Apps troubleshooter – Resolva problemas no Windows 8

O Windows 8 chegou e tem já consigo uma horda de seguidores fanáticos que considera este sistema operativo tão bom ou melhor que qualquer uma das versões anteriores.

Mas tal como nas versões anteriores também este Windows é propenso a problemas, na maioria das vezes causados por alterações dos utilizadores. São pequenas alterações que efectuamos que se reflectem noutras zonas do sistema operativo e que nem sempre as conseguimos associar para resolver estes problemas.

Para contornar e resolver estes problemas a Microsoft disponibiliza já uma ferramenta de diagnostico e resolução de problemas. O Apps troubleshooter está preparado para lidar com estes problemas e resolvê-los de forma simples e rápida.



Esta aplicação está destinada, para já, a resolver problemas com as aplicações descarregadas a partir da Store do Windows e que tenham instaladas nas vossas máquinas.

Antes de recorrerem a esta aplicação, os utilizadores podem tentar algumas alternativas no próprio sistema operativo e que podem resolver os problemas. Devem verificar a existência de actualizações dessas aplicações e instalá-las.

Se ainda assim o problema não ficar corrigido podem tentar ainda a sincronizar a licença da aplicação caso a aplicação tenha uma.

Para sincronizar as suas licenças da aplicação, siga estes passos:

  1. No ecrã Iniciar, toque ou clique em Loja para abrir a Loja Windows.
  2. Faça o gesto de percorrer a partir da margem direita do ecrã e, em seguida, toque em Definições.
  3. (Se estiver a utilizar um rato, aponte para o canto superior direito do ecrã , desloque o ponteiro do rato para baixo e, em seguida, clique em Definições.)
  4. Toque ou clique em Atualizações de aplicações. Se não tiver iniciado sessão na Loja Windows, inicie sessão com a sua conta Microsoft.
  5. Toque ou clique em Sincronizar licenças.

Por fim e se também este processo não resolver o problema da aplicação que está a ser afectada a Microsoft recomenda que removam a aplicação e que a voltem a instalar.

Se após todos estes passos e com todas estas possíveis soluções o problema se mantiver, a Microsoft disponibiliza o Apps troubleshooter, uma aplicação dedicada a detectar e resolver estes problemas.

Esta aplicação está preparada para verificar um conjunto de situações específicas e que podem limitar a utilização das aplicações. Para cada uma dessas situações o Apps troubleshooter tem preparados um conjunto de soluções para os resolver.

Tal como noutras ferramentas similares do Windows, e disponíveis para o Windows 7, basta correr a aplicação e ela percorre o sistema para detectar os problemas mais comuns.

Depois desta análise ao vosso Windows 8 o Apps troubleshooter vai mostrar os problemas detectados e as suas causas. Claro que posteriormente será feita a sua correcção.

O Apps troubleshooter mostra apenas as situações detectadas e as suas causas. Se pretenderem podem também ver a totalidade dos restantes testes feitos e quais os resultados obtidos.

Esta aplicação é a última solução para os problemas associados com aplicações obtidas na Store do Windows. Sempre que uma delas apresentar problemas e não for executada de forma correcta podem recorrer a ela para detectar e resolver problemas no sistema e que a está a limitar.

Devem também seguir as indicações da própria Microsoft para a resolução desses problemas nos casos em que o problema não está no sistema operativo mas sim na aplicação. Essas instruções foram apresentadas acima, no início do artigo mas podem ver vistas com maior detalhe aqui.

Esta é a primeira das aplicações criadas para ajudar os utilizadores a resolver os problemas no Windows 8. São várias as conhecidas para o Windows 7, de nome Fix-It, e tão boa conta do recado têm dado. Agora é a hora do Windows 8 ter o seu conjunto de aplicações específicas.

Licença: Freeware
Sistemas Operativos: Windows 8
Download: Apps troubleshooter
Homepage: Windows 8



  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


29 Comentários

  1. Esse primeiro parágrafo era dispensável!

    • Não escrevi mentira nenhuma.
      Basta que leias os comentários dos leitores do Pplware.
      Ainda assim não foi escrito com sentido perjurativo.

      Este Windows esta muito bom. Usa a serio e vais ver que acabas por concordar comigo e com o resto dos leitores.

      • Concordo a 100% com o primeiro parágrafo! Uso diariamente e gostotanto, senão mais que o 7, que tinha anteriormente.

      • Trabalho com o Windows desde a primeira versão a P/B sob MS-DOS :) e passei por todas as restantes até à 8, sem primeiro ter testado as duas Previews. Já comprei o W8 Pro (descarreguei online (barato) e paguei menos de 20 euros pelos 2 CD’s com a versão 32 e 64 bits. Numa das minhas máquinas tenho o 7 e o 8 em dual-boot, aliás, tri-boot porque antes do W8 Pro tinha instalado a versão W8 Enterprise Trial 90 days que deve estar a acabar brevemente mas que pouco difere da Pro. A minha opinião, em ordem aos dois W’s, é a seguinte: para um utilizador normal, sem grandes conhecimentos de manuseamento de SO’s e que apenas utiliza o PC para trabalho de Office, imagem, digitalização e pouco mais, o 7 é mais intuitivo (não tem nada a ver com rapidez de execução porque isso também depende da máquina e da plataforma). O 8 para este tipo de utilizadores é mais “complicado” porque ele não tem “à mão” os menus e pastas/ícones disponíveis no desktop de entrada como no 7. O 8 ainda é mais eficaz para quem tem um monitor touchscreen o que implica mais um investimento e nem sei qual o preço deles… Como costumo dizer, cada um deveria ter o SO que mais se adapta às suas necessidades e não por uma questão de ser o “último modelo”. Faz lembrar o tipo que tem um PC topo de gama artilhado até à medula, utiliza watercooling na refrigeração de CPU, GPU, e chipset e utiliza-o para o e-mail, no Word, Excel e Internet… Eu também gostaria de estar sempre actualizado em ordem a boards, gráficas, cpu’s, mem’s, mas o guito… raio da crise!

  2. Sem dúvida o melhor SO da Microsft até à data!!!

  3. A Microsoft no seu melhor… e depois admiram-se que as pessoas se virem para outros SO (nomeadamente IOS e Android) que simplesmente funcionam e fazem aquilo que a maior parte do utilizador comum quer.

  4. Gente, eu tenho um problema parvo no windows 8, cada vez que faço login passado uns segundos de ir ao desktop, os icones desaparecem, tenho de ir ativar a visualização a mão, alguem sabe porque?

    Tirando isto este windows é tao bom ou melhor que os outros, simplesmente diferente.

  5. O maior erro que estou a ter é a aplicação de mail não sincronizar o mail com o gmail se seleccionar que quero sincronizar contactos e agenda. Mesmo assim às vezes demora tanto para sincronizar o mail que nem reiniciando. Mais alguém com este problema ?

  6. Acho que deviam alargar isto para drivers e processos do sistema que dão sempre alguns erros e problemas…

    Para mim o windows 8 está mais rápido que o 7 e mais engraçado, mas tem algumas falhas de utilização quando se combina a Metro UI com o ambiente de trabalho. Mas de resto estou a gostar de usar.

  7. Uso e abuso do Windows 8. Só não consigo engraçar com a aplicação de correio. Está terrivelmente pobre. Por isso, vou usando o Live Mail.

    • Utiliza o serviço outlook.com, aproveitando o teu endereço do hotmail ou outro da Microsoft. Estou a utilizá-lo há tempos, a par com os do GMail e do Sapo, além de outros e estou a gostar mesmo, podendo redireccionar para outros endereços que tenhas. Eu por exemplo, redirecciono para o correio do Sapo e fico com um backup no outlook.com dado que a mensagem também lá fica depois de redireccionada… Nada como experimentar…

      • Alien, obrigado.
        Mas a verdade é que o Outlook.com não me permite, por exemplo, inserir hiperligações ou pesquisar correio arquivado. Mas reconheço que posso estar a utilizar mal a app. Podes ajudar?

        • Embora ainda não tenha explorado a fundo o Outlook.com porque o utilizo menos que o GMail, a inserçãso de hiperligações faz-se normalmente, ou seja, no topo tens uma barra com a formatação do texto onde se encontra o ícone do link (antes dos smiles). Escreves o endereço normalmente no corpo do texto, corres esse endereço com o rato premindo o botão esquerdo + Ctrl+C (copy) dol endereço, clicas no ícone, surge uma janela e onde na barra onde está http:// copias (Ctrl+V). Pode ser que exista um modo mais simples ou mais directo mas ainda não tive tempo para o descobrir.

          Quanto ao pesquisar correio arquivado, no lado esquerdo do menu tens a janela de procurar no e-mail, ou na coluna seguinte (Correio recebido ou Enviado) podes seleccionar e alinhar por Data, De, Assunto, Tamanho. Podes incluir uma imagem na assinatura (avatar, por ex.) com o método de copy/paste. Quando fazes um novo e-mail do lado esq. aparece uma série de endereços para onde já enviuaste correio e basta escreveres as primeiras letras do endereço, aparece o endereço ou os endereços começados por essas letras. No ícone dos Settings (em cimna do lado direito) tens toda a configuração que queres dar ao e-mail… Não sei se ajudei mas tentei…

          • Obrigado, mais uma vez. Mas eu refiro-me ao outlook.com que vem nativo com o Windows 8. E que, estranhamente, é diferente do que foi “migrado” do hotmail.

  8. O Windows 8 deu-me muitos problemas nos primeiros dias (reinicia sozinho com frequência), mas já à vários dias que isso não acontece. Presumo que o problema que tinha era de instalar programas que não eram compatíveis com o “8″.
    Não é muito mais rápido que o Vista, mas parece-me melhor. E o “XP”, que tenho no meu portátil já parece muito desactualizado.
    Não utilizo o “Metro”. Instalei o “Classic Shell” que me faz optar por iniciar o Windows pelo Desktop convencial. Para mim, essa é a grande falha deste Windows. Deveria nos dar essa opção e não nos dá.
    Para trabalhar, o Desktop convencional é imbatível.
    O “8″ manterá o Windows no topo por muitos mais e bons anos, para os utilzadores que procuram produtividade e jogos. A concorrência terá de continuar a trabalhar muito.

  9. Bom dia ,

    Eu também gosto , no entanto o consumo exagerado de ram , mais de 1GB após arranque e sem aplicações abertas e o massacre que este SO faz ao HDD tiram-lhe o pódio do melhor SO da Microsoft .

    Pontos a melhorar o tempo de abertura de aplicações lançadas através da metro , consumo de ram , desgaste precoce do HDD , precisão no desktop dos pontos nos cantos .

    cumprimentos

    Serva

  10. Eu também tenho 16 Gb de ram , mas convenhamos que 1 GB de ram após arranque é demasiado , mais este SO está projectado para SSDs , eu já instalei e aí sim o delay é pequeno , mas é precisso fazer um investimento em equipamento que para ser bom é muito caro .

    Cumprimentos

    Serva

  11. Também ando com problemas no Win8 desde não montar a maior parte das imagens pelo seu gerenciador, como não me deixa instalar o microsoft net framework 3.5, e do nada passado 3min de ligar o pc este começa a minimizar as janelas automaticamente não me deixando fazer nada e passado 5 a 10 min o sistema volta ao normal. Tenho uma versão oficial debug disponibilizada pela microsoft para as Universidades.

  12. Olá! Comprei um pc à pouco que vinha com o windows 7, mas instalei o windows 8. O meu grande problema é não conseguir aceder à rede da universidade, e não sei onde está o problema. Já fui informada que pelas universidades, nos pc’s com winsows 8, este problema é bastante comum. Também ainda tenho o problema de o pc não me deixar instalar o net.framework 3.5! Alguém me sabe dizer como posso resolver estes problemas?

  13. Também tenho esse problema com o net.framework 3.5. e já resolvi o problemas das janelas minimizarem o automaticamente, desinstalei o programa que estava neste site para criar o menu iniciar no win8, pelos vistos tem esse bug ainda.

  14. Diogo resolveu, muito obrigado :)

  15. Também já tenho o Windows 8 e de uma maneira geral estou bastante satisfeito…no entanto tenho alguns problemas que não consigo solucionar! A minha senha de acesso é constituída por números e o pc nem sempre liga a tecla num lock. Já fui ás definições de boot e tenho o num lock on mas mesmo assim o normal é ter que o ativar manualmente.
    A outra questão prende-se em ter a versão em português mas a linha de comandos (cmd) vem em inglês. Estranho

  16. gostei do artigo, mais por ser Português tinha que ter uma burrice olha a cor da letra e do fundo ñ dá contraste.

  17. O Windows 8 é muito bom, só tem um problema grave, que é não querer instalar o .Net Framework 3.5, que precisa em vários programas.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.