Certamente que és um utilizador avançado do Office da Microsoft , pelo menos no que respeita aos erros ortográficos , que necessitas de melhorar , mas olha essa função também o Libre office tem , já agora , alguma vez experimentas-te ???????…… qual foi a função que não conseguiste executar ????…. pode-se saber ?? …. fico ansioso que nos comuniques .

    Cumprimentos

    Serva

  22. Bom dia

    @Artur , tens aqui os pacotes Deb para os 64 bits e os dicionários em Português .

    http://www.libreoffice.org/download/

    Cumprimentos

    Serva

    • @Serva, eu já fiz esse download, o problema é que ao instalar e mesmo depois de efectuar o comando “purge” para limpar toda a instalação anterior, dá-me sempre aquele conflito postado anteriormente, e não me permite a instalação.

      • Usa o Gestor de Pacotes Synaptic e procura pelos pacotes de LibreOffice que ficaram, pelo menos foi assim que me desenrasquei quando já tinha o LibreOffice 32 instalado e ele não queria sair pela linha de comandos…

  23. Tá a demorar a actualização via PPA, não me apetecia nada fazer o update manual…

  24. Espera apelo PPA , é mais fácil de não dar conflitos como te estás certamente a aperceber , eu no meu instalei na boa , mas as vezes fico espantado porque eu próprio já me vi confrontado com situações em que num pc funcionou tudo bem e no outro deu problemas , @Artur vou investigar e já volto a dar-te a minha opinião , é que hoje mudei de ISP e vou ficar sem net agora .

    Cumprimentos

    Serva

  25. É possível actualizar para a versão 3.5 ou temos que desinstalar e voltar a instalar?

    Uso o Windows seven.

    Obrigado.

  26. No Windows podes fazer a instalação directo sem desinstalares .

    Cumprimentos

    Serva

  27. Vale a pena de dizer que esta versão 3.5 do LibreOffice, pelo menos em ambiente Windows, é muito mais lenta e pesada do que a versão 3.2 do OpenOffice. Nota-se sobretudo em computadores menos potentes, netbooks, etc. Se esse é o vosso caso, NÃO TROQUEM.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.