Xapear SSD – Um disco SSD com super protecção

Possibilidade de eliminar dados remotamente e protecção de dados por RFID

A maioria de nós guarda muita da sua informação em discos externos (informação pessoal e também informação da empresa). Essa é actualmente uma das formas mais simples e rápida de guardar dados mas, normalmente, essa informação está completamente “desprotegida” e, no caso de alguém nos roubar o disco não temos disponível qualquer mecanismo que nos permita pelo menos a destruição da informação.

A pensar nestes problemas de segurança, a empresa chinesa RunCore anunciou recentemente um disco SSD que permite ao utilizador eliminar dados remotamente e proteger dados sensíveis numa partição protegida por um cartão RFID.

ssd_00

Esta semana, a Ana Narciso iniciou uma rubrica que tem como objectivo apresentar informações sobre o mundo dos discos mas também gerar um “debate tecnológico” entre todos os leitores para troca de conhecimentos e experiencias (ver aqui). Como todos sabemos, a informação/dados é “algo” demasiado importante que deve ser preservada com a maior segurança. Há muita informação que podemos encontrar na Internet…mas a nossa informação pessoal normalmente só está nos nossos dispositivos.

ssd_01

A pensar na segurança da informação dos utilizadores, a RunCore anunciou o Xapear SSD, um disco capaz de destruir toda a informação nele contida através de uma simples acção remota por parte do utilizador. Na prática, e uma vez que o Xapear SSD integra um cartão SIM, o utilizador apenas terá de enviar um SMS para que o disco elimine toda a informação. Após a eliminação, o utilizador recebe uma mensagem de retorno, com a confirmação da acção.

Além disso, o disco SSD disponibiliza ainda uma partição normal e uma outra partição, com elevada segurança, que apenas é activada quando o utilizador passa o seu cartão RFID sobre o dispositivo.

Depois de passado o cartão RFID, se o utilizador o voltar a fazer, o Xapear SSD emite um bip e desactiva essa partição segura.

Veja uma pequena demonstração do Xapear SSD

 

Segundo informação da própria empresa, o Xapear estará disponível em 8 GB, 16 GB, 32 GB, 64 GB e 128 GB. Até ao momento ainda não há qualquer informação sobre o preço dos mesmo. De referir que o disco liga a qualquer porta USB o que limita de certa forma as performances de um disco SSD.

Homepage: RunCore Xapear SSD





  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


12 Comentários

  1. Grande utilidade! Na realidade todos sabem, quem precisa de algo assim é quem “deve” (pedófilo, corrupto,etc)

    • Pois, bem visto…este tipo de tecnologia tanto está disponível para os “bons” como para os “maus”

    • Deves estar a brincar… mas caso não estejas, devo lembrar os mais distraídos que viver na era da informação criou muitos negócios que são baseados apenas em sistemas informáticos.
      Desde projectos de produtos a resultados de investigações, muita gente quer ver as suas informações protegidas de terceiros, especialmente concorrência.

  2. preciso instalar um desse no meu home computer e um outro na minha cabeça quando a dona encrenca vier com os interrogatórios… o.o

  3. Como é feito pelos chineses, com certeza que trás uma “porta do cavalo” para coscuvilhar se for preciso. (Quem diz chineses, diz americanos, e por aí em diante.)

    Pareceu-me ter lido que tem uma grande protecção… proporcionada por um cartão RFID… mas isto é alguma anedota? A tecnologia RFID não proporciona segurança real. Se fosse cartão de chip que usa-se NTRUEncrypt public key com um nível apropriado a 256 bits de protecção… enfim, já seria mais seguro, e mesmo assim teria de pedir um PIN no hardware.

    Em lado nenhum fala em encriptação, apenas em partição oculta… e mesmo que use encriptação pode não ser segura, ou não estar bem implementada… e o facto de usar RFID é uma garantia disso mesmo!

    Como pode incluir cartão SIM, supostamente para poder eliminar à distância (não dizem o quê exactamente, nem que método seguro usa… se algum, nem quanto tempo demora a eliminar tudo, nem em que circunstâncias), e ainda serve para que terceiros possam localizar o dispositivo “seguro”, segurança? Nãã.

    Por último… USB 2.0?? No mínimo para um produto novo já devia estar preparado para o USB 3.0, eSATA 6 Gbit/s e FireWire.

  4. Seria interessante alguém tentar crakar isto, ou seja. Abrir o disco e ter acesso a partição protegida por RFID.

    Será que não dará mesmo?

    A grande novidade deste produto quanto a mim é a integração de um SIM, a não ser que seja facilmente removido e quem o “roube” saiba precisamente o que fazer mal o tiver na mão.

  5. Esse fabricante tem uma soluçao mais interesante, com dois botoes, um deles proporciona a autodestruiçao fisica do disco.

    Um must para o nosso Portugal, ja que deixam de ser precisos tachos para fazer as provas desaparecer. No momento da rusga basta carregar no botao vermelho.

    Acho que é a gama indestructible ou la o que é.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.