Microsoft multada pela Comissão Europeia

Multa tem o valor de €561 milhões

A noticia começou a tomar forma no início deste mês, tal como noticiámos e partiu de um anuncio da Reuters que dava conta de que a Comissão Europeia se preparava para multar a Microsoft por incumprimento dos acordos estabelecidos para a disponibilização da opção para os utilizadores do Windows escolherem um browser alternativo ao IE.

O rumor tomou finalmente forma e num comunicado publicado esta manhã a Comissão Europeia anunciou que multou a Microsoft por incumprimento destas regras.

A multa tem o valor de 561 milhões de euros e está nos mesmos padrões da que foi inicialmente aplicada e que deu origem ao acordo entre as partes em 2004.

logo-microsoft


A razão desta multa agora aplicada está relacionada com o incumprimento por parte da Microsoft ao não apresentar aos utilizadores do Windows a ferramenta de escolha do browser no sistema. Esta falha ocorreu entre Maio de 2011 e Julho de 2012, aquando do lançamento do SP1 do Windows 7.

A Microsoft alegou que este problema se deveu a uma falha e que foi corrigida de imediato após a sua descoberta. Foram ainda melhorados os processos internos para evitar que estas situações se repitam.

O Vice Presidente da Comissão Joaquín Almunia, responsável pelas política de concorrência explicou de forma clara a posição da Comissão Europeia

In 2009, we closed our investigation about a suspected abuse of dominant position by Microsoft due to the tying of Internet Explorer to Windows by accepting commitments offered by the company.

Legally binding commitments reached in antitrust decisions play a very important role in our enforcement policy because they allow for rapid solutions to competition problems. Of course, such decisions require strict compliance.

A failure to comply is a very serious infringement that must be sanctioned accordingly.

A origem deste processo deveu-se a uma queixa recebida pela Comissão Europeia e que mostrava a posição dominante do Internet Explorer no Windows e da falta de escolha para os utilizadores.

O acordo entre a Comissão Europeia e a Microsoft previa que fosse apresentada até 2014 um ecrã que permitiria aos utilizadores do Windows poderem escolher um browser alternativo ao IE, com informação completa e fundamentada.

A Comissão Europeia mostrou no seu comunicado de hoje a importancia desta ferramenta para os utilizadores. Segundo os seus dados, desde a disponibilização da escolha mais de 84 milhões de browsers foram descarregados através desta ferramenta.

Esta multa é também muito representativa pois é a primeira vez que aplicada a uma empresa por incumprimento de uma decisão da Comissão.

O calculo da multa foi feito tendo por base a gravidade e duração da falha, a necessidade de assegurar um efeito dissuasivo da multa e, como circunstância atenuante, o facto de a Microsoft ter cooperado e fornecido informações que ajudaram a Comissão a investigar o assunto de forma eficiente.





  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


88 Comentários

  1. Continuo sem perceber o porquê da microsoft ser obrigada a apresentar aos utilizadores do Windows um browser diferente do IE

    • Penso que se a microsoft tivesse os seus próprios pc’s (tipo apple -> mac) que poderiam fazer o que bem entendessem deles.

      Agora uma pessoa quer comprar um pc, e tem que levar quase sempre com o windows em cima, sendo as alternativas poucas ou que não compensem..

      Apesar de mesmo assim isto talvez não seja a resposta mais indicada, é apenas a minha opinião.. E a mim tanto me dá como se me deu, porque uso o ie sempre que formato os pcs, para sacar outro browser… mas não o desinstalo, porque as vezes dá jeito

    • Sinceramente após formatar um pc e quando aparece a “Actualização do Ecrã de Selecção do Browser da Microsoft” no windows update oculto-a logo. Deve causar mais incómodo aos utilizadores do que trás de vantagens. Qualquer utilizador que se sinta incomodado com a predefinição do IE deve saber perfeitamente instalar um novo browser caso contrário para navegar na internet deve-lhe ser indifirente o browser, se calhar nem sabe o significado da palavra, apenas sabe o que é “ir à net” ;)

      Isto é mais um joguinho de gigantes ;)

    • x2
      Eu sou utilizador tanto do Windows como o OSX e neste ultimo também não nos dão a opção de escolher um browser. Porquê que só a MS é multada?

      • A única razão que me vem a cabeça é pelo facto da MS ter uma quota muito maior no mercado mas ainda assim se se aplica a um deveria aplicar-se aos outros…

      • Porque a Apple não detém o monopólio de sistemas operativos :)
        Mas não deixa de ser uma treta… Android também tem monopólio de SO’s móveis e no entanto…não se passa nada.

        • No android podes instalar o que quiseres…o browser que vem no android nem vale nada aquilo nem presta para se chamar browser…e a google não tem politicas Monopolistas de mercado em Relação a outros SO’s …e estamos a falar de telemoveis…

          cmps

          • Possui 70% dos SO’s moveis… isso é monopólio em todos os livros :)
            Oferece-te um painel de seleção de browser quando ligas a primeira vez o telemóvel?

          • @Yolin nao se esqueçam que o android é open-source, e cada fabricante faz o que entender com ele, a google até podia por um ecra de selecção e o fabricante remove-lo antes de distribuir o aparelho, já viste o mesmo browser num samsung e num htc, por exemplo? são os dois versões alteradas.

          • tens a ceteza que possui 70% doas SO’s meveis???sabes quantos SO’s moveis existem ?lol devem ser milhares

            cmps

          • No windows tambem podes instalar o que quiseres e o browser que trás de acordo com muitos “entendidos”

          • Seguindo a teoria do Monopólio, o Android também devia levar por tabela se fossemos justos. Mas a união europeia, mais uma vez, cedeu à demagogia barata aliado a traumas de outrora.
            Se por um lado acho bem que apareça um popup do género a demonstrar as escolhas existentes, por outro acho mal que as regras sejam só para alguns.
            E só para que conste, isto de ser open-source ou closed-source é exactamente igual ao litro.

    • Nuno José Almeida

      Porque usa a sua posição dominante, para impor uma browser. É uma regra básica de antri-trust.

    • acho que te fazia bem a ti e a outros leitores lerem o meu comentário mais abaixo.

    • Simplesmente porque grande parte dos que usam esse sistema, desconhecem até mesmo que exista outros navegadores melhores e muito mais rápido, e pior, muiots por mais que seja fácil, nem sabem instalar..

      Microsoft sempre tentando se manter no mercado monopolizando de uma forma ou de outra. Da mesma forma pergunto, porque ela não coloca o quadro apresentando os demais navegadores? Se ela esta no mercado ao menos por enquanto devido ao monopólio monstro no passado, tem mais é que obrigar a mesma a cumprir o que foi determinado.

    • Concordo plenamente. Tambem não apresenta um programa para escolha de media player e trás o WMP por definição. Vão multar a Microsoft por causa disso tambem?
      Quem aprovou essa multa de certeza que não deve saber sacar um browser.

    • A razão é que a Microsoft Obriga-te a utilizar o IE, e a sua remoção do sistema é algo extremamente complicado, muitas vezes até para alguém da área…

      Quantas pessoas aqui(mesmo aqueles que trabalham diariamente com Informática) sabem desinstalar/remover o IE do windows?

      Poucos muito poucos, e os que sabem talvez tenham ido agora verificar…

      Agora vejamos no caso dos outros sistemas operativos:

      MacOS – Safari
      Para desinstalar basta arrastar para o lixo e esvaziar o mesmo…

      Linux – Usualmente Firefox
      Depende de distro para distro, mas no gestor de software é possível desinstalar de forma simples…

      FreeBSD
      O mesmo que Linux.

      Isto para além do facto de que muitas das acções realizadas no sistema operativo, ele mesmo que o browser default seja outro, abre o IE de forma automática.

      Simple?! ;)

  2. rand, por uma questao de monopolio de presença do browser. a ideia e teres liberdade de escolher o browser. por exemplo, na faculdade tenho de usar uma versao portatil do chrome pq o IE nos pc dos laboratorios onde tenho aulas pura e simplesmente encrava constantemente…. pode ser das maquinas (todo o parque informatico tem XP, logo usa IE8 ou firefox desatualizado) mas torna se aborrecido fazer as coisas e o IE simplesmente encrava ao guardar os ficheiros transferidos do moodle por exemplo :)

    • Mas isso é culpa de quem faz gestão da parte informatica da tua faculdade… Eu por exemplo na minha tenho o Win7 instalado em todas as maquinas desde há dois anos, com o IE, Firefox e Chrome instalado, mesmo a escolha do freguês. Offices tambem tenho o MS Office o LibreOffice.

  3. Uma treta esta história.

  4. Bem, na outra noticia já me chamaram ignorante por defender uma marca de equipar o seu produto com outros produtos também criados por si.

    Parece que para alguns colocar o IE (que volto a dizer, não uso e continuo a não gostar) num sistema operativo que ainda por cima é feito pelos mesmos é uma prática monopolista (ou pelo menos penso que é isso sendo que me chamaram ignorante mas não me quiseram explicar as suas ideias).

    Sinceramente, a Microsoft pode ser acusada de muita coisa e já houve histórias de práticas menos correctas para impor o seu SO mas multar a empresa por isto é a coisa mais ridícula que já vi. Ainda por cima nesta altura em que a MS tem feito tudo e mais alguma coisa para limpar a sua imagem e tornar-se numa empresa mais “amigável”.

    Parece-me que se tornou moda bater sempre no mesmo, afinal existem outras marcas a praticar o monopólio a seu belo prazer e ainda por cima à frente de todos e ninguém faz nada.

    Ah, e só mais uma coisa, o Bill Gates fez muita porcaria, aliás apesar dele e do Steve Jobs sempre terem sido considerados mentes brilhantes para mim ambos se aproveitaram muito do trabalho dos outros e esse sim foi o seu verdadeiro “brilhantismo”, ainda assim, o Bill Gates já se redimiu e muito, este valor, embora alto é só uma gota no oceano de dinheiro que ele já doou para ajudar crianças em África, entre outras coisas.

    • Bom comentário? Até quando as pessoas falarão sem conhecimento do que estão a falar?

      Aqui não se trata da Microsoft incluir nativamente o IE como browser. Trata-se de abusarem da sua posição (monopolista) no mercado e “enfiarem” um browser ao cliente quando este nem sabe as escolhas que tem.

      E acaba a dizer que por Bill Gates doar muito dinheiro já é ético haver esta prática monopolista da empresa…

      Antes de falarem do que quer que seja, tentem ao menos informar-se.

  5. Simplesmente Ridículo….

  6. A Microsoft disponibilizou numa atualização um atalho no desktop que abria uma janela para o site browserchoice.eu . Eu próprio recebi esta atualização no meu computador. Que incumprimento é que foi feito pela Microsoft afinal?

    • Tiveram problemas durante 2 meses penso eu, meses esses em que essa notificação não aparecia. A multa é relativa a esses meses.
      Uma treta.

    • Se tal update já veio no W7, pq n é intrínseco no W8 essa opção?

      • É intrínseco no W8…

        Total estupidez esta multa, apesar de impor o IE o utilizador final não paga nada e pode instalar qualquer outro browser à escolha sem qualquer problemas. Para mim isto é maneira de sacar dinheiro sem qualquer motivo. Aliás devido a esse update, o IE nem sequer aparecia nos atalhos rápidos sendo muitas vezes preciso procurar o .exe ou utilizar o tal Selecção de Browser para poder realmente utilizar outros ou mesmo o IE,perdendo-se tempo precioso.

  7. Já agora, este dinheiro vai para onde?

    • Essa é a parte engraçada. O dinheiro em vez de ser distribuído pelas empresas que supostamente foram afetadas, vai para os cofres da própria UE.

      • Não é bem assim…o browser que se queixou foi o Opera…certamente será indeminizado…

        Mas que multazita da treta…ao menos aplicavam uma multa a sério como aplicaram a intel, por tentar matar a AMD.

        cmps

    • Ora… Já se descobriu onde é que o FMI (leia-se femi) vais buscar uns trocos para emprestar…

      Mas acho que esta multa já não se justifica, não multaram a Apple pelo seu browser certo? O a distribuição de linux Ubuntu por vir com o firefox… Ou o android… ou o Ios… ou…

      Há uns anitos atrás acho que sim, alternativas eram praticamente nulas (linux ainda muito no principio a nível de desktops e apple em grande parte da europa não se sabia o que era) e o firefox (Mozilla na altura) estava a ‘lutar’ por isso, mas nos dias que correm…

      • Isto cansa mas caneco quando as pessoas não se preocupam em estarem informadas pra falar…

        NT, a Microsoft foi multada por abusar da sua quota de mercado. Passo a explicar.

        A empresa A tem uma quota de mercado de 85%.
        A empresa B tem uma quota de mercado de 10%.
        A empresa C tem uma quota de mercado de 5%

        A empresa A não pode impingir um browser ao cliente por ser contra as normas de mercado, que aconselham uma empresa a não abusar do seu estatuto monopolista com consequências gravosas tanto a nível financeiro como económico.

        Se a empresa A não detivesse uma fatia tão grande de quota de mercado não havia problema e não haveria multa. Entendido?

        Não faz sentido falarem em OSx bla bla bla, linux bla bla bla. Estas empresas não detêm uma quota de mercado significativa para isso se verificar.

        A ignorância é inimiga de muita coisa, principalmente da boa conduta. ;)

      • Lamento, mas qualquer distribuição Linux permite desinstalar o Browser com apenas 2/3 cliques ou uma linha de comando… Já o janelinhas não permite fazer o mesmo… Logo, não metas o Linux no mesmo saco do janelinhas e companhia… =)

        • Yolin, em vez de andares ai a tentar bater o record dos comentários… Explica então a todos nos, como remover com 2/3 cliques o IE do janelinhas…

          No Ubuntu ( que foi o que o NT falou em cima ) basta abrir o Centro de Software para instalar e desinstalar um Browser… ou um sudo apt-get remove firefox ( por exemplo )
          claro que se quiser mais completo posso fazer mais uns passos, mas assim basta para nunca mais ver o firefox…

          Fico a espera da explicação para remover o IE, Yolin….

  8. Uma treta. O software da Apple, também não vem com o Safari lá espetado? Então…

  9. Se multam a Microsoft por oferecer o seu browser no seu SO, porque quê que a Apple também não é multada por trazer trazer o seu browser Safari no OSX?

    • O Safari pode ser desinstalado como qualquer outro programa. O OS X não depende do Safari. É apenas mais um programa, um browser. No Windows, o IE faz parte integrante do sistema. Não é possível desinstalá-lo sem afectar o (bom?) funcionamento do Windows.

  10. Duvido que eles tenham que pagar alguma coisa… Eles tão a por o navegador deles no SEU próprio sistema operativo.

  11. Simplemente uma palhaçada…
    Se a Microsoft blindasse o seu SO de forma a não ser possivel a instalação de outro browser ainda percebia, agora assim…
    Esta multa só pode ser explicada porque que necessitam de injetar dinheiro em algum banco que necessita de dar prémios milionários aos seus gestores por bom desempenho…

  12. Em minha opinião, se é para fomentar a concorrencia e as alternativas, fazia muito mais sentido ‘obrigar’ a MS a reembolsar o valor da licença do Windows na compra de PC/Portátis quando o utilizador não quer utilizar o windows (já tem outra licença, vai utilizar outro SO, …)

    • Nuno José Almeida

      O problema é que não existe legislação que permita isso, essa era em dúvida a situação ideal. Chegou a haver uma campanha europeia chamada “imposto M$” porque a verdade é que os fabricantes nos obrigam a pagar um imposto sempre que compramos um computador.

      • chegou a haver muita gente na europa que pediu o reembolso por não aceitar a EULA…no brasil também houve relatos…

        Actualmente, penso que a licença mudou e acho que já não é possivel fazê-lo…ou seja Monopólio de mercado(No hardware) e a seguir obrigas o cliente a comprar obrigatoriamente o teu SO…grande jogada…

        Ou seja és obrigado a pagar um Imposto á M$ por utilizares qualquer SO na tua maquina é assim que eu traduzo a coisa…

        cmps

        • Pagas por utilizar outro OS (como é o meu caso) ou até mesmo o Windows !!!

          Imagina que compraste uma licença Win7 (ou Vista ou até XP, não interessa) e que te permite instalar o SO no teu novo computador. Vais pagar na mesma Windows que tens no computador novo …

  13. infelizmente muitas pessoas aqui têm muito má memória, talvez fruto da imaturidade de muitos leitores que acedem ao pplware (sem ofensa para ninguem claro e mesmo me arriscando a ser “cilindrado” por comentários),

    Talvez um pouco de história ajude:

    Numa altura em que quase ninguem sabia o que era browsers, houve uma empresa pioneira de nome Netscape que lançou um browser chamado Netscape Navigator. Na altura esse browser era pago e era uma altura em que o Bill Gates não reconhecia o potencial da internet. Quando a Microsoft percebeu que chegou tarde à massificação da internet, passou a incluir o IE de forma gratuita no Windows.

    Mais do que isso, a internet começou a utilizar o monopólio que na altura era ainda maior do Windows, para promover que os web designers desenvolvessem web sites optimizados para o IE sem cumprir qualquer standard. Isto significou que os sites deixaram de ser compatíveis com o Netscape e que graças a esses dois pontos (a inclusao do IE de forma gratuita no Windows e a imposição dos seus próprios standards e tecnologias) arruinou a Netscape.

    Durante estes anos de modo a Microsoft manter as pessoas agarradas ao IE e ofuscar a concorrência (leia-se Opera e firefox) deu sempre ainda a desculpa que o IE não podia ser desinstalado porque era construído de forma a estar completamente integrado nas versões até À do Windows XP. Com isto como é obvio uma empresa que detinha quase 100% da quota de mercado dos computadores pessoais, e como o internet explorer vinha “embutido” no windows sem hipoteses de as pessoas sequer saberem o que eram browsers.

    Para muitas pessoas o simbolo do “e” do internet explorer era aceder À internet de forma a que estratégia da microsoft foi conduzida. Óbviamente que isto prejudicou a inovação no campo das tecnologias standard e os restantes autores de browsers que no geral eram bastante superiores à microsoft. E originou algo muito pior, páginas muito mal concebidas por as pessoas passarem por cima dos standards existentes e quererem fazer um site compatível com IE. Até há pouco tempo existia duas formas de desenvolver sites, uma para o Firefox, opera e outra para o IE.

    Por isso esta atitude da UE foi de bastante pedagogia pelo menos para todos os utilizadores dos países europeus. Aliás informem-se sobre o caso pesquisem na internet. A Microsoft devido a este caso foi condenada em processos Anti-Trust por abuso de posição dominante não só na união europeia mas também nos EUA.

    Tenho dito!

    • Leiam este comentário e deixam de dizer asneira nos comentários…

      • Asneiras pq? Acho bem que a microsoft tem sido multada por não cumprir com uma decisão que tinha acordada , mas como muita gente disse, então apple não é multada pq? Eu quando compro um mac, só tenho o safari sem opção de escolha, pq é que isso é diferente?

      • Li o comentario.
        Fiquei na mesma.

        Como antes tenho a possibilidade de puxar outro browser e fazer uso do mesmo.

        Ignorancia não é desculpa; não procurar informação também não.

        Antes de mais compreenda-se que este comentario vem de alguem que não apoia a Microsoft de todo – Mas se em tempos houve de facto justificação para atacar a Microsoft pela forma como o OS trabalhava de facto com o IE em varias situações, isso agora já não é o caso de todo, e este processo so mostrou o como há empresas a espiolhar os buracos das coisas para tentar tirar lucro em vez de tentarem fazer que os seus produtos valham algo no mercado.

        Já estamos há muito tempo com o “mercado aberto”, o monopolio de browsers da Microsoft não se estava a sentir e vamos lá ver do que isso serviu para a Netscape, ainda para mais com a -outra- concorrencia.
        Pois, parece que o lixo ainda é lixo.

        • Traul,
          Pegando nas tuas palavras: “…Mas se em tempos houve de facto justificação para atacar a Microsoft pela forma como o OS trabalhava de facto com o IE em varias situações, isso agora já não é o caso …”

          É presisamente desses “tempos” que este processo/multa se refere.

          Já pensaste que este processo terá ajudado a que hoje estejamos “…há muito tempo com o “mercado aberto” …” ?

          A MS fez um acordo e não cumpriu, logo é multada … end of story.

    • roliveira,
      Obrigado pelo enquadramento histórico. Por acaso sou desse tempo, lembro-me do tema, e há época foi muito importante para combater o abuso da posição dominante da MS.

      Mas actualmente ainda fará sentido ? Não estou com isto a defender a MS. Se estava obrigada a fazer, então deve faze-lo.

      • Darktux faz sentido porque a Microsoft não cumpriu a decisão anterior da União europeia para castigar o uso de posição dominante de mercado por vários anos para adulterar o mercado dos browsers a seu favor. Podes argumentar que a decisão do “balot screen” tenha chegado tarde, mas de facto era o castigo que a UE deliberou.

        Se não cumprires uma obrigação que tens, não faz sentido que leves uma multa? É a mesma coisa :)

        • roliveira, quanto a isso estamos totalmente de acordo. Não cumpriu, logo, multa. Acho bem.

          A minha questão era mais teórica/em abstrato, isto é, se nos dias de hoje ainda se justifica impor a questão da opção do browser.

          Pesno que terá perdido algum peso em relação à época em que foi imposta, mas também gostava de ter a tua visão do tema.

          Cumps.
          dtx

    • Finalmente um comentário com pés e cabeça.

      Desculpem-me os mais incautos mas lê-se para aqui tanta ignorância que até mete impressão. Não querendo ofender ninguém mas por favor, pensem antes de escreverem.

      Parabéns roliveira ;)

  14. Vejam a coisa de outro ponto.

    Se tinham instruções para colocar , pq não colocam ???

  15. Acho esta multa é uma estupidez. Creio que queriam instalar Windows 8 nos PC lá da Comissão Europeia e então esta é uma forma de fazer um desconto forçada… Que negociadores…

  16. Então, mas eu recebo e sempre recebi (mesmo naquelas alturas em que é falado o tal incumprimento) o “ecrã de selecção de browser” em qualquer PC que formatasse. Esta multa traz água no bico.

  17. O roliveira disse tudo, só não percebe quem não quer… Menos Facebook fazia bem a algumas cabeças…

  18. Nem consigo entender a ira de certos utilizadores contra o Windows (seja ele que versão for) e o IE e ainda muito menos esta multa de Bruxelas contra a M$ que é completramente descabida e falsa.

    1º.- Ninguém é OBRIGADO a utilizar o Windows e muito menos o Windows com o IE mesmo que venha instalado de origem. Quem não gostar do Windows, utilize… … Mac ou Linux (há mais algum SO que desconheça?);

    2º.- Mesmo com o IE instalado na versão Windows, só o utiliza quem quer. Trabalho com Windows desde a primeira versão até à 8 inclusive e desde o W98 que utilizo ou o Firefox, ou o Ópera ou o Chrome. O SO não me impede de instalar estes navegadores e de utilizá-los. E também utilizei o Netascape Navigator, além de outros navegadores que trabalham sob o motor do IE, logo, Bruxelas está a incorrer em erro crasso porque todos os utilizadores são livres para utilizarem o navegador que mais lhes convém, a não ser que a multa seja pelo facto de o IE vir já com o SO… Mas se o SO é propriedade da M$, não pode esta empresa incluir nesse sistema o que bem entender?

    Também não entendo a eterna guerra entre Windows e outros SO’s, entre os vários navegadores, assim como a eterna guerra entre AMD e Intel, já não indo para as guerrinhas da GeForce vs ATI (agora AMD) nas gráficas. Quem conhece a matéria, sabe o que cada uma destas marcas pode disponibilizar para as suas reais necessidades. E o que eu preciso para o meu trabalho pessoal, não tem de ser igual ao que o Zé Manel da Esquina precisa para o trabalho/lazer dele…

    Depois é como a fidelização às marcas. Sempre utilizei GeForce nas minhas máquinas até ao dia em que resolvi experimentar ATI (HD 5770) pela primeira vez. Gostei e deixei de usar GeForce… Os meus CPU’s sempre foram Intel desde o i286 e as boards sempre foram Asus porque nunca tive problemas com qualquer destas marcas. Fidelizei-me também à Seagate porque ainda tenho discos do tempo em que 60GB eram uma bomba, a funcionarem sem descanso (não sei até quando, mas ainda funcionam para arquivo de documentos de texto)…

    • Pf lê o comentário do roliveira (mais acima).

      À data dos factos a imposição fazia sentido e foi importante para a ‘diversidade’ dos browsers.

      Actualmente, apenas se está a aplicação a sanção por não terem cumprido o acordo.

    • Boas…

      Ai é que esta o problema…não consigo entender como vocês não conseguem perceber coisas tão basicas…

      Relei-a o seu ponto 1 ate a “morte”!!

      Claro que não somos obrigados a usar windows…o problema é que somos obrigados a paga-lo quer usemos ou não!!

      1) – Para isto ser Justo, a Comissão Europeia deveria Obrigar todos os Fabricantes de PC’s GENÉRICOS(Multipurpose) na Europa a:

      a) Obrigatoriamente disponibilizar 3 maquinas por Empresa de Hardware, com um SO Livre.

      b) Obviamente abaixo do preço da mesma maquina com um SO Pago(como é evidente)…existem pessoas com menos poder de compra e esta é uma oportunidade dessas poderem ter acesso ao ensino informático, etc, além de que seria um SO livre…

      c) 1 maquina low-end, 1 mid-end, e 1 High End.

      2) – Todos os Fabricantes proprietários(Apple , e afins), ficariam para já excluídos desta medida, pois os mesmos não influenciam de forma alguma as praticas concorrenciais de mercado!!

      3)todos os fabricantes GENERICOS ou não podem instalar , respeitando os pontos acima, qualquer SO no resto das maquinas que vendem(tirando as 3 referidas com SO livre).

      Estava resolvido o problema!!

      As nossas Empresas europeias de SO’s poderiam desenvolver a sua actividade livremente, ficando desta forma protegidas das gigantes Internacionais.

      Haveria concorrência de mercado de uma forma saudável.

      Haveria Emprego para a malta que se forma na Area.

      O cliente sairia a ganhar, pois teria opção de escolha e não seria obrigado a pagar coisas que depois não vai usar(~aprox 150 euros)…

      Desta forma a M$ deixaria de ser multada…isto claro se deixa-se de “apertar a gravata” aos Productores de hardware como faz hoje em dia…

      Que me dizem a esta medida??

      Com ela os fans da M$ poderiam ficar descansados para sempre!

      E desta forma os fans de outros SO’s poderiam finalmente descansar, do roubo que lhes tem sido infligido!

      digam de vossa justiça…

      cmps

      • Não me parece nada mal, mesmo.
        Não sendo tão ambicioso, eu começava por obrigar a MS a reembolsar o valor da licença do Windows aos consumidores que não pretendem utilizar o SO que vem instalado na máquina.

      • Lembra-te é do pormenor de que grande parte do pessoal comprava o PC mais barato e ia a correr formatar o disco para instalar uma versão do windows pirata nele (por desconhecimento de linux ou porque simplesmente linux não serve para o que pretendem)

  19. Eles recuperam o dinheiro a fazer auditorias às empresas e a cobrar multas por uso de software ilegal, em alguns sítios em Portugal passou 1M €.

  20. Para quê tanta discussão?

    O problema aqui foi que a Microsoft fez um acordo e não cumpriu. Ponto Final.

    Seja justo ou não, isso não está aqui em questão. Um acordo é para cumprir, não cumpriram, são multados.

  21. Isso de fazerem 1 desconto de 150€ para equipmento Sem windows e que era.

    Podiamos comprar 1 NetBook por cerca 100€ ou menos dava jeitinho.

    • Não acredito que o desconto chegasse a tanto.

      Na realidade penso que ninguém sabe ao certo quanto é que a MS cobra pelas licenças OEM, mas naturalmente estará bem abaixo do preço do windows equivalente na loja.

      Então nos netbooks o preço é ainda mais esmagado. Lembra-te que quando os 1ºs netbooks apareceram com linux (aqueles da asus com 7″) a MS quase que oferecia as licenças do XP aos fabricantes.

  22. Eu acho que esta lei da UE não tem sentido nenhum.
    O produto é da MS estão a entrega-lo ao utilizador de forma gratuita, dão a liberdade de escolha a todos! Porque ninguém é obrigado a utilizar e pode escolher o browser que bem entender! Acho que a ignorância das pessoas (para instalarem outros browser ou de saberem o que é um browser até)não pode ser vista como desculpa para nada!
    o iPad tem um posição dominante dos tablets e não vejo ninguém a chatear-se porque obriga os utilizadores a usar o Safari! Podem desinstalar o Safari no iOS? Pois, bem me parecia…
    Como outros utilizadores já disseram em cima o Windows traz muito outro software por defeito, por esta ordem de ideias tinham de vender o Windows completamente despido de funcionalidades.

    • Pf lê o comentário do roliveira (mais acima) para perceberes bem o enquadramento historico do tema. À data do acordo/obrigação fazia todo o sentido, e terá ajudado a que hoje tenhas a liberdade de escolha que referes.

      Para além disso, não compares alhos com bugalhos: A Apple vende um pacote fechado hardware/sofware e também não tem 99% do mercado como tinha a MS na altura. À épooca havia dúvidas, inclusivamente, se a Apple iria sobreviver.

      • Sim, já me informei sobre o contexto histórico. O que digo é que nos dias de hoje já não faz o mínimo de sentido.

        Para além disso qual é a diferença entre o sistema fechado do Mac OS ou iOS e o Windows, muda em alguma coisa?

        Então se o Mac Os tivesse 99% da cota de mercado já não fazia mal incorporar o Safari? Então nesse caso já nao era um abuso da posição dominante em relação à concorrência? Não faz sentido

        • Diogo, hoje pode não fazer sentido, mas a multa não é pelo que a MS está a fazer hoje, é pelo que a MS não fez no passado (e estava obrigada a fazer). Não cumpriu e foi multada por isso.

          Dando um exemplo muito básico, mas talvez seja util para ilustrar a ideia: imagina que ontem circulaste numa estrada e ultrapassaste o limite de velocidade e foste fotografado.

          Hoje o limite de velocidade dessa estrada foi aumentado e, de acordo com o novo limite, a velocidade a que circulaste ontem passou a ser legal (hoje).

          O que acontece é que vais ser multado (e bem) na mesma, pois apesar de já não ser proibido andar aquela velocidade, no dia em que andaste era, e portanto deves ser multado.

          Para terminar, peço desculpa pelo longo comentário, os monopólios (ou quase) numca beneficiam o consumidor. Tens vários exemplos:
          1) Quando em Lisboa só tinhas a TVCabo a operar esses srs faziam o que queriam. Com a entrada da PT e da Vodafone os preços cairam e a TVCabo (agora Zon) teve de dar mais atenção aos clientes

          2) Na minha rua existe um Pingo Doce há anos. Recentemente abriu um Lidl. Os preços no PD baixaram e até passaram a oferecer 1h de estacionamento

          Não sou cliente Apple e provavelmente nunca irei ser (não interessam para aqui as razões) mas ainda bem que têm sucesso e que cresceram em quota de mercado nos PC’s.

          Espero também que os Chrome Books tenham sucesso embora não tencione comprar nenhum.

          Existirem opções e concorrências beneficiam os consomidores, NÓS.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.