Usamos cookies para garantir a melhor experiência de utilização no Pplware.com - Saiba mais sobre os nossos cookies
Ok

Dica Chrome: Criar lista de tarefas no Desktop

No artigo apresentado ontem sobre  o Anxiety 1.0 um dos comentários era um pedido de uma solução idêntica para Windows e para Linux.

Pegando nesse pedido resolvi procurar um pouco na tentativa de achar uma alternativa.

E descobri que afinal todos temos uma facilmente acessível e muito disponível. Desde que tenhamos o Chrome instalado.


E para isso vamos usar a opção que o Chrome tem de “Criar atalho de aplicação…“. E é tão simples que muitos de vós vão perguntar porque nos se lembram mais cedo de explicar esta dica.

Para começar devem instalar o Chrome se o não tiverem já instalado. Acedam aqui para arranjarem a ultima versão estável.

Depois de instalarem e lançarem o Chrome devem aceder ao endereço das vossas Tasks Google e que é:

https://mail.google.com/tasks/ig

Caso usem Google Apps o endereço é (substituam dominio.com pelo vosso):

https://mail.google.com/tasks/a/<dominio.com>/ig

Depois da página terminar de carregar só têm de aceder ao menu Controlar a página actual () e seleccionar a opção Criar atalhos de aplicação.

Vai ser ser aberta uma nova janela onde devem escolher onde querem que sejam criados os atalhos da aplicação.

No final carreguem no botão Criar. E pronto é apenas e só isso!

Reparem então que têm no vosso Ambiente de Trabalho um novo atalho. Façam duplo clique em cima dele e vão aceder às vossas tarefas.

Fica então apresentada a alternativa ao Anxiety e a forma de terem a vossa lista de tarefas acessível de qualquer ponto da Internet! E fica a prova de que quase tudo o que se lembrarem está já no vosso PC. É só pesquisar um pouco e acham a solução.

Apesar de não ter testado é muito provável que esta solução funcione em todos os sistemas operativos que suportem o Google Chrome. Refiro-me a Linux e Mac. Se alguns dos leitores testar fica aberta a caixa de comentários para que nos dêem feedback.



  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


16 Comentários

  1. Testado e Aprovado em Ubuntu :) (Mas ficou em inglês)

  2. Edir: como testei no Netbook remix só testei a opção menu Iniciar, por isso não sei se no ambiente de trabalho fica tudo bem…

  3. Uma questão como organizas assim em subcategorias?

  4. RAINLENDER…. vejam o Rainlander

  5. Para uma organização mais completa eu uso o Swift to-do list lite.
    Estou a usar para a organização de um projecto e dá para criar as tarefas, colocar notas etc.

    Aconselho! http://www.dextronet.com/swift-to-do-list-lite.php

  6. este programa de tarefas da para partilhar com outro utilizador ?

  7. Existe uma extensão no Chrome: ea Google Task’s que dá para aceder à lista de tarefas.
    Também pode ser útil.
    ;)

  8. ALEXANDRE PINTO…. boa malha… gostei…

    tb há para MAC?

  9. e google tasks partilhado ?

  10. Fantático Tanks

  11. No meu Windows 7, uso o Remember The Milk e o sidebar gadjet I Forgot the Milk.

  12. tem uma outra maneira também. é pegar o endereço do google task para android https://mail.google.com/tasks/android e fazer o mesmo processo. O google task for android tem um visual diferente.

  13. Cara é tão simples que eu nunca tinha pensado nisso :)!! Ficou ótimo. Uma lista de tarefas desktop que ao mesmo tempo fica na rede para acessar em qualquer lugar!! perfeito!!
    A informática deveria ser sempre assim: simples é prática !!

    Valeu pela ótima dica.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.